Sábado, 26.07.14

 

Vilar de Mouros

 

Festival Vilar de Mouros 2014, o 1º Festival 100% de Economia Social

Últimas confirmações e outras novidades

 

 

The Legendary Tigerman é a última confirmação artística para o cartaz do Palco Principal do Festival Vilar de Mouros 2014, estando o seu espectáculo marcado para 2 de Agosto. Também para o mesmo dia se confirma mais uma actuação no Palco Histórico, a do grupo Brantner.

 

As novidades relativas ao Festival Vilar de Mouros, que se realiza de 31 de Julho a 2 de Agosto, continuam a surgir e a tornar ainda mais especial o regresso daquele que é o mais antigo festival do país.

 

Além de ser o primeiro festival 100% de Economia Social, o Festival Vilar de Mouros 2014 é igualmente o primeiro festival a implementar o WalkTicket TM (www.walkticket.com).

 

Este novo sistema de bilhética consiste na utilização de um ingresso, que funciona como voucher ou folheto promocional, e que pode converter-se em bilhete válido para o evento a partir do momento em que o seu detentor pague o mesmo valor de um bilhete através do Multibanco, em qualquer caixa ou Homebanking. No próprio WalkTicket constam todos os dados necessários para a conversão do voucher em bilhete válido.

 

O acesso ao festival poderá ser efectuado com um bilhete diário (por 30,00€) ou com um passe de três dias (por 60,00€). Devido à enorme procura de bilhetes, e por razões de segurança, a organização do Festival decidiu – excepcionalmente este ano – permitir que também os festivaleiros com bilhete diário, e que pretendem utilizar o parque de campismo, inicialmente previsto apenas para os utilizadores com passe de três dias, o possam fazer.

 

É possível ainda adquirir o bilhete Acesso Exclusivo VIP, válido para os três dias do Festival e com uma edição limitada para apenas 50 unidades. Este bilhete dá acesso à zona VIP do Festival (onde estarão artistas, convidados e que tem uma vista privilegiada sobre o recinto) e inclui uma visita guiada ao backstage.

 

Por ser organizado pela Fundação AMA Autismo, uma IPSS que tem por missão promover o apoio e a valorização da pessoa com Perturbação do Espectro do Autismo, o próprio festival será também um espaço de sensibilização para esta problemática e para a divulgação desta complexa doença. O acesso à zona VIP é gratuito para pessoas com autismo ou outras problemáticas, com acompanhante e mediante marcação antecipada (sujeito à limitação do próprio espaço).

 

O Festival Vilar de Mouros VOLTOU e faz história inovando e contribuindo para que a música preste o seu tributo a uma causa social.

 

::::

 

 

MÚSICA + NATUREZA + HISTÓRIA + SOLIDARIEDADE SOCIAL

 

HORÁRIOS DOS CONCERTOS

 

31 de Julho

Quinta

1 de Agosto

Sexta

2 de Agosto

Sábado

Palco Principal

 

00:30 UB40’s Ali Campbell,

Astro and Mickey Virtue

23:00 LA UNION

21:30 BLIND ZERO

20:30 TRABALHADORES DO COMÉRCIO

19:30 CAPITÃO FAUSTO

 

 

00:15 PEDRO ABRUNHOSA

22:30 THE STRANGLERS

21:00 BLASTED MECHANISM

19:00 JOSÉ CID

 

 

 

01:30 GUANO APES

23:45 TRICKY

22:00 XUTOS E PONTAPÉS

20:30 DEOLINDA

19:30 THE LEGENDARY TIGERMAN

 

 

Palco Histórico

Vilar de Mouros Sunset

 

 

18:15 Youthculture (Reggae)

17:00 Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz)

 

 

18:15 Budda Power Blues (Blues)

17:00 Trio Págu (MPB)

 

18:30 The Lazy Faithful (Rock)

17:30 Búfalo (Rock)

16:30 Brantner

 

Nota: No dia 30 de Julho, decorre a recepção ao campista, a partir das 18h00, e a noite será animada por DJs. A entrada é gratuita nesse dia.

