Quarta-feira, 19.07.17

 

Letra

 

Não encontrei a letra ou os créditos desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 30.05.17

 

Letra

 

Gosto da tua boca desse teu jeitinho louco
estou sem fome, mas tenho água na boca
Sua tonta, saiba que eu sou teu
sou de mais ninguém diz o que tem no céu
se tu vieste do além
Diz só

Se vem mais alguém, se ficarás comigo
se não vier pergunta ao céu se posso ser teu

ai eu direi va la, va la, va la ceu
ai eu direi va la, va la, va la ceu
ai eu direi va la, va la, va la ceu
ai eu direi va la, va la, va la ceu

Gosto dos teus olhos, tua pele é macia
tem magia e como eu dizia na primeira estrofe
Saiba que eu sou teu
sou de mais ninguém diz o que tem no céu
se tu vieste do além
Diz só

Tu és o que eu procurei
mas que até hoje não encontrei
e olha que eu procurei bem
Tu és o meu pedaço de céu,
Nasci para ser teu, só teu

ai eu direi vá la, vá la, vá la céu
ai eu direi vá la, vá la, vá la céu
ai eu direi vá la, vá la, vá la céu
ai eu direi vá la, vá la, vá la céu

Vá la

 

Letra: C4 Pedro

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 02.01.17

 

 

Letra

 

Nunca fui tão honesto até aqui
Pois nunca disse o quanto eras para mim
Não consegui escrever-te o que senti
No dia em que apareceste eu renasci

E mesmo que o tempo
Passe la fora
Eu juro que sou o único que nunca te abandona
E mesmo que o vento te leve agora
Sempre serás o fim e o início da minha história
da minha história, da minha história
Sempre serás o fim e o início da minha história
da minha história, da nossa história
Sempre serás o fim e o início da minha história

Nunca estive tão perto como aqui
De estar completo por te ver feliz
E sei que nunca te agradeci
Por seres o que nunca fui pra ti

E mesmo que o tempo
Passe la fora
Eu juro que sou o único que nunca te abandona
E mesmo que o vento te leve agora
Sempre serás o fim e o início da minha história
da minha história, da minha história
Sempre serás o fim e o início da minha história
da minha história, da nossa história
Sempre serás o fim e o início da minha história

 

“História”
Música e letra: Diogo Piçarra

 



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 06.09.16

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 28.02.14

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 18:52 | link do post | comentar

Domingo, 09.02.14

 

Letra

 

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 16:19 | link do post | comentar

Terça-feira, 22.10.13

 

Letra

 

Dizem que vai chover

mas eu sei que irá nevar

 

tudo o que tenho a perder

é o tempo que eu levar

 

 a ser um dia 

o teu natal

 

 

Há tão pouco que te quero já

fiquei sem nada 

e não vou dormir

a lua cheia até parece mar

és tu quem vai fazer-me sorrir

 

e ser um dia o teu natal

e ser um dia o teu natal


foi bonita a festa pá

gastou-se a vida e mais não há

chegar à ceia milagre será

és tu quem vai fazer-me gritar


e ser um dia o teu natal
e ser um dia o teu natal

 

contra tudo e para todos

toca o sino a reunir

boa vontade e amor a rodos

és tu quem vai fazer-me sorrir

 

e ser um dia o teu natal

e ser um dia o teu natal

e ser um dia o teu natal
e ser um dia o teu natal

 

dizem que vai chover

mas eu sei que irá nevar

e ser um dia
o teu natal

 



publicado por olhar para o mundo às 19:39 | link do post | comentar

Terça-feira, 15.10.13

 

Letra

 

Sei que não te tenho,
Vou-te vendo a passar...
Sei que não aguento,
Mesmo assim vou esperar...

Guardo na memória
Um futuro que não passou
De um sonho bom...

E penso sempre
"Será que me viu?
Eu quero acreditar
Que sentiu

Esta paixão que me eleva
E devolve ao vazio..."

Eu grito,
Eu choro,
Sorrio
Em segredo

Eu quero
O fogo!
Que frio,
Que medo...

Será que um dia
Sentirei Amor outra vez?
Queria ser a única
Mulher que tu vês

Para te abraçar e embalar
Nesse futuro que não passou
De um sonho bom...

E navego no sonho 
A sorrir
Desejo tanto que possas sentir
A verdade de cada palavra e ouvir

Que eu grito,
Eu choro,
Sorrio
Em segredo...

Eu quero
Esse fogo!
Que frio,
Que medo...

Não consigo libertar-me de ti...
És o livro mais lindo que li...
Vou ficando no meu canto à espera
Que olhes...
À espera que olhes p´ra mim...



publicado por olhar para o mundo às 20:18 | link do post | comentar


 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música


publicado por olhar para o mundo às 17:15 | link do post | comentar

Domingo, 13.10.13


publicado por olhar para o mundo às 17:01 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27.09.13

 

Letra

 

Hoje o dia é mortal
Já não tenho tempo
O papel já chegou e ninguém me avisou
Esta casa mudou
Sangrava por dentro
Eu vi a razão.
Não vou deixar
Que o medo
Te vá levar para longe de mim.
Vou tatuar, sem segredo
O que eu, sinto por ti.
_
Fica, não sentes
É o alarme total
O tempo, não mente
É o aviso final
Luto, em frente
Hoje o dia é mortal
É o aviso final.
_
Não me calo de vez
Nem disfarço o momento
Tens o meu coração.
Não vou deixar que o medo
Te vá levar para longe de mim.
Vou tatuar sem segredo
O que eu sinto por ti.
_
Fica, não sentes
É o alarme total
O tempo, não mente

É o aviso final
Lutamos, em frente
Hoje o dia é mortal
É o aviso final.



publicado por olhar para o mundo às 08:23 | link do post | comentar

Quinta-feira, 19.09.13


publicado por olhar para o mundo às 08:19 | link do post | comentar

Quarta-feira, 26.06.13

 

Letra

 

You´re talking but your hurting speech
Retaliates,
Throws some messiles away,
It won't cease or kill the pain,
It complicates,
Fucks up my mind and brain,
Oh hold on tease(hold on tease)
Life's destiny not yet totally pleased,
We're all we miss and i can tell
The damage done and swell
will be replaced
By a cold heart hell

And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
You should never leave me
And you should never leave me

You're acting like a masterpiece,
you don't hesitate,
you simply walk away,
playing for keeps, with fake heartbeats
Accelerates,
How I swap love for hate
I faint and stumble on my needs
I desperate,
with my own special bids
We're all we feel and all we felt
The damage done and felt
will be replaced
by a cold heart hell

And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
You should never leave me
And you should never leave me

Oh, hold on tease, life's destiny
not yet totally pleased,
Gives me all and nothing I need,
Gives me all and nothing I need,
Oh hold on tease
Gives me all and nothing I need,
Gives me all and nothing I need,
Gives me all and nothing I need,
Gives me all and nothing I need,
Gives me all and nothing I...

And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
And you should never leave me
And you should never leave me before I die
You should never leave me
And you should never leave me before I die...




publicado por olhar para o mundo às 08:53 | link do post | comentar

Domingo, 09.06.13

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 08:39 | link do post | comentar

Sábado, 08.06.13

 

Letra

 

Não encontreia letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:20 | link do post | comentar

Quinta-feira, 06.06.13


publicado por olhar para o mundo às 08:20 | link do post | comentar

Terça-feira, 28.05.13
Letra
Etelvina Com Seis Meses Já Se Tinha De Pé
Foi Deixada Num Cinema Depois Da Matinée
Com Um Recado Na Lapela Que Dizia Assim:
"Quem Tomar Conta De Mim
Quem Tomar Conta De Mim
Saiba Que Fui Vacinada
Saiba Que Sou Malcriada"

