Sexta-feira, 22.09.17

outfest.jpg

 

Out.Fest de 4 a 7 de outubro abre Mês da Música no Barreiro

 

Outubro é o Mês da Música no Barreiro. O Out.Fest – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, de 4 a 7 de outubro, em vários locais do Concelho, assinala o arranque deste Mês repleto de iniciativas com sons harmoniosamente combinados. Toda a programação atualizada do Mês da Música, assim como novidades, pode ser consultada no Sítio Oficial da Câmara Municipal do Barreiro na Internet – www.cm-barreiro.pt – ou na sua página do Facebook – www.facebook.com/municipio.barreiro.

 

«A 14ª edição do OUT.FEST traz ao Barreiro duas dezenas de concertos de música aventureira, surpreendente e desafiante, em espetáculos a realizar em diversos espaços emblemáticos da cidade – um deles a Igreja de Santa Maria, que acolherá o concerto inaugural no dia 4 de outubro: um projeto especial que junta o compositor Jonathan Uliel Saldanha ao Grupo Coral TAB e Coro B-Voice para um espetáculo inédito.

 

Nas restantes noites do festival, destaque para o compositor Charlemagne Palestine (atua dia 5 no Museu Industrial da Baía do Tejo) e para as lendárias bandas Pere Ubu (atuam a 6 no Auditório Municipal Augusto Cabrita) e This Heat (dia 7, na ADAO).

 

O OUT.FEST é um dos dois únicos festivais nacionais a ter atingido a fase final dos European Festival Awards, em 2016 (lado a lado com o Nós Alive), e tem como principais apoios o Ministério da Cultura / Direção-Geral das Artes, a Câmara Municipal do Barreiro, a Baía do Tejo e a Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa. A programação é uma parceria entre as associações culturais OUT.RA e Filho Único.

 

Todas as informações sobre o programa, bilhetes e locais podem ser consultadas em www.outfest.pt»

Fonte: OUT.RA

 

Programa completo:

4 outubro (4ªf)

Igreja de Santa Maria

Jonathan Uliel Saldanha & Coral TAB + Coro B-Voice

 

5 outubro (5ªf)

Museu Industrial da Baía do Tejo

Caterina Barbieri

Charlemagne Palestine

Quarteto de Sei Miguel

 

6 outubro (6ªf)

Auditório Municipal Augusto Cabrita

Pere Ubu (The Moon Unit)

Casa Futuro (Pedro Sousa, Johan Berthling & Gabriel Ferrandini)

Lolina (Inga Copeland)

 

7 outubro (sáb)

ADAO

Bookworms

Nocturnal Emissions

This is not This Heat

Jejuno

Simon Crab

Colectivo Vandalismo

Gyur

Black Dice

DJ Nigga Fox

Putas Bêbadas

Alex Zhang Hungtai, David Maranha & Gabriel Ferrandini

DJ Problemas

 

CMB 2017-09-20



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 12.08.15

OUT.FEST2015.jpg

 

 

OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro

 

Passe global já à venda 

 

Entre os dias 8 e 11 de Outubro, terá lugar a 12ª edição do OUT.FEST - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro promovido pela OUT.RA Associação Cultural, com o apoio da Câmara Municipal do Barreiro.

 

A saxofonista MATANA ROBERTS; o quarteto THE MAGIC SCIENCE QUARTET; O duo italo-japonês de GIOVANNI DI DOMENICO (piano) e AKIRA SAKATA (saxofone) e o norte-americano LARAAJI são, para já, os primeiros nomes avançados pela organização, para o programa deste Festival.

 

O jazz norte-americano da saxofonista MATANA ROBERTS, assina um dos mais aclamados álbuns de 2015, "Coin Coin Chapter Three", terceiro volume de doze lançamentos planeados para contar a história da luta da comunidade afro-americana nos últimos séculos. Este trabalho tem vindo a colocar esta artista de Chicago na linha da frente do jazz mundial.

 

O quarteto THE MAGIC SCIENCE QUARTET, liderado por duas lendas do Jazz norte-americano: o contrabaixista HENRY GRIMES e o saxofonista MARSHALL ALLEN atuará pela primeira vez, em Portugal.

 

Por seu lado, o duo italo-japonês de GIOVANNI DI DOMENICO (piano) e AKIRA SAKATA (saxofone) trará até ao Barreiro temas do seu disco "Iruman", lançado em 2014, enquanto que o norte-americano LARAAJI estreará no OUT.FEST o seu "The Peace Garden". Apresentará uma performance de música ambiental e meditativa, que combinará aula de yoga e meditação, com exercícios de escuta profunda.

 

Indo ao encontro da renovada dinâmica cultural local, a edição deste ano incluirá novos palcos da cidade, com destaque para o Museu Industrial da Baía do Tejo, a sede da ADAO - Associação Para o Desenvolvimento das Artes e Ofícios -, e as instalações da Escola Conde de Ferreira, atual Centro de Produção e Participação Artística.

 

 

O passe global já se encontra à venda em http://outfest.bilheteiraonline.pt e nos locais associados (Worten, Correios, Fnac, El Corte Inglês, ABEP).

 

A partir de Setembro, estarão disponíveis também os bilhetes diários.

 

Todas as informações podem ser encontradas em www.outfest.pt

 

Recorde-se que o OUT.FEST  foi distinguido com o selo "EFFE - Europe for Festivals, Festivals for Europe" 2015-2016. A decisão foi divulgada no passado dia 20 de maio, pela EFFE. Esta iniciativa tem o apoio da União Europeia e visa reconhecer festivais que demonstrem um profundo compromisso com as artes, com as suas comunidades e com os valores europeus.

 

 

CMB 2015-08-11



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 30.09.14

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST   MÚSICA EXPLORATÓRIA NO BARREIRO ATÉ 5 DE OUTUBRO

 

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST

 

MÚSICA EXPLORATÓRIA NO BARREIRO ATÉ 5 DE OUTUBRO

 

Be Jazz Café abrirá as portas no próximo dia 2 de outubro para o primeiro concerto do OUT.FEST - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro - com PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, consagrados músicos de Jazz e o guitarrista português NORBERTO LOBO, pelas 21h30.

Já amanhã, 1 de outubro, Dia Mundial da Música, CARLA BOZULICH dará início a um workshop de três dias no Teatro Municipal do Barreiro. 

Até ao dia 5 de outubro, vários locais do Concelho acolhem a 11ª edição deste evento organizado pela OUT.RA – Associação Cultural, com o apoio protocolado da Câmara Municipal do Barreiro.

 

O OUT.FEST conta, ainda, com o apoio da BAÍA DO TEJO e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, sendo a maior parte do seu financiamento assegurada pela DIRECÇÃO-GERAL DAS ARTES.

 

Programa

 

1, 2 e 3 de outubro | Teatro Municipal do Barreiro

 

A cantautora norte-americana CARLA BOZULICH regressa ao Barreiro, após participação na edição de 2013, para um workshop de três dias destinado a músicos e não-músicos de ambos os sexos, maiores de 16 anos, realizado em parceria com a Arteviva – Companhia de Teatro do Barreiro, que culminará com uma atuação pública. Informações e inscrições para o mail: workshops@outra.pt .

 

2 de outubro  | Be Jazz Café | 21h30 | 8 €

 

PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, da Alemanha e Inglaterra, respetivamente, tocam sons delicados e swinging e por vezes frontal free jazz.

No mesmo local, atua o músico português NORBERTO LOBO. O seu mais recente trabalho “Mel Azul” foi considerado um dos melhores álbuns nacionais de 2012 pela imprensa e pelo mundo online da especialidade. 

 

3 de outubro | Escola de Jazz do Barreiro | 15h30 | Entrada Livre

 

Oportunidade para ver e ouvir o quinteto do trompetista PETER EVANS, reconhecido no panorama do Jazz mundial, que orientará ainda, para além do concerto, umamasterclass, de entrada livre, na Escola de Jazz do Barreiro.