 

 

 

2 palcos (palco principal + palco histórico)

DJs

Campismo para bilhetes diários (novidade!!) e passes de três dias

Actividades radicais 

(slide, rappel, canoagem, arborismo, parede de escalada 10 metros)

Gastronomia

 

PREÇOS

Bilhete diário: 30,00€

Passe 3 dias: 60,00€

(ambas as modalidades dão acesso ao campismo)

 

BILHETES À VENDA EM

Last2ticket.com

www.vilardemouros.last2ticket.com

Ticketline.sapo.pt

ticketline.sapo.pt/evento/vilar-de-mouros-8445

CTT

www.ctt.pt/feblh/sku.jspx?shopCode=BLHT&itemCode=76437&idShow=76437&categoryCode=25000000636

 

HORÁRIOS GERAIS

INÍCIO PALCO PRINCIPAL: 19h30 

(à excepção do dia 1 de Agosto, cujas actuações começam às 19h00)

 

INÍCIO PALCO HISTÓRICO: 17h00

 

ABERTURA do RECINTO

30 de Julho: 18h00

31 de Julho, 1 e 2 de Agosto: 16h30

 

ENCERRAMENTO do RECINTO: 06h00

 

LINKS

www.festivalvilardemouros.com

www.facebook.com/FestivalVilarDeMouros

www.fundacaoamaautismo.pt



publicado por olhar para o mundo às 21:01 | link do post | comentar

Sexta-feira, 18.07.14

Festival Vilar de Mouros 2014, o 1º Festival 100% de Economia Social Palco Histórico acolhe Vilar de Mouros Sunset   Encerrada a programação do Palco Principal do Festival Vilar de Mouros, são agora divulgados os artistas que, de 31 de Julho a 2 de Agosto, irão actuar no Palco Histórico: Budda Power Blues (Blues), Búfalo (Rock), Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz), The Lazy Faithful (Rock), Trio Págu (MPB) e Youthculture (Reggae).   Vilar de Mouros, que é o 1º Festival 100% de Economia Social, aposta, assim, numa programação ecléctica, para  toda a família, direccionada para várias faixas etárias e para vários gostos musicais, tal como desde a sua primeira edição em 1971.   Ao Palco Principal irão subir os nomes mais conhecidos do cartaz do festival, artistas nacionais (Pedro Abrunhosa, Xutos & Pontapés, Blind Zero, Blasted Mechanism, Trabalhadores do Comércio, José Cid, Deolinda e Capitão Fausto) e internacionais (os UB40 de Ali Campbell, Astro and Mickey Virtue, Guano Apes, La Union, The Stranglers e Tricky), com carreiras mais longas ou mais recentes, com sucessos mais massificados ou com epíteto de artista ou grupo de culto.   No Palco Histórico vão realizar-se as actuações Vilar de Mouros Sunset, com uma programação temática. No dia 31 de Julho, os Youthculture (Reggae) e o Trio Págu (MPB) trazem vertentes diferentes de World Music; no dia 1 de Agosto o pôr-do-sol será ao som de Jazz & Blues, com os Budda Power Blues (Blues) e Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz); no dia 2 de Agosto, será a vez do Rock dos The Lazy Faithful e de Búfalo.   No dia 30 de Julho, a entrada é gratuita e o recinto abrirá às 18h00 para a recepção ao campista e para a animação com Djs durante a noite. Os espectáculos no Palco Principal decorrem a partir das 19h30 (excepto no dia 1, que têm início às 19h00); no Palco Histórico, a partir das 17h00. Entre os dias 31 de Julho e 2 de Agosto, o recinto do festival funcionará entre as 16h30 e as 06h00.   O acesso ao festival poderá ser efectuado através da aquisição de um bilhete diário por 30,00€, ou de um passe de três dias por 60,00€ (com campismo incluído).   Além do cartaz musical, o Festival traz consigo um conceito inovador no nosso país, pois o Festival Vilar de Mouros 2014 é o primeiro grande evento de Economia Social, organizado exclusivamente por uma IPSS (Instituição Particular de Solidariedade Social), a Fundação AMA Autismo (www.fundacaoamaautismo.pt), sendo que todas as receitas do FVM 2014 serão aplicadas na construção do primeiro edifício multifuncional dirigido à população com Perturbação do Espectro do Autismo.   O Festival Vilar de Mouros VOLTOU e faz história ao contribuir para que a música preste o seu tributo a uma causa social.   MAIS SURPRESAS EM BREVE!   ::::   vilar-mouros-verde-03.jpgvilar-mouros-01.jpg MÚSICA + NATUREZA + HISTÓRIA + SOLIDARIEDADE SOCIAL   CARTAZ     31 de Julho Quinta 1 de Agosto Sexta 2 de Agosto Sábado   Palco Principal     UB40’s Ali Campbell, Astro and Mickey Virtue LA UNION BLIND ZERO TRABALHADORES DO COMÉRCIO CAPITÃO FAUSTO     PEDRO ABRUNHOSA THE STRANGLERS BLASTED MECHANISM JOSÉ CID   GUANO APES XUTOS E PONTAPÉS TRICKY DEOLINDA     Palco Histórico Vilar de Mouros Sunset     Youthculture (Reggae) Trio Págu (MPB)   Budda Power Blues (Blues) Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz)     The Lazy Faithful (Rock) Búfalo (Rock) Nota: No dia 30 de Julho, decorre a recepção ao campista, a partir das 18h00, e a noite será animada por DJs. A entrada é gratuita nesse dia.      2 palcos (palco principal + palco histórico) DJs Campismo Actividades radicais  (slide, rappel, canoagem, arborismo, parede de escalada 10 metros) Gastronomia   PREÇOS Bilhete diário: 30,00€ Passe 3 dias: 60,00€ (com campismo incluído)   BILHETES À VENDA EM Last2ticket.com www.vilardemouros.last2ticket.com Ticketline.sapo.pt ticketline.sapo.pt/evento/vilar-de-mouros-8445 CTT www.ctt.pt/feblh/sku.jspx?shopCode=BLHT&itemCode=76437&idShow=76437&categoryCode=25000000636   HORÁRIOS INÍCIO PALCO PRINCIPAL: 19h30  (à excepção do dia 1 de Agosto, cujas actuações começam às 19h00)   INÍCIO PALCO HISTÓRICO: 17h00   ABERTURA do RECINTO 30 de Julho: 18h00 31 de Julho, 1 e 2 de Agosto: 16h30   ENCERRAMENTO do RECINTO: 06h00   LINKS www.festivalvilardemouros.com www.facebook.com/FestivalVilarDeMouros www.fundacaoamaautismo.pt   MAIS SURPRESAS EM BREVE!

