Sexta-feira, 09.12.16

 

Letra

 

Vou tentando andar só de baixo para cima
Que de cima para baixo assim eu não me safo
A tentar limar os ataques na esgrima
De rima para rima de bafo para bafo
Neste pequeno espaço onde circula o tubarão
Andam à procura do Nemo
Se é para fazer rap só com uma maraca na mão
Deixa estar que eu desemerdo-me
Aquilo que eu herdo é tristeza
A minha avó não vê crescer o neto
Deitada na cama daquele hospital
Já sem ver o céu só rezava para o tecto
Afecto não falta, (não não), desde fedelho que nunca faltou
Eu não piso a ribalta, parto os joelhos a quem diz que o Dillaz a pisou
Mandaram mau olhado mas não me acertou
Aposto que a moca me causou estrabismo
Chamaram-me cão mas quem me atiçou
Morreu sem ver marcas no seu organismo
Não sabias que eu e rap só temos contactos por espiritismo?
A meio da noite eu levanto-me da cama a dama até me acusa de sonambulismo
Diz-me tu, porque é que criticas fazendo como por lazer?
Tantas maldades e barbaridades que a tua boca anda a dizer
Tenta acalmar o teu estado
Que há muito sentado no banco do réu
E tu ai pausado com o teu gang falso
Vai acabar descalço e com a picha ao léu
Há quem te esfaqueie por um béu
Há quem queira ter uma casa, levantar um véu
Agradece pelo pitéu
Respeita a cerveja para o chão e um bafo para o céu
Querida tira esse teu robe
Não é preciso um blowjob para subires no piso
E não me venhas chamar filho da puta
Que já sabes que o Dillaz é um filho da peace
E quantos esperam o meu deslize?
Quantos disseram o que eu disse?
Pediram please
Para aparecer e pausar e dizer a cantar tudo isso
Quantos mamaram no pisso?
O feitiço dos haters que andam à beira de morrer
Fazem com que sejam 5 da manhã e eu não consigo adormecer
Só oiço uma voz a dizer

Dillaz?

Se é para escolher entre o rap ou a vida
Levem-me a vida que o rap faz falta
Em mim bate como ketamina
É ele que ensina é ele que me exalta
Mas há malta que anda a tentar raptar a vertente
Para tentar vende-la na televisão
E duma maneira pouco inteligente
Ficaram na montra para a exposição

Dillaz tu (pshh) tens a noção com essa dica tu tas a ser mau como as cobras?
Dillaz tu (pshh)

Tu tens a noção de quantos rappers tugas trabalham nas obras?
Não venhas dizer que te matas e esfolas
Com cara de assustado e com a mão nas bolas
Que eu já vi que passas-te no swag e chumbas-te na knowledge
Chamam artistas para encher casotas
Mas estão a cagar-se para aquele que lá toque
Queres baixar o preço? Arranja uma nova
Eu tenho a fofa em casa à espera do envelope
Chama-lhe esforço, chama-lhe sorte
Andar assim não 'tava nos meus planos
Já me disseram que eu estou a galope
Como andaram os meus primos há uns anos
Estão de fininho e estão danadinhos para me verem cair
Não me ponham na boca do povo que eu não vejo lobos
Só cães a ganir
E no dia que o meu barco afundar, tu podes gozar
Tu podes falar que eu não me aflijo
Porque se eu fui um senhor no luxo
Boy, eu vou ser um senhor no lixo!

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Dillaz - Madrigal

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds