Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

Antes de editar o segundo álbum, os The Godspeed Society estreiam uma nova canção por concerto e recolhem os fundos para gravar a seguinte. A primeira data é já a 12 de novembro no Musicbox, em Lisboa.

Os The Godspeed Society preparam-se para lançar o seu segundo longa duração e, mais uma vez, apostam numa forma não convencional. Se no primeiro trabalho, "Killing Tale" (2012), a banda apostou num disco acompanhado de um conto, agora, com imagem e sonoridade renovadas, lança o seu novo disco música a música e com o apoio do público.

Para o novo álbum, os The Godspeed Society inspiraram-se na ideia das cartas, com um conjunto de pequenas narrativas.  A banda criou o conceito Last Words Sessions: periodicamente, apresentará o seu novo espetáculo e as novas canções/carta em primeira mão, no Musicbox, com a receita de cada concerto a financiar a produção de um novo tema.

Cada tema estará posteriormente disponível num inovador sistema de audição 3D, que permite uma experiência diferente ao ouvinte mediante a utilização de auscultadores tradicionais.
 
Influenciados pelas cores do outono e pelo Dia das Bruxas, os The Godspeed Society escolheram o mês de outubro para revelar antecipadamente o seu novo single, “Witchcraft”, a primeira de muitas cartas.
 
Já a primeira das Last Words Sessions decorre a 12 de novembro no Musicbox, em Lisboa. O bilhete custa 4 euros e dá direito ao espetáculo e ao download gratuito de "Witchcraft" em 3D.

Retirado do Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email