 

3 de outubro | Casa da Cultura da Baía do Tejo | 21h30 | 12€

 

Da Áustria chega o guitarrista e compositor FENNESZ, nome de topo da música eletrónica ambiental.

De seguida atua o britânico DEAN BLUNT, figura de renome da cena alternativa britânica nos últimos cinco anos. A recente capa da revista britânica The Wire, que no ano anterior esteve presente no Barreiro, em cobertura ao festival, comprova esse mesmo estatuto.

 

PETER EVANS QUINTET, trompetista radicado em Nova Iorque tem-se distinguido como um dos produtos mais evoluídos e avançados do estudo das práticas e das histórias do trompete e do Jazz.

 

4 de outubro | Teatro Municipal do Barreiro | 16h00 | Entrada Livre

 

CARLA BOZULICH – Concerto final do workshop.

 

4 de outubro | Be Jazz Café | 17h00 | Entrada livre

 

RODRIGO AMADO é atualmente um dos músicos de Jazz nacionais com maior projeção a nível internacional. O seu WIRE QUARTET tem recebido o reconhecimento da crítica especializada.

 

OPEN MIND ENSEMBLE grupo sediado maioritariamente na capital e composto por vários dos notáveis do panorama nacional, entre os quais o saxofonista Francisco Andrade, uma das figuras maiores do Jazz no Barreiro. 

 

4 de outubro | Pavilhão do G.D. Ferroviários | 21h30 | 12€

 

Da Alemanha chegam os lendários FAUST, banda absolutamente fundamental na génese do rock germânico dos anos 70. De referir que a banda prevê chegar vários dias antes, à cidade, em busca de componentes para o seu espetáculo, famoso também pela utilização de materiais inusitados como chapas de zinco, betoneiras, ou objetos quotidianos.

Na ocasião, atuam os veteranos holandeses THE EX dão nome a uma banda com mais de três décadas de carreira dedicadas às explorações do punk.

 

A festa promete continuar com as atuações do trio rock norte-americano MAGIK MARKERS e da banda portuguesa PUTAS BÊBEDAS.

 

5 de outubro  | Convento de Madredeus da Verderena | 17h00 | Entrada Livre

 

O norte-americano CHARLES COHEN atua no encerramento do Festival, apresentando, pela primeira vez no País, a sua música resultante da exploração do raro sintetizador Buchla Music Easel. Nesse mesmo dia, destaque para a presença do primeiro músico oriundo do Médio-Oriente no OUT.FEST, o libânes, residente em Berlim, RABIH BEAINI.

 

Bilhetes

Passe global» 25€

Bilhetes diários» 2 de outubro» 8 €, 3 de outubro» 12€ e 4 de outubro» 12 €

Encontram-se já à venda via Bilheteira Online, em http://outfest.bilheteiraonline.pt/ e locais associados e no Posto de Turismo do Barreiro, Balcão de Informações do Forum Barreiro e na discoteca Flur, em Lisboa.

 

Transportes

As viagens são gratuitas nos Transportes Colectivos do Barreiro (TCB) para os portadores de bilhete do festival, nos dias dos espetáculos. 

Todas as informações podem ser encontradas em www.outfest.pt e através dofacebook do festival, em www.facebook.com/OUTFESTBarreiro .

 

 

CMB 2014-09-30



publicado por olhar para o mundo às 22:14 | link do post | comentar

Quinta-feira, 11.09.14

OUTFEST_programa completo

 

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST – 2 A 5 DE OUTUBRO DE 2014

PROGRAMA COMPLETO JÁ REVELADO

 

Entre os dias 2 e 5 de Outubro, o Barreiro volta a ser palco do OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro. Recentemente, a OUT.RA – Associação Cultural, organizadora do evento, com o apoio protocolado da Câmara Municipal do Barreiro, anunciou o programa completo da 11ª edição do Festival.

 

O OUT.FEST conta, ainda, com o apoio da BAÍA DO TEJO e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, sendo a maior parte do seu financiamento assegurada pela DIRECÇÃO-GERAL DAS ARTES.