 

Festival Vilar de Mouros 2014, o 1º Festival 100% de Economia Social

Palco Histórico acolhe Vilar de Mouros Sunset

 

 

Encerrada a programação do Palco Principal do Festival Vilar de Mouros, são agora divulgados os artistas que, de 31 de Julho a 2 de Agosto, irão actuar no Palco Histórico: Budda Power Blues (Blues), Búfalo (Rock), Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz), The Lazy Faithful (Rock), Trio Págu (MPB) e Youthculture (Reggae).

 

Vilar de Mouros, que é o 1º Festival 100% de Economia Social, aposta, assim, numa programação ecléctica, para  toda a família, direccionada para várias faixas etárias e para vários gostos musicais, tal como desde a sua primeira edição em 1971.

 

Ao Palco Principal irão subir os nomes mais conhecidos do cartaz do festival, artistas nacionais(Pedro Abrunhosa, Xutos & Pontapés, Blind Zero, Blasted Mechanism, Trabalhadores do Comércio, José Cid, Deolinda e Capitão Fausto) e internacionais (os UB40 de Ali Campbell, Astro and Mickey Virtue, Guano Apes, La Union, The Stranglers e Tricky), com carreiras mais longas ou mais recentes, com sucessos mais massificados ou com epíteto de artista ou grupo de culto.

 

No Palco Histórico vão realizar-se as actuações Vilar de Mouros Sunset, com uma programação temática. No dia 31 de Julho, os Youthculture (Reggae) e o Trio Págu (MPB) trazem vertentes diferentes de World Music; no dia 1 de Agosto o pôr-do-sol será ao som de Jazz & Blues, com os Budda Power Blues (Blues) e Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz); no dia 2 de Agosto, será a vez do Rock dos The Lazy Faithful e de Búfalo.

