Segunda-feira, 18.01.16

cartaz_sortido.jpg

 

 

SORTIDO # 1
22H30 . Captain Boy
23h30 . PISTA
00h30 . CHATEAU BRUTAL The band
Preço: €5

O que é que define uma banda emergente? A sua novidade? Os poucos anos de mercado? A atitude de entrega a um projecto que é novo, descomprometido, real? São várias as premissas que nos podem ajudar a perceber o que faz, de uma banda pequena, um fenómeno com potencial para crescer, criar e disseminar cultura. Nestas noites não queremos definir tendências, não vamos assumir despesas de patrocínio, mas queremos mostrar alguns dos projectos, nacionais e europeus, que gostamos, porque os palcos não fazem sentido sem novos músicos.



Captain Boy é o alter-ego de Pedro Ribeiro. Vagabundo com voz rouca e guitarra a tiracolo que canta histórias que transcendem o tempo. A sonoridade ferrugenta acompanha-o em todas as actuações remetendo-nos para um ambiente intimista, como se nós próprios estivéssemos a bordo de um barco imaginário. Assim como o mar, Captain Boy é imprevisível, transformando todos os concertos numa viagem distinta. 



Alguns meses depois de nos apresentarem "Bamboleio", prova honrada do rock tropical que transpira sedução e ginga de cintura do colectivo do Barreiro, os PISTA estão de regresso ao Cais do Sodré para espalhar as notas da festa. O regresso, integra-se na noite Sortido, que promoverá, regularmente, o talento emergente nacional e europeu. E siga a festa!


Chateau Brutal. Eles são rudes, desajeitados, egocêntricos, pretensiosos, arrogantes e "brega" como poucos. A naturalidade francesa condena-os a ter um sotaque estranho, que escondem com excessivo consumo de cerveja. Há quem diga que é coisa de idade, já que são velhos demais para fazerem música, mas, é por tudo isto, que são óptimos. Se não acreditam, falamos directamente para vocês que ainda se deixam entusiasmar pela descoberta do desconhecido. este tem batida de rock e letras que tocam o humor negro.

 
Evento Facebook: www.facebook.com/events/156040768100839/


publicado por olhar para o mundo às 20:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 10.04.14

Capicua no Musicbox: Histórias do mar, da terra e do ar

 

São vários os atributos que podemos encontrar reunidos num MC. Uns mais importantes do que outros (uma análise que é sempre subjetiva), mas, ao mesmo tempo, todos indispensáveis. No que toca ao storytelling,Capicua já atingiu uma destreza notória. De tal forma que nos deixamos ser sequestrados pelas suas narrativas, partindo em viagens longas e cativantes, pautadas pelo seu especial à vontade nos domínios da palavra. A verdade é que Ana Matos Fernandes, nome que figura no seu bilhete de identidade, consegue transmitir aquilo que sente de forma direta, sem truques, pura e transparente como a água que canta em "Líquida". Que o digam aqueles que lotaram por completo o Musicbox, no fim-de-semana passado, aquando da apresentação oficial de "Sereia Louca", o segundo disco de originais de Capicua.

 

Tal e qual como no álbum, o espetáculo dividiu-se em duas metades completamente distintas. A primeira, ligada à mesa de mistura de D-One, DJ que acompanha a artista ao vivo, trouxe canções do novo álbum; a segunda, acústica, secundada pela viola de Mistah Isaac, repescou temas antigos. Mas, como todas as boas histórias, esta também teve um início. E foi através de um discurso pré-gravado que Capicua introduziu o concerto, relatando aos presentes o sonho que deu origem a "Sereia Louca", e lançando-se, logo de seguida, à faixa-título do álbum, provocando os primeiros acompanhamentos vocais da noite.

 

Capicua adora contar-nos histórias, adora que as oiçamos e esforça-se ao máximo para que as suas ideias nos cheguem de forma clara. Por isso mesmo, recorreu à componente visual para ilustrar as suas músicas, através da veia artística de Dário Cannatá, que deu asas à imaginação e ilustrou, live on tape, recorrendo à tecnologia e a uma tela montada na traseira de palco, as temáticas abordadas (principal destaque para a recriação da "Casa no Campo", de Capicua).

 

Acompanhada na voz por M7, a artista percorreu "Sereia Louca" de lés a lés, contagiando o Musicbox que, completamente à pinha, não se poupou nos aplausos. "Dia 12 de abril vou estar no Jardim de Inverno do teatro São Luiz", adiantou a anfitriã, pedindo à plateia para transmitir aos amigos que não conseguiram marcar presença no Musicbox que haverá mais uma hipótese de a ouvirem ao vivo. "Vai ser um concerto com os They're Heading West, a convite do Sérgio Godinho, num formato mais acústico", acrescentou, servindo de mote para o momento que se seguiu, em que foi possível ouvir temas como "Casa no Campo", "Vinho Velho" e "Luas" a ganharem novas roupagens, confirmando a excelência de Capicua no campo da poesia falada ("Jugular", cantada a cappella, rematou o momento com chave de ouro).