 

Ao longo de quatro dias, reúnem-se no Concelho músicos nacionais e internacionais. O programa deste ano reúne produções musicais oriundas da Holanda, Alemanha, Reino Unido, Áustria e Estados Unidos.

 

As bandas FAUST e THE EX, o duo de PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, o guitarrista e compositor FENNESZ, o trio rock MAGIK MARKERS, o quinteto do trompetista PETER EVANS, o britânico DEAN BLUNT, o norte-americano CHARLES COHEN, RABIH BEAINI, CARLA BOZULICH são os talentos internacionais desta edição.  

 

Pelo Festival irão passar os músicos nacionais: NORBERTO LOBO, RODRIGO AMADO WIRE QUARTET, OPEN MIND ENSEMBLE e PUTAS BÊBADAS.   

 

A nível nacional, o programa inclui o guitarrista NORBERTO LOBO, de regresso ao festival após presença na edição de 2010; RODRIGO AMADO WIRE QUARTET, cujo disco de estreia tem recolhido elogios unânimes da crítica de jazz mundial, os OPEN MIND ENSEMBLE, uma formação que conta com vários nomes relevantes do jazz e da música improvisada nacionais e os lisboetas PUTAS BÊBADAS.

 

Programa

 

1, 2 e 3 de outubro | Teatro Municipal do Barreiro

 

A cantautora norte-americana CARLA BOZULICH regressa ao Barreiro, após participação na edição de 2013, para um workshop de três dias destinado a músicos e não-músicos de ambos os sexos, maiores de 16 anos, realizado em parceria com a Arteviva – Companhia de Teatro do Barreiro, que culminará com uma atuação pública. Informações e inscrições para o mail: workshpos@outra.pt .

 

2 de outubro  | Be Jazz Café | 21h30 | 8 €

 

PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, da Alemanha e Inglaterra, respetivamente, consagrados músicos de jazz, tocam sons delicados e swinging e por vezes frontal free jazz.

 

Na mesma noite, atua o músico português NORBERTO LOBO. O seu mais recente trabalho Mel Azul foi considerado um dos melhores álbuns nacionais de 2012 pela imprensa e pelo mundo online da especialidade. 

 

3 de outubro | Escola de Jazz do Barreiro | 15h30 | Entrada Livre

 

Oportunidade para ver e ouvir o quinteto do trompetista PETER EVANS, reconhecido no panorama do Jazz mundial, que orientará ainda, para além do concerto, umamasterclass, de entrada livre, na Escola de Jazz do Barreiro.

 

3 de outubro | Casa da Cultura da Baía do Tejo | 21h30 | 12€

 

Da Áustria chega o guitarrista e compositor FENNESZ, nome de topo da música eletrónica ambiental.

De seguida atua o britânico DEAN BLUNT, figura de renome da cena alternativa britânica nos últimos cinco anos. A recente capa da revista britânica The Wire, que no ano anterior esteve presente no Barreiro, em cobertura ao festival, comprova esse mesmo estatuto.

 

PETER EVANS QUINTET, trompetista radicado em Nova Iorque tem-se distinguido como um dos produtos mais evoluídos e avançados do estudo das práticas e das histórias do trompete e do Jazz.

 

4 de outubro | Teatro Municipal do Barreiro | 16h00 | Entrada Livre

 

CARLA BOZULICH – Concerto final do workshop.

 

4 de outubro | Be Jazz Café | 17h00 | Entrada livre

 

RODRIGO AMADO é atualmente um dos músicos de Jazz nacionais com maior projeção a nível internacional. O seu WIRE QUARTET tem recebido o reconhecimento da crítica especializada.

 

OPEN MIND ENSEMBLE grupo sediado maioritariamente na capital e composto por vários dos notáveis do panorama nacional, entre os quais o saxofonista Francisco Andrade, uma das figuras maiores do Jazz no Barreiro. 

 

4 de outubro | Pavilhão do G.D. Ferroviários | 21h30 | 12€

 

Da Alemanha chegam os lendários FAUST, banda absolutamente fundamental na génese do rock germânico dos anos 70. De referir que a banda prevê chegar vários dias antes, à cidade, em busca de componentes para o seu espetáculo, famoso também pela utilização de materiais inusitados como chapas de zinco, betoneiras, ou objetos quotidianos.

