Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Passo a passo avanças, amargamente,
sobre o mau olhar de sem abrigos.
Sem abrigos que preenchem essa rua
conhecida pela sua amargura.

Sinais por todo lado,
encruzilhando esse teu caminho.
Pára, escuta, sente,
onde só o chão se quebra perante tal gente.

E pensas de dentro para ti
qual a razão, o porquê de estares ali.

Num gesto pouco hábil
apagas o cigarro que nunca te deixou
e ouves: "simples tudo seria,
se apagar o cigarro fosse o problema do teu dia"

Eu sei que gostas,nessas noites mais quentes,
olhar atentamente a cada vulto
que ameaça essa entrada, mas nada nem ninguém
ousa lançar mau olhar nessa tua estrada.

E pensas de dentro para ti
qual a razão, o porquê de estares ali.

Sobre esse mau olhar na rua d'amargura,
desfilas nesse passeio como se a rua fosse tua.
Procurando para ti a razão de estares ali,
procurando nesse passeio o caminho de volta.

Twitter - http://www.twitter.com/silvestreoreal
Bandcamp - http://www.tiagosilvestre.bandcamp.com/
Soundcloud - http://www.soundcloud.com/tiago-silve...

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.