 

No dia 30 de Julho, a entrada é gratuita e o recinto abrirá às 18h00 para a recepção ao campista e para a animação com Djs durante a noite. Os espectáculos no Palco Principal decorrem a partir das 19h30 (excepto no dia 1, que têm início às 19h00); no Palco Histórico, a partir das 17h00. Entre os dias 31 de Julho e 2 de Agosto, o recinto do festival funcionará entre as 16h30 e as 06h00.

 

O acesso ao festival poderá ser efectuado através da aquisição de um bilhete diário por 30,00€, ou de um passe de três dias por 60,00€ (com campismo incluído).

 

Além do cartaz musical, o Festival traz consigo um conceito inovador no nosso país, pois o Festival Vilar de Mouros 2014 é o primeiro grande evento de Economia Social, organizado exclusivamente por uma IPSS (Instituição Particular de Solidariedade Social), a Fundação AMA Autismo(www.fundacaoamaautismo.pt), sendo que todas as receitas do FVM 2014 serão aplicadas na construção do primeiro edifício multifuncional dirigido à população com Perturbação do Espectro do Autismo.

 

O Festival Vilar de Mouros VOLTOU e faz história ao contribuir para que a música preste o seu tributo a uma causa social.

 

MAIS SURPRESAS EM BREVE!

 

::::

 

 

MÚSICA + NATUREZA + HISTÓRIA + SOLIDARIEDADE SOCIAL

 

CARTAZ

 

 

31 de Julho

Quinta

1 de Agosto

Sexta

2 de Agosto

Sábado

 

Palco Principal

 

 

UB40’s Ali Campbell,

Astro and Mickey Virtue

LA UNION

BLIND ZERO

TRABALHADORES DO COMÉRCIO

CAPITÃO FAUSTO

 

 

PEDRO ABRUNHOSA

THE STRANGLERS

BLASTED MECHANISM

JOSÉ CID

 

GUANO APES

XUTOS E PONTAPÉS

TRICKY

DEOLINDA

 

 

Palco Histórico

Vilar de Mouros Sunset

 

 

Youthculture (Reggae)

Trio Págu (MPB)

 

Budda Power Blues (Blues)

Paulo Baixinho & The Soul Brothers (Soul/Jazz)

 

 

The Lazy Faithful (Rock)

Búfalo (Rock)

Nota: No dia 30 de Julho, decorre a recepção ao campista, a partir das 18h00, e a noite será animada por DJs. A entrada é gratuita nesse dia.

 

 

 

2 palcos (palco principal + palco histórico)

DJs

Campismo

Actividades radicais 

(slide, rappel, canoagem, arborismo, parede de escalada 10 metros)

Gastronomia

 

PREÇOS

Bilhete diário: 30,00€

Passe 3 dias: 60,00€

(com campismo incluído)

 

BILHETES À VENDA EM

Last2ticket.com

www.vilardemouros.last2ticket.com

Ticketline.sapo.pt

ticketline.sapo.pt/evento/vilar-de-mouros-8445

CTT

www.ctt.pt/feblh/sku.jspx?shopCode=BLHT&itemCode=76437&idShow=76437&categoryCode=25000000636

 

HORÁRIOS

INÍCIO PALCO PRINCIPAL: 19h30 

(à excepção do dia 1 de Agosto, cujas actuações começam às 19h00)

 

INÍCIO PALCO HISTÓRICO: 17h00

 

ABERTURA do RECINTO

30 de Julho: 18h00

31 de Julho, 1 e 2 de Agosto: 16h30

 

ENCERRAMENTO do RECINTO: 06h00

 

LINKS

www.festivalvilardemouros.com

www.facebook.com/FestivalVilarDeMouros

www.fundacaoamaautismo.pt

 

MAIS SURPRESAS EM BREVE!



publicado por olhar para o mundo às 21:58 | link do post | comentar

Quinta-feira, 10.07.14

Festival Vilar de Mouros 2014 ESTÁ FECHADO O CARTAZ do 1º FESTIVAL 100% de ECONOMIA SOCIAL

 

Festival Vilar de Mouros 2014

ESTÁ FECHADO O CARTAZ do 1º FESTIVAL 100% de ECONOMIA SOCIAL

 

Está fechado o cartaz da edição que traz de volta o mais histórico dos festivais de Portugal, Vilar de Mouros, que se realiza entre 30 de Julho e 2 de Agosto de 2014.