Etelvina Com Dezasseis Anos Já Conhecia
Todos Os Reformatórios Da Terra Onde Vivia
Entregaram-Na A Uma Velha Que Ralhava Assim:
"Ai Menina Sem Juízo
Nem Mereces Um Sorriso
Vais Acabar Num Bueiro
Sem Futuro Nem Dinheiro"

Eu Durmo Sozinha À Noite
Vou Dormir À Beira Rio À Noite À Noite
Acocorada Com O Frio À Noite À Noite

Etelvina Era Da Rua Como Outros São Do Campo
Sua Cama Era Um Caixote Sem Paredes Nem Tampo
Sua Janela Uma Ponte Que Dizia Assim:
"Dentro Das Minhas Cidades
Já Não Sei Quem É Ladrão
Se Um Que Anda Fora Das Grades
Se Outro Que Está Na Prisão"

Etelvina Só Gostava Era De Andar Pela Cidade
A Semear Desacatos E A Colher Tempestade
A Meter Com Os Ricaços A Dizer Assim:
"Você Que Passa De Carro
Ferre Aqui A Ver Se Eu Deixo
Venha Cá Que Eu Já O Agarro
Dou-Lhe Um Pontapé No Queixo"

Eu Durmo Sozinha À Noite ...

Etelvina Já Cansada De Viver Sem Ninguém
A Não Ser De Vez Em Quando Amores De Vai E Vem
Pôs Um Anúncio No Jornal Que Dizia Assim:
"Mulher Desembaraçada
Quer Viver Com Alma Irmã
De Quem Não Seja Criada
De Quem Não Seja Mamã"

Etelvina Já Sabia Que Não Ia Encontrar
Nem Um Príncipe Encantado Nem Um Lobo Do Mar
Só Alguém Com Quem Pudesse Dizer Assim:
"O Amor Já Não É Cego
Abre Os Olhinhos À Gente
Faz Lutar Com Mais Apego
A Quem Quer Vida Diferente"

O Seu Homem Encontrou-O À Noite
A Dormir À Beira Rio À Noite À Noite
Acocorado Com O Frio À Noite À Noite


publicado por olhar para o mundo às 17:39 | link do post | comentar

Domingo, 26.05.13

 

Letra

 

Do Chiado ao Bairro Alto
Traço as linhas pra te ver
Do eléctrico a correr, saio tropeço no asfalto
Que mais vai acontecer?

Boina torta, bota suja
Espero que ela não fuja de coração na mão
Hoje vou-te conhecer
Vou gostar de ti ou não

Amanheceu e a sorrir eu acordei, atordoado
Vá lá que o sonho já tinha acabado
A imaginar o teu rosto e a cantar, aperto o laço
Vou pôr a minha boina preferida
Pego a carteira, já estou pronto pra saída

Do Chiado ao Bairro Alto
Traço as linhas pra te ver
Pró eléctrico a correr, entro e tropeço no salto
Que mais vai acontecer?

Boina torta, bota suja
Espero que ela não fuja de coração na mão
Hoje vou-te conhecer
Vou gostar de ti ou não

Um malmequer como sempre na lapela fica-me bem
Roubei-o porque não tinha um vintém
Pus o perfume que nunca me deixou mal, é o costume
Mas desta vez parece ser diferente
Ou serei eu que vejo amor em toda a gente

Do Chiado ao Bairro Alto
Traço as linhas pra te ver
Do eléctrico a correr, saio tropeço no asfalto
Que mais vai acontecer?

Boina torta, bota suja
Espero que ela não fuja de coração na mão
Hoje vou-te conhecer
Vou gostar de ti ou não

Sempre a subir, cabelo despenteado e atrasado
Vá lá que o Bairro Alto é aqui ao lado
A tua voz não me sai do pensamento e dá-me alento
Pra descobrir os olhos que imagino
Valer a pena tropeçar em desatino
Vejo-te então e o bater do coração chegou enfim
És mais do que sonhava para mim
E o mal querer do malmequer chegou ao fim




publicado por olhar para o mundo às 08:24 | link do post | comentar

Segunda-feira, 13.05.13

 

Letra

 

Nem se escondam de mim
Deixem ver o que são
Pois não fazem-me rir
Mas fazes-me rir
Com a estupidez
Que é fintar e marcar com os dois pés


Quando te vejo a tentar
Fazer o pino de pé
Não tenho fé e sinto que


Não tens força para agarrar
Nem tens o dom de saber ser e amar


Por ter nada mais que fazer
Dou a dor, pelo preço:
Um desamor


Mas se te faz rir, não te compete,
Se me enriquece
É mais fácil estar quando não se conhece
É mais fácil muito mais do que...


Não tens força para agarrar
Não tens o dom de saber ser e amar



publicado por olhar para o mundo às 17:08 | link do post | comentar | ver comentários (1)

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 08:04 | link do post | comentar

Domingo, 12.05.13

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:57 | link do post | comentar

Domingo, 21.04.13

 

Letra

 

Se estou só, quero não estar,
Se não estou, quero estar só,
Enfim, quero sempre estar
Da maneira que não estou.

Ser feliz é ser aquele.
E aquele não é feliz,
Porque pensa dentro dele
E não dentro do que eu quis.

A gente faz o que quer
Daquilo que não é nada,
Mas falha se o não fizer,
Fica perdido na estrada.




publicado por olhar para o mundo às 08:20 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19.04.13

 

Letra

 

Ai rosa clara algum dia
Rosa clara te deixei
Ai rosa clara algum dia
Te amarei.

Ai amor amores tenho mais de um cento
Bonecas primores cabeças de vento
Cabeças de vento não as quero não
Ai amor amores do meu coração.

INSTRUMENTAL

Ai rosa clara algum dia
Rosa clara te deixei
Ai rosa clara algum dia
Te amarei.

Cabeças de vento não as quero não
Ai amor amores do meu coração
Ai rosa clara algum dia
Te amarei.



publicado por olhar para o mundo às 08:14 | link do post | comentar

Sexta-feira, 12.04.13
t a m b o r  | 'electro pop'
Novo single e video
 'Fica'

tambor
tambor no facebook
tambor site oficial

* *
 'electro pop' também disponível em formato digital
iTunes | Spotify | deezer | rdio | emusic | Amazon
 
Acaba de estrear o novo vídeo dos tambor para o tema 'Fica', o terceiro single do disco 'Electro Pop'.
O vídeo, com realização de Hélder Mendes, foi filmado em Lisboa e fará parte de um especial de longa duração sobre a carreira dos tambor.
'Fica' é um tema de construção simples, que lentamente se insinua e nos conquista, pela melodia e pela voz de Alexandra Valentim.




publicado por olhar para o mundo às 12:07 | link do post | comentar

Segunda-feira, 11.03.13

 

letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:46 | link do post | comentar

Terça-feira, 05.03.13

 

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 17:11 | link do post | comentar

Domingo, 24.02.13

 

 

letra

 

não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 08:55 | link do post | comentar

Sexta-feira, 15.02.13

 

 

Letra

 

Dengaz - Encontrei (ft Agir)

Agir:

Ela é sempre um livro aberto
Preciso dela sempre por peeeerto
O futuro é inceeerto
Mas o que eu bem sei, é que vai ser contigo, poois 
Tu vais ser minha bébé
Tu vais ser minha bébé
Tu vais ser minha bébé

(aaaaaaaah)
AHYAAAAAAAAAAAAAAAA

Tudo que eu sonhei, sim
Encontrei nela
A cabeça no corpo certo, sim
Eu tenho nela 
oohooh (oouhh)

Sim, Sim, 
Encontrei nela
oohooh (oouhh)
Sim, Sim, 
Encontrei nela

P'ra quê ter um grande carro
Se já tenho as curvas dela
O que a vida não me deu, sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)

Sim, Sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)
Sim, Sim
Eu vejo neeela


Dengaz:

Primeiro que tudo obrigado
Pelo amor, pela amizade 
E por tares do meu lado
Tou feliz por naquele dia, do nada te ter ligado
E sei lá porquê, um mês depois te ter encontrado (ahah)
Eles disseram que eu e tu não me via (oh nooo)
Que a nossa vida nunca convinaria (oh nooo)
Eles pensaram que eu tava só de passagem
Mas agora, olha pra nós a rir, como ninguém esperava

Eu sou só teu e vou pra todo o lado onde fores
Tu pintas o meu mundo e a minha alma com as tuas cores (as tuas coreees)
O beijo antes do palco 
Que corra bem ou mal
É de quem tá minha espera, com o mesmo amor no final
E és, tudo aquilo que eu sonhei p'ra mim
E só quero que o nosso filho seja igual a ti (igual a tiiiii)
Quero lá saber do passado, eu quero é o presente contigo
Sei que o futuro sou eu, um diamante e tu a casar comigo


Agir:

Tudo que eu sonhei, sim
Encontrei nela
A cabeça no corpo certo, sim
Eu tenho nela 
oohooh (oouhh)

Sim, Sim, 
Encontrei nela
oohooh (oouhh)
Sim, Sim, 
Encontrei nela

P'ra quê ter um grande carro
Se já tenho as curvas dela
O que a vida não me deu, sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)

Sim, Sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)
Sim, Sim
Eu vejo neeela


Dengaz:

Rimos e choramos, como quem se ama
Se não estás pensa em ti, como quem te chama
Tens tudo que é preciso para alimentar a chama
Passei contigo na rua, passei em ti na cama
Quero dar tudo e fazer tudo que posso 
E não trocava nada no mundo, por um momento nosso 

E é, desde daquele dia, na praia que te vi passar
Que eu senti que eras diferente e valia a pena esperar

Ok,
Eu sei que tive outras
Mas ninguém me deu o que eu não tinha e me fez sentir tão bem
Que eu amo ardentemente 
Tão simples que ninguém entende
Um público que parecia sujo ao olhar de tanta gente (genteeee)(eheeeeh)
Agora és minha, e sei que és especial
Linda, sexy, com atitude, é minha, é original
Nós somos a prova de quem sente acredita
A nossa crença gerou uma nova vida (nova vidaaa)


Agir:

Tudo que eu sonhei, sim
Encontrei nela
A cabeça no corpo certo, sim
Eu tenho nela 
oohooh (oouhh)

Sim, Sim, 
Encontrei nela
oohooh (oouhh)
Sim, Sim, 
Encontrei nela

P'ra quê ter um grande carro
Se já tenho as curvas dela
O que a vida não me deu, sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)

Sim, Sim
Eu vejo nela
oohooh (eeeih)
Sim, Sim
Eu vejo neeela


Dengaz:

Elas são lindas, mas não são como tu (nãão são)
Tem um bom corpo, mas não são como tu (nãão são)
Elas são perigosas, mas não são como tu (yeah yeaaaah)
São todas mulheres, mas nenhuma é como tu

Elas são lindas, mas não são como tu (nãão são)
Tem um bom corpo, mas não são como tu (nãão são)
Elas são perigosas, mas não são como tu
São todas (uuuuuhh) mulheres, mas nenhuma é como tu


Agir:

Tudo que eu sonhei, sim
Encontrei nela
A cabeça no corpo certo, sim
Eu tenho nela 
oohooh (oouhh)

Sim, Sim, 
Encontrei nela
oohooh (oouhh)
Sim, Sim,
Eu vejo neeela
(eiheeeei)

(Elas não são, não são)
(eeeh eeeh)



publicado por olhar para o mundo às 19:16 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

VAI E VEM - Vai e Vem

C4 Pedro - CÉU

Diogo Piçarra - História

KYRIOS - Filhos de Um Deu...

Terrakota - Curruputu

Flor-de-Lis - "Dona Rosa"...

O TEU NATAL - Miguel Ange...

Rita Guerra - No Meu Cant...

The Happy Mess - Homeland

The Gift - Black

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
Posts mais comentados
1 comentário
blogs SAPO
subscrever feeds