Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   Não deixei de ser quem era, e tudo é novo Por morrer uma andorinha, sem amor Não acaba a primavera, diz o povo Como vês não estou mudado, felizmente E nem sequer descontente, ou derrotado Conservo o mesmo presente, do passado E guardo o mesmo passado, bem presente Eu já estava habituado a este fado A que não fosses sincera em teu amor Por isso eu não fico à espera dos amores De uma ilusão que eu não tinha e nem renovo Se deixaste de ser minha, minha dor Não (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email