 

A somar aos nomes já divulgados, Blind Zero, Capitão Fausto, Deolinda, Guano Apes, José Cid, The Stranglers, Trabalhadores do Comércio e Xutos e Pontapés, são agora anunciadas as mais recentes, e definitivas, confirmações: Blasted Mechanism, La Union, Pedro Abrunhosa, Tricky e UB40’s Ali Campbell, Astro and Mickey Virtue.

 

O festival propriamente dito tem início a 31 de Julho, mas o dia 30 será dedicado à recepção ao campista, a partir das 18h00, e está prevista animação com DJs, noite dentro, sendo a entrada gratuita.

 

Para além das suas já conhecidas vertentes, musical, natural e histórica, o Festival Vilar de Mouros, neste seu regresso após um interregno de sete anos,  apresenta-se igualmente como o  primeiro grande evento de Economia Social, organizado exclusivamente por uma Instituição Particular de Solidariedade Social, a Fundação AMA Autismo.

 

Sendo organizado de 2014 a 2017 pela referida instituição, o Festival Vilar de Mouros vai abranger nos seus objectivos uma inovadora componente social, tendo em conta que todas as receitas do Festival serão aplicadas na construção do primeiro edifício multifuncional dirigido à população com Perturbação do Espectro do Autismo.

 

Segundo o Ministro da Solidariedade, Trabalho e Segurança Social, Pedro Mota Soares, Vilar de Mouros passa a ser mais do que um festival de música, tornando-se num projecto pioneiro em Portugal representativo na área da economia social.

 

De destacar que o retorno do Festival Vilar de Mouros só é possível graças  ao empenho assumido pela Câmara Municipal de Caminha, que apoia inequivocamente aquele que foi o primeiro festival a realizar-se em Portugal, reconhecendo as vantagens que um evento desta dimensão traz ao concelho e os benefícios directos para a população em geral e para a freguesia de Vilar de Mouros em particular.

 

O Festival Vilar de Mouros VOLTOU e faz história ao contribuir para que a música preste o seu tributo a uma causa social.

 

MAIS SURPRESAS EM BREVE!

 

::::

 

 

MÚSICA + NATUREZA + HISTÓRIA + SOLIDARIEDADE SOCIAL

 

 

CARTAZ

 

31 de Julho

UB40’s Ali Campbell, Astro and Mickey Virtue

LA UNION

BLIND ZERO

TRABALHADORES DO COMÉRCIO

CAPITÃO FAUSTO

 

1 de Agosto

PEDRO ABRUNHOSA

THE STRANGLERS

BLASTED MECHANISM

JOSÉ CID

 

2 de Agosto

GUANO APES

XUTOS E PONTAPÉS

TRICKY

DEOLINDA

::::

 

MAIS SURPRESAS EM BREVE!

 

::::

 

PREÇOS

 

Bilhete diário: 30,00€

Passe 3 dias: 60,00€ (com campismo incluído)

 

BILHETES À VENDA EM

 

Last2ticket.com

www.vilardemouros.last2ticket.com

 

Ticketline.sapo.pt

ticketline.sapo.pt/evento/vilar-de-mouros-8445

 

CTT

www.ctt.pt/feblh/sku.jspx?shopCode=BLHT&itemCode=76437&idShow=76437&categoryCode=25000000636

 

::::

 

LINKS

 

www.festivalvilardemouros.com

www.facebook.com/FestivalVilarDeMouros

 

www.fundacaoamaautismo.pt

 

 

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:23 | link do post | comentar

Quarta-feira, 06.11.13

 

Novo autarca de Caminha estuda modelo para festival de Vilar de Mouros


O autarca socialista de Caminha, Miguel Alves, disse hoje à Lusa que o festival de música de Vilar de Mouros vai regressar em 2014, mas não garante que seja com o modelo definido pelo executivo social-democrata anterior.


"Ainda não há uma decisão. Já nos reunimos esta semana com a equipa que está a trabalhar no festival e com a Junta de Freguesia de Vilar de Mouros, estamos em processo de análise", afirmou o socialista, que conquistou a Câmara Municipal de Caminha ao PSD nas últimas eleições.

 

O autarca assume o "desagrado" com o "contexto político" que rodeou a entrega, pelo executivo social-democrata que liderava a Câmara, da organização do festival a uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), poucas semanas antes das eleições. "Não dou como garantido que seja esse o modelo, nesta altura todas as hipóteses estão em aberto. Mas estamos a trabalhar para que possa haver um festival de Vilar de Mouros de grande qualidade", sublinhou Miguel Alves.

 

O maestro Rui Massena foi anunciado, a 10 de setembro, como escolhido para organizar a sessão de abertura do regressado festival de Vilar de Mouros, agendado, no modelo então definido, para entre 30 julho e 2 agosto de 2014, após oito anos de interregno.

 

A organização, segundo protocolo estabelecido com o executivo camarário anterior, está a cargo da Associação dos Amigos dos Autistas (AMA), uma IPSS que, em conjunto com a Câmara de Caminha e com a Junta de Freguesia de Vilar de Mouros - proprietária dos terrenos -, deveria assumir essa função até 2017.

 

"É uma questão que estamos e vamos continuar a discutir vivamente. Estamos a trabalhar, a refletir sobre as opções que foram tomadas e sobre aquilo que queremos fazer", enfatizou Miguel Alves, que recuperou a Câmara de Caminha para o PS, após doze anos de liderança do PSD, com Júlia Paula Costa.

 

A direção da AMA tinha também prometido divulgar os principais nomes do cartaz do festival, para "todas as idades" e a distribuir por dois palcos, até final de outubro, colocando os primeiros bilhetes à venda na mesma altura.

 

O protocolo ainda em vigor não envolve qualquer apoio financeiro público, apenas a cedência de terrenos por parte das duas autarquias, além do apoio logístico de ambas ao evento, enquanto aos patrocinadores oficiais caberia pagar o cartaz.

 

Com as verbas angariadas na bilheteira, esta IPSS pretende construir o novo edifício multifuncional em Viana do Castelo, reforçando a capacidade de resposta, que já chega a 150 famílias. Será o primeiro em Portugal pensado de raiz para servir a população com autismo, com novos recursos e serviços, como um lar-residencial, e deverá custar cerca de 3,5 milhões de euros.

 

O primeiro festival de Vilar de Mouros realizou-se em 1971 e contou com a presença de Elton John e Manfred Mann.

 

No verão de 2007, a um mês da sua realização, o festival foi cancelado por dificuldades de entendimento entre os vários parceiros envolvidos na organização e não voltou a ser retomado.

 

Retirado do HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 19:03 | link do post | comentar

Terça-feira, 10.09.13

Rui Massena abrirá Vilar de Mouros 2014


Rui Massena abrirá Vilar de Mouros 2014

A organização do Festival de Vilar de Mouros, que se realizará de 30 de Julho a 02 de Agosto de 2014, estará a cargo da Associação dos Amigos dos Autistas (AMA), Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), agora com o novo modelo de evento definido entre a Câmara de Caminha e a Junta de Freguesia de Vilar de Mouros que vigorará até 2017.

"A importância e carga histórica deste festival mereciam uma abertura nobre. Nada melhor do que termos algo inovador, com um nome de muita qualidade para marcar a diferença", explicou o presidente da AMA, Marco Reis.


Em conferência de imprensa realizada na sede da instituição em Viana do Castelo, a organização do festival, totalmente assumida por aquela instituição, explicou que Rui Massena, um dos mais conceituados maestros portugueses e que esteve ligado à programação musical de Guimarães Capital Europeia da Cultura em 2012, vai contar em palco com "alguns convidados", mas sem revelar mais pormenores.

Também os principais nomes do cartaz, para "todas as idades" e a distribuir por dois palcos, serão revelados até final de outubro, altura em que serão colocados à venda os primeiros bilhetes.

