Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

      Letra   Há algo de senil em mim Que já não me deixa lembrar Há quanto tempo foi o fim não sei cheguei a começar Mas sei que foi sempre assim Mais olhos que barriga Mais sono que fadiga Há sempre tempo para parar Saber se vale a pena Ou ficou por fazer Refrão: É só contar até 3 (1...2...3) Vou nascer outra vez Fechar os olhos (1...2...3) Vou nascer outra vez Respirar bem fundo (1...2...3) Vou nascer outra vez Começar de novo (1...2...3) Vou nascer outra vez Nun (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email