 

Na ocasião, atuam os veteranos holandeses THE EX dão nome a uma banda com mais de três décadas de carreira dedicadas às explorações do punk.

 

A festa promete continuar com as atuações do trio rock norte-americano MAGIK MARKERS e da banda portuguesa PUTAS BÊBEDAS.

 

 

5 de outubro  | Convento de Madredeus da Verderena | 17h00 | Entrada Livre

 

O norte-americano CHARLES COHEN atua no encerramento do Festival, apresentando, pela primeira vez no País, a sua música resultante da exploração do raro sintetizador Buchla Music Easel. Nesse mesmo dia, destaque para a presença do primeiro músico oriundo do Médio-Oriente no OUT.FEST, o libânes, residente em Berlim, RABIH BEAINI.

 

Os passes globais, ao custo de 25€, e os bilhetes diários para o OUT.FEST, com preços entre os 8€ e os 12€, encontram-se já à venda via Bilheteira Online, emhttp://outfest.bilheteiraonline.pt/ e locais associados e no Posto de Turismo do Barreiro, Balcão de Informações do Fórum Barreiro e na discoteca Flur, em Lisboa.

 

Todas as informações podem ser encontradas em www.outfest.pt e através dofacebook do festival, em www.facebook.com/OUTFESTBarreiro .

 

CMB 2014-09-09



publicado por olhar para o mundo às 10:08 | link do post | comentar

Terça-feira, 26.08.14

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST – 2 A 5 DE OUTUBRO DE 2014

 

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST – 2 A 5 DE OUTUBRO DE 2014

BILHETES JÁ À VENDA

 

A banda THE EX, o duo de PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, o guitarrista e compositor FENNESZ, o trio rock MAGIK MARKERS e o quinteto do trompetista PETER EVANS são nomes já anunciados para a 11ª edição do OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, a realizar entre os dias 2 e 5 de outubro, em vários locais do Concelho.

 

O Festival organizado pela OUT.RA - Associação Cultural - e apoiado pela Câmara Municipal do Barreiro, é já uma referência em Portugal e no estrangeiro. O OUT.FEST conta, ainda, com o apoio da BAÍA DO TEJO e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa.

 

Ao longo de quatro dias, reúnem-se no Concelho músicos de diversas nacionalidades. Para este ano, até ao momento, estão confirmados músicos oriundos da Holanda, Alemanha, Inglaterra, Áustria e Estados Unidos.

 

Os veteranos holandeses THE EX dão nome a uma banda com mais de três décadas de carreira dedicadas às explorações do punk.

 

Está confirmada a passagem pelo Barreiro do duo PETER BRÖTZMANN & STEVE NOBLE, da Alemanha e Inglaterra, respetivamente, consagrados músicos de jazz.

 

Da Áustria chega o guitarrista e compositor FENNESZ, nome de topo da música eletrónica ambiental e dos Estados Unidos o trio rock MAGIK MARKERS e o quinteto do trompetista PETER EVANS, reconhecido no panorama do jazz mundial.

 

Os primeiros passes globais para o OUT.FEST, ao preço de 25€, encontram-se já à venda via Bilheteira Online, emhttp://www.bilheteiraonline.pt/Comprar/Bilhetes/20786-out_fest_passe_2014-barreiro/ e locais associados.

 

De salientar que no final de agosto, a organização promete revelar o cartaz completo, locais dos concertos e as diversas tipologias de bilhetes.

 

Todas as novidades podem ser seguidas através do facebook do festival, emwww.facebook.com/OUTFESTBarreiro.

 

Segundo Rui Pedro Dâmaso presidente da Direção da OUT.RA – Associação Cultural,“nesta 11ª edição voltamos a mostrar o porquê de termos colocado o termo ‘exploratório’ no léxico de todos quantos creem na música como forma de expressão inigualável daquilo que é propriamente humano, que é aventureiramente humano, em mais quatro dias de simbiose entre cidade e som, criador e público, periferia e proximidade”.