Esta organização resulta de um protocolo celebrado entre a Junta de Freguesia de Vilar de Mouros, proprietária dos terrenos onde se realiza o festival, a Câmara de Caminha e a AMA. 

Prevê a cedência de terrenos por parte das duas autarquias, além do apoio logístico de ambas ao evento, enquanto aos patrocinadores oficias caberá pagar o cartaz.

"Achamos obsceno que numa altura em que há pessoas a passar fome as autarquias paguem milhares de euros para festivais de música e por isso não pedimos nada à Câmara, em termos financeiros", afirmou o dirigente da AMA.


Com as verbas angariadas com os lucros da bilheteira, esta IPSS pretende construir o novo edifício multifuncional em Viana do Castelo, reforçando a capacidade de resposta, que já chega a 150 famílias. 


Será o primeiro em Portugal pensado de raiz para servir a população com autismo, com novos recursos e serviços, como um lar-residencial, e deverá custar cerca de 3,5 milhões de euros.

 

Marco Reis, que fundou a AMA em 2008, ele próprio pai de uma criança autista de 8 anos, admite não ter qualquer experiência de organização de um festival de música e que por isso foi buscar "as melhores pessoas" da área para apoiarem a instituição nessa tarefa.

 

"Há cinco anos também não percebia nada de IPSS, não sabia sequer o queria dizer e hoje a Segurança Social apresenta-nos como um exemplo de gestão a nível nacional. Penso neste edifício que queremos construir como o local onde o meu filho um dia vai morar", rematou.

O primeiro festival de Vilar de Mouros realizou-se em 1971 e contou com a presença de Elton John e Manfred Mann.

 

No verão de 2007, a um mês da sua realização, foi cancelado por dificuldades de entendimento entre os vários parceiros envolvidos na organização e não voltou a ser retomado.

 

A Câmara de Caminha defende tratar-se de uma forma de "fazer a diferença" no regresso do festival, com um propósito social, existindo a vontade de dinamizar o recinto do Vilar de Mouros durante todo o ano e não apenas nos quatro dias de música.


Retirado do HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 21:39 | link do post | comentar

Segunda-feira, 15.07.13

Música volta a ouvir-se em Vilar de Mouros em agosto e festival regressa em 2014


A música vai voltar a ouvir-se em agosto em Vilar de Mouros, palco do primeiro festival português, ao som de bandas de garagem, mas em 2014 o evento original estará de regresso, foi hoje anunciado.


A iniciativa "Música em Vilar de Mouros" está agendada entre 2 e 4 de agosto e prevê a actuação de 16 bandas no palco original do "Woodstok português", algumas ainda de garagem e outras "mais conceituadas" a nível regional, além de DJ todas as noites.

 

"É uma forma de assinalarmos a memória do festival através desta brincadeira, que não passa disso mesmo", disse hoje à agência Lusa Nuno Baptista, natural de Vilar de Mouros, em Caminha, e organizador do evento.

 

Todos os dias vão subir ao palco do recinto do festival, idealizado há mais de 40 anos pelo médico local António Barge, no Largo do Casal, algumas bandas de garagem, estando prevista também a presença de dois grupos espanhóis e outros nacionais já com trabalhos editados.

 

Os concertos decorrem entre as 18:00 e as 03:00 e o bilhete para os três dias custa 15 euros.

 

"Tanto tempo sem o nosso festival, deixa saudades", confessou ainda o organizador, que conta com o apoio logístico da Junta de Freguesia de Vilar de Mouros e da Câmara Municipal de Caminha.

 

O primeiro festival de Vilar de Mouros realizou-se em 1971 e contou com a presença de Elton John e Manfred Mann, enquanto que o segundo só aconteceu em 1982, com U2, The Stranglers e Echo & the Bunnymen, entre outros.

 

Depois de novo interregno - a terceira edição só se realizou em 1996 -, a música fez-se ouvir naquela aldeia, consecutivamente, entre 1999 e 2006.

 

Entretanto fonte da autarquia de Caminha anunciou hoje que o festival estará de regresso em 2014, através de uma parceria envolvendo a Junta de Freguesia de Caminha, proprietária dos terrenos onde se realiza o evento, junto ao rio Coura, o município e a Associação de Amigos do Autismo (AMA).

 

O novo modelo do festival de Vilar de Mouros será apresentado esta terça-feira, em conferência de imprensa, a realizar na Câmara de Caminha.

No verão de 2007, a um mês da sua realização, o festival foi cancelado por decisão da Junta de Freguesia e da promotora PortoEventos, após dificuldades de entendimento entre os vários parceiros envolvidos na organização.

 

Seguiram-se várias tentativas frustradas para retomar a realização do festival de música em Vilar de Mouros. Em agosto de 2011 chegou a realizar-se um festival dedicado à música electrónica, mas que não teve continuidade, apesar de ter levado ao recinto cerca de 10.000 pessoas.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 21:28 | link do post | comentar

Quinta-feira, 23.06.11
Festival volta a Vilar de Mouros com 50 bandas e 18 horas seguidas de concertos
A banda francesa de reggae Dub. Inc. é a cabeça de cartaz do Energie Music Vilar de Mouros, um festival hoje apresentado como «sexy e cool» que se realizará a 21 de Agosto, naquela freguesia de Caminha.

Segundo Miguel Rendeiro, produtor do evento, pelos quatro palcos instalados no recinto que já serviu para o mítico festival de Vilar de Mouros passarão 50 bandas e projectos musicais, que, a partir das 15 horas, assegurarão 18 horas non stop de concertos.

 

O festival está orçado em 400 mil euros e os bilhetes, à venda a partir de hoje, podem ser adquiridos por 15 euros.

 

«Além de sexy e cool, este será um festival low cost, porque estamos em época de poupança», referiu, em conferência de imprensa.

 

Além dos Dub. Inc. pelo palco principal passarão também nomes como MANDY (dupla alemã de dj), Who Made Who, igualmente da Alemanha, os Pow Pow Movement (ainda do mesmo país) e os portugueses Buraka Som Sistema.

 

No palco Electrónica, o destaque vai para os dj alemães Michael Mayer, Steve Bug, Dixon e Henrik Schwarz.

 

Haverá ainda o palco Novas Tendências, em que pontuará o drum and bass, como nomes como Benga & MC Youngman e «dois dos maiores dj do mundo»: Andy C & MC GQ e DJ Hype & MC Daddy Earl.

 

O Palco Tributo Vilar de Mouros será dedicado «a pessoas mais velhas», com bandas que permitirão recordar momentos e artistas daquele mítico festival.

 

«A história está naquele recinto», disse Miguel Rendeiro.

 

Por este palco passarão, entre outros, os Let There Be Rock e os Bordel.

 

«O que se pretende é uma festa com impacto nacional e que passe mesmo as fronteiras, levando de novo grandes vibrações àquele recinto», disse ainda o produtor, sublinhando que o festival «é para continuar nos próximos anos».

 

Na conferência de imprensa marcou também presença o vereador da Cultura na Câmara de Caminha, Paulo Pereira, que sublinhou que este evento «não vem substituir» o Festival de Música de Vilar de Mouros, que já não se realiza desde 2006.

 

«O Festival de Vilar de Mouros tem uma identidade própria», afirmou o autarca, escusando-se, no entanto, a pronunciar-se sobre o futuro.

 

«Seria uma falta de respeito falar de outros eventos quando estamos a promover este», justificou.

 

Já para Miguel Rendeiro, o Festival de Vilar de Mouros «acabou».

 

«Foi um marco desta região, mas para nós acabou. Teve o seu tempo, mas agora estamos a fazer um novo festival, não há qualquer colagem ao antigo», disse.

 

Via Sol



publicado por olhar para o mundo às 11:55 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Festival Vilar de mouros ...

Festival Vilar de Mouros ...

Festival Vilar de Mouros ...

Novo autarca de Caminha e...

Rui Massena abrirá Vilar ...

Música volta a ouvir-se e...

Festival volta a Vilar de...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
OUÇA A NOSSA RADIO EM https://goo.gl/ouzpk3
Eu queria a letra dessa música
YK é Noizz Kappa, Halloween a grande Alma, melhor ...
blogs SAPO
subscrever feeds