Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

 

Letra

 

se o mundo renega, no fundo a queda
faz perder a força no fim
se lutar não chega e a vida carrega
o barco navega sem mim

eu não quero imaginar isso

entende a ideia ainda nem vivemos metade
a merda tá séria e se queres competir vais ter que correr com mais agilidade
não percas o passo, subimos na escala, num mar agitado o fluxo não pára
debaixo do sol da tuga selvagem eu vim pa ficar habitua-te à cara
assim vai ser easy, deixa-me em peace b
não vim so p’a encher a mala do carro com guita e bom whisky
corresponder ao vicio, sem perder equilibrio
mas caso contrario vai ser complicado voltar ao inicio

dread
imagina só, enquanto a guita chove um puto fica ao sol a ver se pinga o copo, nigga, what?!
a chita corre, presa morre… liberta a tua mente já que presa morre!
mata o guarda da prisão, fá-lo virar pó…
rouba-lhe o bastão e faz dele um barrote,
eleva o teu chão, chega à nuvem 9,
aluno que tira questão há de sair Prof...
amassa o teu pão ya pq a massa é o teu pão ya
carcaça ou croissant ya, a minha raça é o coração ya,
saio de casa em oração ya, obrigado ao papão pai,
não tenho medo do chão Pai,
descansado no colchão caio,
já sonho com o pão Pai,
vou lutar pela vida, juntar-me a corrida, 'té que um dia no chão maye….
se for pa God um puto liga logo,
e se for pagode nunca desligo o modo,
eu vou po top, sente o toque, muita jigajoga,
a mente dobra pq tá bucha e se estica é yoga…. ptt imagina, imagina, imagina, imagina,
imaginaaa...
imagina meu puto
pq uma imagem vale mais que mil palavras
uma mensagem vai-te dar aquilo que esperavas
uma batalha sem espada não chega pa 'tares lá
ergue a tua tarja
faz a tua marcha
não percas a vantagem
leva leve a tua bagagem
acelera acelera acelera
dos 0 aos 100, real quick,
sê fera, sê fera, sê fera
mas faz o Bem, isso é a real shit…

 

Letra/Lyrics: Valas, ProfJam

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email