Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   Deixou a casa dele e partiu atrás do sol levou tudo com ele e subiu sem hesitar foi à volta do mundo sempre que lhe apeteceu era tudo diferente e andava mais era a voz que dizia: - anda não olhes p´ra trás! e era assim que ele ouvia andar estradas sem fim procurar o Ser Maior parou parou aqui a saudar tudo o que eu sou foi à volta do mundo é que tudo aconteceu ficou tudo diferente e ele era eu era a voz que dizia: - andem não olhem (...)
  Letra   Preferias que cantasse noutro tom Que te pintasse o mundo de outra cor Que te pusesse aos pés um mundo bom E que te jurasse amor, o eterno amor Querias que roubasse ao Sete-Estrelo A luz que te iluminasse o olhar Embalar-te nas ondas com desvelo Levar-te até à lua para dançar Que a lua está longe e mesmo assim Dançar podemos sempre se quiseres Ou então se preferires fica aí Que ninguém há-de saber o que disseres Talvez até pudesse dar-te mais Que tudo o que (...)
  Letra   Letra e Música: Miguel Angelo É o ser ou não ser É o ter ou não ter É o tempo a passar É o ar a faltar É o querer ou não querer E não ter de pensar É o céu tão baixo Que me faz ajoelhar Às vezes sinto um peso Que não é normal À conta de um momento mau Que dura, dura, dura É o ser ou não ser É o ter ou não ter É o tempo a passar É o ar a faltar E não sair de casa Nem falar com ninguém Não ter nada pra dizer Nem a ti nem a quer vier Às vezes (...)
  Letra   Sei que não sou o melhor poeta Mas posso ser o teu melhor amigo Ando a juntar a música á letra Para te ajudar quando corres perigo   Por isso aceita esta minha oferta E passa um bom bocado comigo Sei que não sou o melhor poeta Mas posso ser o teu melhor amigo   Dias em que a coisa se aguenta Outros onde tudo parece negro Sopra na brasa até vir a chama O fogo ajuda a afugentar o medo   Tenta manter a tua porta aberta O caminho é longo e eu conto contigo Sei (...)
  Letra   Aqui estou eu Sou uma folha de papel vazia Pequenas coisas Pequenos pontos, vão-me mostrando o caminho (Refrão:) Ás vezes aqui faz frio, Ás vezes eu fico imóvel, Pairando no vazio Ás vezes aqui faz frio Sei que me esperas Não sei se vou lá chegar Tenho coisas pra fazer Tenho vidas para acompanhar (Refrão:) às vezes lá faz mais frio, às vezes eu fico imovel, Pairando no vazio perfeito vazio às vezes faz lá mais frio Bem vindos à minha casa Ao meu lar mais (...)
  Letra   Não há ninguém Capaz de me dar alegria Alegria Não há ninguém Capaz de me dar o que eu queria Alegria Não há ninguém Capaz de me dar alegria Alegria Não há ninguém Capaz de me dar o que eu queria Alegria Não há ninguém Capaz de me dar alegria Alegria Não há ninguém Capaz de me dar o que eu queria Alegria INSTRUMENTAL    
  Letra   Letra e música de Pedro Ayres Magalhães Vai sem medo é de novo o começo que outra vez acontece o horizonte escurece faz-se um grande sossego, Não faz mal, vai sem medo Não há preto nem branco Nem há ninguém por perto Que te possa ajudar Vai depressa E parte à descoberta Porque a noite aparece Nem há sombras no chão E é tão grande o segredo Não faz mal, vai sem medo Não há preto nem branco Nem há ninguém por perto Que te possa guiar Pensa grande Num (...)
  Letra   Arde arde sincero silêncio a liberdade só tem um momento Arde à vontade alta, procura fica a saudade ai que não tem cura Canta canta a chama da vida a liberdade está quase perdida Canta à vontade alto e bem sem medo é a saudade quem guarda o segredo Calma calma que já se avizinha a liberdade voltando sozinha Vem à vontade que eu espero acordado tenho a saudade ai sempre do meu lado
Xutos & Pontapés, Resistência e Pedro Abrunhosa são alguns dos artistas que integrarão, em junho, em Lisboa, os concertos comemorativos dos vinte anos do "Portugal ao Vivo", espetáculo de celebração da música portuguesa, foi hoje anunciado. No Estádio do Restelo irão atuar The Gift, Pedro Abrunhosa e Miguel Araújo (dia 21 de junho), Xutos & Pontapés, Resistência e Sétima Legião (dia 22 de junho), embora a organização adiante que mais artistas se juntarão aos (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email