Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   Trago Alentejo na voz Do cantar da minha gente Ai rios de todos nós Que te perdes na corrente Ai planícies sonhadas Ai sentir de olivais Ai ventos na madrugada Que me transcendem demais Amigos, amigos Papoilas no trigo Só lá eu as tenho E de braço dado contigo a meu lado É de lá que eu venho E de braço dado Cantando ao amor Guardamos o gado, papoilas em flor, Que o vento num brado Refresca o calor E de braço dado, contigo a meu lado Cantamos o amor (...)
    letra   Trago Alentejo na voz  Do cantar da minha gente  Ai rios de todos nós  Que te perdes na corrente  Ai planícies sonhadas  Ai sentir de olivais  Ai ventos na madrugada  Que me transcendem demais Amigos, amigos  Papoilas no trigo  Só lá eu as tenho  E de braço dado contigo a meu lado  É de lá que eu venho  E de braço dado  Cantando ao amor  Guardamos o gado, papoilas em flor,  Que o vento num brado Refresca o calor  E de braço dado, contigo a meu lado  Cantamos o amor
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email