 

 

A reprodução textual da informação implica a referência da sua autoria: CMB

CMB 2014-08-07



publicado por olhar para o mundo às 12:18 | link do post | comentar

Terça-feira, 08.10.13
The Fall e Rafael Toral atuam no Out.Fest, no Barreiro

 

 


O Out.Fest - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro arranca na terça-feira, contando com 15 concertos e com o pianista belga Fred Van Hove a abrir o certame, onde são esperadas mais de 2.000 pessoas.


"Começamos o Out.Fest da forma mais informal possível, movidos apenas por um desejo de colocar a tocar na nossa cidade bandas e músicos que admiramos. Tudo o que entretanto aconteceu nestes nove anos ocorreu também com grande naturalidade, e estamos, é claro, muito orgulhosos do que conseguimos construir", disse à Lusa Rui Pedro Dâmaso, presidente da direção da associação OUT.RA, responsável pelo certame.

 

O Out.Fest decorre até 12 de outubro com concertos em vários locais da cidade do Barreiro, como o auditório municipal e o Convento da Madre de Deus da Verderena, onde vão atuar nomes como os ingleses The Fall ou o português Rafael Toral.

 

"As expectativas são as melhores, como desde há já algumas edições a esta parte. Têm sido frequentes as salas lotadas, o que acreditamos que poderá acontecer também este ano. Em termos globais, contamos com um número muito próximo dos 2000 espetadores, no total", afirmou.

 

O Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro conta com o apoio financeiro da Secretaria de Estado da Cultura, bem como da Entidade de Turismo de Lisboa e Vale do Tejo, num orçamento que ultrapassa os 40 mil euros.

 

"Este festival tem sido um contributo importante para uma imagem, que existe, do Barreiro enquanto uma cidade com vida cultural acima da média na cintura de Lisboa, sem dúvida", concluiu Rui Pedro Dâmaso.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:42 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10.10.12

Man Forever actua no sábado

Man Forever actua no sábado (DR)


Há nove anos a mostrar música viva e exigente, há nove anos a criar massa crítica e a estimular novas criações, o Out.Fest – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, arranca esta quarta-feira à noite. Começa com o jazz dos RED Trio e, até Sábado, apresentará a folk reconstruída de Steve Gunn, as esculturas noise de Kevin Drumm ou o rock libertário de Man Forever, veículo a solo para Kid Millions, baterista dos Oneida.

 

São nove anos mas parecem menos. E se parecem menos, isso deve-se ao facto de o Out.Fest ser um festival que vive do pulsar contemporâneo, que revitaliza velhas linguagens, que se propõe mostrar música viva, premente e exigente de forma abrangente, sem guetos de género. O Out.Fest, que já trouxe ao Barreiro Panda Bear, Sonic Boom ou os Oneida, tem-se destacado como montra de sons fiéis ao seu subtítulo – “Festival Internacional de Música Exploratória” – e como formador de massa crítica, como catalisador de novas formações, de novas criações musicais na cidade em que nasceu. Este ano, em que a crise, como em tudo o resto, potencia a imobilidade, o Out Fest, que viu o seu orçamento drasticamente reduzido, contornou a perda fazendo a única coisa possível. Programando menos, ser fiel à sua identidade e ao percurso construído até aqui. Ou seja, até sábado, entre a entrega à descoberta e o reconhecimento de nomes seguros, entre o rock, o jazz e o noise, não faltam motivos de interesse.

Esta noite, o festival arranca no Be Jazz Café, às 21h30, com um concerto do celebrado RED Trio do pianista Rodrigo Pinheiro, do contrabaixista Hernâni Faustino e do baterista Gabriel Ferrandini. Quinta-feira, a acção muda-se para o Teatro Municipal do Barreiro e a folk e a sua desconstrução serão as linguagens dominantes. Com Steve Gunn, ouvir-se-á uma interpretação inspirada e em divagação das músicas de raiz norte-americanas. Em Helena Espvall, sueca que, nos Estados Unidos, integrou os Espers, nome fulcral da revitalização folk do início do século XXI (chamaram-lhe free folk), ouviremos uma violoncelista que desconstrói a matriz folk numa expressão idiossincrática, a sua, naturalmente, em cadência hipnótica.