 

Até ao final do concerto ainda houve tempo para o público se deliciar com "Medo do Medo", um dos primeiros testemunhos da grandeza lírica da rapper portuense, "Soldadinho", que contou com a participação de Gisela João (a fadista viria a oferecer um ramo de flores à MC, já em tempo de descontos) e um regresso ao passado com "Lingerie", "Maria Capaz" e "Tabu". Mas seriam "Mão Pesada", com Dário a desenhar a silhueta de Frida Kahlo na tela, "Vayorken", tema autobiográfico que encerra "Sereia Louca", e "Pedras da Calçada" os últimos temas a serem ouvidos no Musicbox, colocando, assim, um ponto final na passagem da artista por Lisboa. Para aqueles que não conseguiram ir, não há que desesperar. Para além da atuação do próximo dia 12, no teatro São Luiz, Capicua prometeu um regresso a Lisboa no próximo mês de maio. Resta esperar.

 

Manuel Rodrigues

 

Retirado de Palco Principal



publicado por olhar para o mundo às 12:21 | link do post | comentar

Segunda-feira, 27.05.13
Tambor
Concerto MusicBox Lisboa
 28 de Maio
https://c1.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/Bf4134376/14951809_rOZKz.jpeg
 
Video 'Fica' Ver AQUI
Tambor no facebook
Tambor Site Oficial
 
* * *
 
Na noite de amanhã,  28 e Maio, às 22:00h, no Music box em Lisboa 'Tambor' vai tocar, pela primeira vez na integra, 'Electro Pop'. 
O quinto trabalho de longa duração de Tambor, é um disco eléctrico/analógico, em que os temas curtos e imediatos se cruzam com progressivos de longa duração.
Os singles 'À Volta Tudo Cai', 'Desacelera' e 'Fica', estão em rotação na rádio a nível Nacional.
Mais notícias em:
http://www.tambor.net
https://www.facebook.com/tambormuisic

Bilhetes à venda em blueticket e no local do espectáculo.

Preço dos Bilhetes: 8.00Є

* * *

 

Tambor Discografia:
'Electro Pop' - 2013
'Quatro' - 2010
'Rádio' - 2004
'Jamais Descer' - 2001
'Cortina de Fumo' - 1999



publicado por olhar para o mundo às 21:27 | link do post | comentar

Terça-feira, 20.03.12

 REGRESSO DOS ZEN E NOITE PRÍNCIPE AQUECEM O MUSICBOX

 

Os míticos Zen caracterizaram o espectro musical da sua época áurea, e deixaram o público em suspenso. Um regresso aos palcos a não perder, seguido de uma escaldante Noite Príncipe com Kuduro, Techno e House sob curadoria de Marfox, DJ Nervoso e Photonz dia 24 de Março no Musicbox.


Os Zen já editaram três álbuns: “The Privilege of Making the Wrong Choice”, “Zen ao vivo no Hard Club” e “Rules, Jewels, Fools” cuja qualidade justificara a legião de fãs que ganharam desde o início da banda em 1996. Voltam agora a viajar entre o rock, a electrónica e o groove com mais energia que nunca, num concerto esperado há quase 10 anos. Este concerto promete agitar os alicerces do Musicbox, mas a Noite Príncipe #2 que se segue é igualmente promissora; a editora convida Marfox, DJ Nervoso e o VJ Photonz a mostrar o que faz melhor; misturar Kuduro, Techno e House na mesa e aquecer a pista de dança.

 

SÁBADO . 24 MARÇO
00H00
ZEN
Concerto . Rock. PT

02H00
NOITES PRÍNCIPE #2
MARFOX + DJ NERVOSO + PHOTONZ 
DJ Set. Kuduro/ House/ Techno . PT

Entrada: €8
Entrada Clubbing: €8 com oferta de duas bebidas



publicado por olhar para o mundo às 21:27 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim




posts recentes

Sortido#1 com PISTA, Capt...

Capicua no Musicbox: Hist...

Tambor | Concerto Apresen...

O REGRESSO DOS ZEN E NOI...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
OUÇA A NOSSA RADIO EM https://goo.gl/ouzpk3
Eu queria a letra dessa música
YK é Noizz Kappa, Halloween a grande Alma, melhor ...
blogs SAPO
subscrever feeds