Segunda-feira, 26.10.15

 

Letra

 

Eu podia desvendar os segredos mais secretos
O som, a cor, o olhar e o número fatal
Tomar de assalto os céus em cruzadas proibidas
Olhar nos olhos de Deus e esperar o final

Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia

Eu podia conhecer os segredos mais secretos
Transmutar o meu ser em ouro filosofal
Esconder o rosto cansado sob o meu balandrau negro
Deixar o tempo parado e esperar o final

Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia

Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia a vida num só dia

Viver como por magia a vida num só dia
Viver como por magia...

 



publicado por olhar para o mundo às 08:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 21.05.13

 

Letra

 

Maio maduro Maio, quem te pintou? 
Quem te quebrou o encanto, nunca te amou. 
Raiava o sol já no Sul. 
E uma falua vinha lá de Istambul.

 

Sempre depois da sesta chamando as flores. 
Era o dia da festa Maio de amores. 
Era o dia de cantar. 
E uma falua andava ao longe a varar.

 

Maio com meu amigo quem dera já. 
Sempre no mês do trigo se cantará. 
Qu'importa a fúria do mar. 
Que a voz não te esmoreça vamos lutar.

 

Numa rua comprida El-rei pastor. 
Vende o soro da vida que mata a dor. 
Anda ver, Maio nasceu. 
Que a voz não te esmoreça a turba rompeu.



publicado por olhar para o mundo às 23:57 | link do post | comentar

Sábado, 09.06.12

 

letra

 

Preferias que cantasse noutro tom
Que te pintasse o mundo de outra cor
Que te pusesse aos pés um mundo bom
E que te jurasse amor, o eterno amor

Querias que roubasse ao Sete-Estrelo
A luz que te iluminasse o olhar
Embalar-te nas ondas com desvelo
Levar-te até à lua para dançar

Que a lua está longe e mesmo assim
Dançar podemos sempre se quiseres
Ou então se preferires fica aí
Que ninguém há-de saber o que disseres

Talvez até pudesse dar-te mais
Que tudo o que tu possas desejar
Não te debruces tanto que ainda cais
Não sei se me estás a acompanhar

Que a lua está longe e mesmo assim
Dançar podemos sempre se quiseres
Ou então se preferires fica aí
Que ninguém há-de saber o que disseres

Podia, se quisesses, explicar-te
Sem pressa, tranquila, devagar
E pondo, claro está, modéstia à parte
Uma ou duas coisas se calhar

Que a lua está longe e mesmo assim
Dançar podemos sempre se quiseres
Ou então se preferires fica aí
Que ninguém há-de saber o que disseres 


publicado por olhar para o mundo às 08:55 | link do post | comentar

Sexta-feira, 11.11.11
Letra
"Não aconteceu nada nesse dia.
Nada. Como no Paraíso..."

Há dias assim
dias d'alma vaga
tão perto de Deus
tão longe de mim
sem horas boas nem más
sem horas sequer
apenas vazio na alma
apenas dias assim

Há dias assim
feitos de silêncio
com a voz de Deus
a soar em mim
dias sem riso nem chôro
sem horas sequer
apenas silêncio d'ouro
apenas dias assim


publicado por olhar para o mundo às 08:43 | link do post | comentar

Quinta-feira, 10.11.11

Letra

 

Acordar

 Rádio Macau

 

Não parti, mas já não sei voltar.
Ando às voltas a esquecer quem sou.
Bebo a noite até o Sol chegar.
Ele sempre me encontrou.

Refrão:
Só o Amor me faz correr.
Só o Amor me faz ficar.
Só o Amor me faz perder.
Só o Amor me faz querer mais.

Não sei viver sem ter de viver.
O que me dão já não sei gostar.
Não se perde o que não se quer ter.
Cada vez mais sem esperar.

Refrão

E se for a primeira vez, que os teus dedos 
tocam a luz da manhã.
Dá-me a tua mão. Respira o ar do dia.
Talvez nada mais.

Refrão 



publicado por olhar para o mundo às 17:39 | link do post | comentar

Segunda-feira, 14.03.11

 

 

Letra

 

Pela janela mal fechada
Entra já a luz do dia
Morre a sombra desejada
Numa esperança fugidia
Foi uma noite sem sono
Entre saliva e suor
Com um travo de abandono
E gosto a outro sabor
Dizes-me até amanhã
Que tem de ser que te vais
Porque amanhã sabes bem
É sempre longe demais
Acendo mais um cigarro
Invento mil ideais
Só que amanhã sei-o bem
É sempre longe demais
Pela janela mal fechada
Chega a hora do cansaço
Vai-se o tempo desfiando
Em anéis de fumo baço


 



publicado por olhar para o mundo às 12:30 | link do post | comentar

Domingo, 13.03.11

 

 

Letra

 

Ai eu já pensei mandar pintar o céu
Em tons de azul, pra ser original
Só depois notei que azul já ele é
Houve alguém que teve ideia igual

Eu não sei se hei-de fugir
Ou morder o anzol
Já não há nada de novo aqui
Debaixo do sol

Já me persegui por becos e ruelas
De horror, caminhos sem saída
Até que me perdi sozinha sem saber
De que cor vou pintar a minha vida

Eu não sei se hei-de fugir
Ou morder o anzol
Já não há nada de novo aqui
Debaixo do sol

Eu não sei se hei-de fugir
Ou morder o anzol
Já não há nada de novo aqui
Debaixo do sol

 



publicado por olhar para o mundo às 10:44 | link do post | comentar

Domingo, 20.02.11

 

Letra
P'la janela mal fechada
Entra já a luz do dia
Morre a sombra desejada
Numa esperança fugidia fugi um dia

Foi uma noite sem sono
Entre saliva e suor
Com um travo de abandono
E gosto a outro sabor

Dizes-me até amanhã
que tem de ser, que te vais
porque o amanhã, sabes bem
é sempre longe demais

Acendo mais um cigarro
Invento mil ideais
Só que amanhã sei-o bem
É sempre longe demais 

P'la janela mal fechada
Chega a hora do cansaço
Vai-se o tempo desfiando
em anéis de fumo baço

 

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:04 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Rádio Macau - A vida num ...

Rádio Macau - Maio Maduro...

Rádio Macau - Cantiga de ...

Rádio Macau - Há Dias Ass...

Rádio Macau - Acordar

Amanhã é sempre longe dem...

O Anzol - Rádio Macau

Rádio Macau - Amanhã é se...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds