Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

    letra   Era eu a convencer-te que gostas de mim  e tu a convenceres-te que não é bem assim...  Era eu a mostrar-te o meu lado mais puro  e tu a argumentares os teus inevitáveis  Eras tu a dançares em pleno dia  e eu encostado como quem não vê  Eras tu a falar para esconder a saudade  e eu a esconder-me do que não se dizia  ... afinal quebramos os dois...  Desviando os olhos por sentir a verdade  juravas a certeza da mentira  mas sem queimar demais  sem (...)
03 Abr, 2012

Toranja - dá-me ar

    Letra   Dá-me ar Dá-me espaço para respirar Dá-me tempo para sofrer Quero alcool para comer Quero um muro para espancar Até doer... Dá-me ar Quero vento para tentar Quero luz só para me ver Quero ferro para trincar Quero olhar de frente o sol Até queimar... Dá-me ar... Quero mais Quero um trono para perder Quero um quarto para gritar Quero gente para roer Quero um mundo para puxar Até morrer... Dá-me mais Quero terra para comer Quero Deuses para lutar que o mais (...)
02 Dez, 2011

Toranja - Laços

Letra   Andamos em voltas rectas  Na mesma esfera,  Onde ao menos nos vemos  Porque o fumo passou.  A chuva no chão revela,  Os olhos por trás.  Há que levar o que restou  E o que o tempo queimou.  Tens fios de mais  a prender-te as cordas,  Mas podes vir amanha,  Acreditar no mesmo Deus  Tens riscos demais,  A estragar-te o quadro.  Se queres vir amanha,  Acreditar no mesmo Deus  Devolve-me os laços, meu amor!  Devolve-me os laços, meu amor!  Devolve-me os (...)
02 Nov, 2011

Toranja - Laços

Letra   Andamos em voltas rectas  Na mesma esfera,  Onde ao menos nos vemos  Porque o fumo passou.  A chuva no chão revela,  Os olhos por trás.  Há que levar o que restou  E o que o tempo queimou.  Tens fios de mais  a prender-te as cordas,  Mas podes vir amanha,  Acreditar no mesmo Deus  Tens riscos demais,  A estragar-te o quadro.  Se queres vir amanha,  Acreditar no mesmo Deus  Devolve-me os laços, meu amor!  Devolve-me os laços, meu amor!  Devolve-me os (...)
Letra Tu estás livre e eu estou livre  E há uma noite para passar  Porque não vamos unidos  Porque não vamos ficar  Na aventura dos sentidos  Tu estás só e eu mais só estou  Que tu tens o meu olhar  Tens a minha mão aberta  À espera de se fechar  Nessa tua mão deserta  Refrão:  Vem que o amor  Nem é o tempo  Que o faz  Vem que o amor  É o momento  Eu que eu me dou  Em que te dás  Tu que buscas companhia  E eu que busco quem quiser  Ser o fim desta energia  (...)
30 Mar, 2011

TORANJA - Carta

      Letra   Não falei contigo com medo que os montes e vales que me achas caíssem a teus pés... Acredito e entendo que a estabilidade lógica de quem não quer explodir faça bem ao escudo que és... Saudade é o ar que vou sugando e aceitando como fruto de Verão nos jardins do teu beijo... Mas sinto que sabes que sentes também que num dia maior serás trapézio sem rede a pairar sobre o mundo e tudo o que vejo... É que hoje acordei e lembrei-me que sou mago feiticeiro Qu (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email