Espalhando-se pela cidade e alargando o espectro estético, os últimos dias de Out.fest levarão sexta-feira ao Convento da Madre de Deus da Verderena, a partir das 22h, o americano Kevin Drum, nome de destaque da música experimental, escultor de ruído que conta no currículo com colaborações com Jim O’Rourke, Taku Sugimoto ou Mats Gustaffson, e Helm, alter-ego de britânico Luke Younger, que trabalha o noise e o drone a solo, depois de integrar o duo Birds of Delay. A noite integra ainda os portugueses Yong Yong, parceiros espirituais, diz-se, dos tão óptimos quanto estranhos e surpreendentes Hype Williams.

O último dia alarga o espectro musical em todos os sentidos. De manhã, procura-se a fonte de tudo: Luís Antero, responsável pelo projecto Sons do Arco Ribeirinho Sul, liderará, entre as 10h e as 13h30, uma sessão de recolhas sonoras no Centro de Educação Ambiental da Mata da Machada, dirigida a jovens entre os 6 e os 18 anos. À tarde, pelas 17h30, na Igreja de Nossa Senhora da Graça de Palhais, o público ver-se-á conduzido àquilo que será, para a maioria, uma experiência nova: ouvir para ver totalmente. Um concerto para olhos vendados, ouvidos totalmente concentrados nas gravações de campo, nos sons que, de tão presentes, normalmente negligenciamos mas que são componente indispensável da nossa relação com o mundo. Luís Antero levou recentemente o conceito ao Festival Bons Sons, em Cem Soldos. Leva-o agora ao Out Fest.

A noite terminará em grande: Ouviremos o saxofonista Rodrigo Amado, músico jazz de largo currículo e curiosidade pela experimentação de outras linguagens, e ouviremos Man Forever, ou seja, Kid Millions, o extraordinário baterista dos Oneida, nome indispensável do rock psicadélico da última década que se juntará aos músicos locais Nick Nicotine, Cláudio Fernandes, Rui Nogueiro e Júlio Morais (22h, Escola de Jazz do Barreiro). Para encerrar com estrondo o Out Fest, dificilmente haveria melhor escolha que os The Fish. O trio de Jean-Luc Guionnet, Benjamin Duboc e Edward Perraud tratam o free jazz com ferocidade punk e são um portento sempre que um palco se lhes apresenta disponível.

O passe de quatro dias custa 15€ e os bilhetes individuais 5€.

 

Noticia do Público



publicado por olhar para o mundo às 20:59 | link do post | comentar

Terça-feira, 02.10.12
Há ruído no convento, o Out.Fest vem aí
Kevin Drumm chega a Portugal dia 12 de braços estendidos a tudo o que é música radical

De 10 a 13 de Outubro


Fez do Barreiro sinónimo de mil coisas que não cabem nos clichés associados à cidade. Parece mais novo, talvez por ter a aventura no ADN, mas já há nove anos que o Barreiro acolhe o Out.Fest - Festival Internacional de Música Exploratória. Ei-lo de volta, de 10 a 13 de Outubro. Para a organização, jovens locais reunidos na irrequieta associação cultural Out.Ra, trabalhando em parceria com a autarquia e a promotora Filho Único, "música exploratória" é um largo conceito, onde cabem jazz, noise e rock libertário, como se verá pelo que se segue. 

Um dos destaques deste ano é, desde logo, a presença do americano Kevin Drumm (dia 12), amante do estrépito e do ruído, com braços estendidos a tudo o que é música radical, do noise ao jazz mais insubmisso - pela primeira vez em Portugal. Actua na mesma noite que o projecto Helm, de Luke Younger, fazedor de electrónica filha da música industrial, também virgem por cá, e o duo português Yong Yong, alinháveis em espírito com a bizarria de uns Hype Williams. Tudo isto no Convento da Madre de Deus da Verderena.

