Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

letra

 

It was all a dream...
I have a dream...
I have a dream...
It was all a dream...

Tu tens que provar que és capaz quando meia terra duvida
Só encontrarás a tua paz numa guerra com a vida
Como a vida é uma guerra eu vivo pronto pra ela
Vitórias e frustrações em confronto na cela
Memórias, recordações, historias e ambições
Fazem soltar o monstro, vou ver se encontro a bela
Procuro conforto nela e o meu primeiro desejo
Voltar a ser inocente como no meu primeiro beijo
Mas esse tempo está tão longe no espaço esquecido
Chegamos até os dias de hoje, foram passos escolhidos
Por cada passo que se acerta haja dois passos perdidos
Sinto-me a dois passos da meta
Mas descalço numa reta...
De cacos de vidro...
Setas e olhos vendados
Não é a tropeçar que se aprende, é com tombos bem dados
Sozinho levanto-me fico forte Os vossos ombros nem dados
Como eu nunca tive sorte eu vou a jogo sem dados
E uns ficam sentados no cadeirão dos lamentos
Sem saberem coitados que felicidade são momentos
Ou vives ou não vives, ou aproveitas ou não
Porque os momentos que passaram jamais voltarão..

Eu vivo o sonho de sonhar acordado
Mas suponho já me ter encontrado
E o que somos já fomos a sonhar
Então deixa-me viver até um dia acordar
Deixa-me viver até um dia acordar
Até um dia acordar
Até um dia acordar
Até um dia acordar
Deixa-me viver... a sonhar...

Queria acordar que o sonho durasse para sempre
Outras ao acordar que tudo fosse diferente
Eu acho que hoje muita gente vive uma vida sem sonhos
Sem sabermos realmente nesta vida quem somos
Ou quem fomos para onde vamos ou aquilo que queremos ser
Muitas vezes só sonhamos com aquilo que queremos ter
Quando apenas nos focamos só naquilo que podemos ver
Sem saber que este mundo onde estamos é enorme
E pode ser nosso, a girar na palma da mão
Dar vida à alma sonhando vivendo com calma, mas não
Os deixes para amanhã senão podes perde-los
E sonhos não realizados tornam-se em pesadelo
Então eu hoje quero lutar pelos sonhos que ontem tive
Eu torno a mudar, mas só ele me torna um homem livre
Alimenta a criança que dentro todo o homem vive
E alimenta a esperança que mantêm todo o homem vivo

Eu vivo o sonho de sonhar acordado
Mas suponho já me ter encontrado
E o que somos já fomos a sonhar
Então deixa-me viver até um dia acordar
Deixa-me viver até um dia acordar
Até um dia acordar
Até um dia acordar
Até um dia acordar
Deixa-me viver... a sonhar...
A Sonhar
A Sonhar
A Sonhar
A Sonhar
A Sonhar...
I Have a DAnnotateream...

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.