Outra estreia em Portugal, a de Man Forever, projecto de Kid Millions, o baterista/motor dos Oneida, marca o dia 13 - na Escola de Jazz do Barreiro, apresentará Pansophical Cataract, a meio caminho entre o punk e Steve Reich. No passado já se fez acompanhar por gente de bandas como Yo La Tengo, Vampire Weekend e Liturgy; no Barreiro terá a ajuda de músicos portugueses. Na mesma noite, há espaço para o free jazz dos franceses The Fish, no Be Jazz Café, e para uma rara actuação a solo do saxofonista português Rodrigo Amado, na Escola de Jazz do Barreiro.

O festival, que arranca no dia 10 de Outubro com o Red Trio, grandes exportadores da música livre nacional, terá uma noite íntima no Teatro Municipal do Barreiro, no dia seguinte, com a sueca Helena Espvall, exploradora do violoncelo que faz parte dos Espers, e o guitarrista norte-americano Steve Gunn, que explora a tradição americana, do bluegrass à country, na abordagem aberta inaugurada por figuras como John Fahey e Robbie Basho.

 

Noticia do Público



publicado por olhar para o mundo às 21:22 | link do post | comentar

Segunda-feira, 01.10.12

Improvisação e experimentação no Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro

Os músicos norte-americanos Kevin Drumm e Steve Gunn, a violoncelista sueca Helena Espvall e o grupo português Red Trio vão estar em outubro no Out.Fest, Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro, anunciou a organização.


O festival, que revela protagonistas de música não espartilhada em padrões e convenções e investe sobretudo na improvisação e na experimentação, vai na nona edição e decorrerá entre os dias 10 e 13 de outubro em vários espaços do Barreiro.

 

A abertura do Out.Fest acontecerá no Be Jazz Café com a atuação do Red Trio, formação na qual integram Rodrigo Pinheiro (piano), Hernânin Faustino (contrabaixo) e Gabriel Ferrandini (bateria), e que editou este ano pela Clean Feed o álbum "Stem".

 

No dia 11 de outubro, no teatro municipal, destacam-se as atuações do músico norte-americano Steve Gunn, que explora na guitarra acústica a tradição da folk e dos blues, e a violoncelista e guitarrista sueca Helena Espvall, a viver durante uma temporada em Lisboa.

 

No dia seguinte, o Out.Fest prossegue no Convento da Madre de Deus da Verderena, no qual se vão ouvir os sons produzidos pelo norte-americano Kevin Drumm a partir de uma guitarra elétrica. Esta será a estreia em Portugal de um músico explorador que, de acordo com a organização, "tem vindo a desbravar terreno por caminhos que passam pelo 'noise', o 'drone', a música ambiental ou eletroacústica".

 

Além de Kevin Drumm, na mesma noite atuarão Helm, projeto do artista sonoro londrino Luke Younger, e o coletivo português Yong Yong.

 

O fecho do festival passará, por exemplo, pela Igreja da Nossa Senhora da Graça de Panhais, onde o músico Luís Antero dará um "Concerto para olhos vendados" para espectadores que, de olhos tapados, estejam dispostos a escutar gravações com sons do quotidiano.

 

Já o saxofonista Rodrigo Amado atuará na Escola de Jazz do Barreiro.

 

Haverá ainda uma sessão dedicada aos mais novos, entre os seis e os 18 anos, com "recolhas sonoras pedagógicas" na Mata da Machada.

 

O Out.Fest, cujo programa poderá ser consultado em www.outfest.pt, é organizado pela OUT.RA – Associação Cultural, com o apoio da associação Filho Único e da autarquia do Barreiro.

 

Noticia do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 21:15 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Out.Fest Mês da Música no...

OUT.FEST 2015 Passe glo...

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST ...

OUT.FEST Programa complet...

11ª EDIÇÃO DO OUT.FEST – ...

The Fall e Rafael Toral a...

A música do Out.Fest faz ...

Há ruído no convento, o O...

Improvisação e experiment...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds