Quinta-feira, 28.11.13

LISBOA 22:38, António Zambujo


ANTÓNIO ZAMBUJO ENTRA DIRECTAMENTE
PARA O 1º LUGAR

«LISBOA 22:38» É LÍDER DO TOP NACIONAL

 

Álbum foi registado, ao vivo, no Coliseu dos Recreios

«Quinto», o seu registo anterior, já é Disco de Platina e continua no Top 10


António Zambujo é o novo líder do top nacional: na semana do seu lançamento, «Lisboa 22:38» entrou, directamente, para o nº 1 da tabela portuguesa.

 

O novo álbum é o resultado de uma noite inesquecível, vivida em Dezembro de 2012, na estreia de António Zambujo numa das mais emblemáticas salas nacionais – o Coliseu dos Recreios, em Lisboa. Celebrava-se, então, a caminhada triunfal de «Quinto», o seu mais recente registo de originais. Um ano depois, no entanto, esse percurso ainda não parou de crescer: «Quinto» já é Disco de Platina e mantém-se no Top 10 da contagem nacional, na 8ª posição.

 

«Como sábio e bom alentejano que é, António Zambujo não confunde o melodioso com o meloso. Ele não alambica paixões nem simplifica sentimentos – antes varia caminhos e multiplica triangulações, promovendo encontros improváveis: o fado com a MPB e com a morna; o cavaquinho de Jon Luz com a guitarra portuguesa de Bernardo Couto e o clarinete de José Miguel Conde; compositores como Maria do Rosário Pedreira e João Monge ao lado de Pedro da Silva Martins ou Miguel Araújo, mestres no cruzamento de amor e humor, através dos quais o fado se transfigura em pequenos contos do quotidiano», descreve João Miguel Tavares, no texto que acompanha «Lisboa 22:38».

 

Em 2012, António Zambujo transformou o Coliseu dos Recreios na sua própria sala, convidando os amigos a juntar-se a uma grande festa, que, agora, pode ser, para sempre, recordada. Ou, nas palavras de João Miguel Tavares, «a partir de agora e deste disco, a sala é a de cada um». E a festa é de todos!

 

«Lisboa 22:38» está disponível em dois formatos – CD e CD+DVD –, com edição da Universal Music Portugal.



publicado por olhar para o mundo às 10:06 | link do post | comentar

Terça-feira, 12.11.13

António Zambujo


ANTÓNIO ZAMBUJO DESVENDA «LISBOA 22:38»

A PARTIR DE SEGUNDA-FEIRA, ÁLBUM AO VIVO PODE SER OUVIDO EM EXCLUSIVO NO SPOTIFY!

«LISBOA 22:38» CHEGA ÀS LOJAS DIA 18 DE NOVEMBRO

 

Foi uma noite inesquecível: em Dezembro de 2012, António Zambujo estreou-se num dos mais emblemáticos palcos nacionais, o Coliseu dos Recreios. No dia 18 de Novembro, esse triunfo tornado serão musical ficará, para sempre, registado para a posteridade, com a edição de «Lisboa 22:38». No entanto, a partir da próxima segunda-feira, dia 11, e até dia 17, «Lisboa 22:38» vai estar disponível, em streaming e em exclusivo, no Spotify.

 

«Em 2007, comecei um artigo sobre António Zambujo com a frase “Se João Gilberto cantasse fado, seria mais ou menos assim”, e graças a Caetano Veloso, que recuperou essa ideia num texto entusiástico, o conceito de “fado bossa nova” aplicado a Zambujo ganhou uma inesperada amplitude», recorda João Miguel Tavares, no texto que acompanha «Lisboa 22:38». «É certo que não se pode dizer que antes dele o fado fosse apenas triste e amargo. Afinal, o Corrido é uma das suas formas estruturantes, e não lhe falta alegria. Mas pode dizer-se que António Zambujo é o primeiro a cantá-lo com uma profunda doçura e uma elegante suavidade, que ninguém antes se lembrara de lhe imprimir», continua.


São estes atributos que surgem em evidência em «Quinto», o álbum de António Zambujo que chegou à marca da Platina, aplaudido em todo o mundo e ponto de partida à noite que «Lisboa 22:38» regista. Mas o concerto não se limitou ao seu mais recente disco. «Como sábio e bom alentejano que é, António Zambujo não confunde o melodioso com o meloso. Ele não alambica paixões nem simplifica sentimentos – antes varia caminhos e multiplica triangulações, promovendo encontros improváveis: o fado com a MPB e com a morna; o cavaquinho de Jon Luz com a guitarra portuguesa de Bernardo Couto e o clarinete de José Miguel Conde; compositores como Maria do Rosário Pedreira e João Monge ao lado de Pedro da Silva Martins ou Miguel Araújo, mestres no cruzamento de amor e humor, através dos quais o fado se transfigura em pequenos contos do quotidiano», descreve, ainda, Tavares.

 

Com edição da Universal Portugal, «Lisboa 22:38» vai estar disponível em dois formatos – CD e CD+DVD –, a partir de dia 18 de Novembro. E, se dúvidas houvesse, neste registo ao vivo, confirmar-se algo que todos já sabem: que António Zambujo é um fadista ímpar. Nas palavras de João Miguel Tavares, é «como se, diante da habitual tragédia fadista, António Zambujo recusasse soçobrar à fatalidade, sussurrando-nos ao ouvido: “Se a morte é certa, que tal dar uma voltinha na minha lambreta enquanto ela não chega?” E nós vamos, claro, acabando a noite na sala ao lado, entre gemidos de prazer. Às 22.38 de dia 7 de Dezembro de 2012, essa sala chamou-se Coliseu dos Recreios. A partir de agora e deste disco, a sala é a de cada um»



publicado por olhar para o mundo às 12:50 | link do post | comentar

Sábado, 26.10.13

Antonio Zambujo


ANTÓNIO ZAMBUJO EDITA «LISBOA 22:38» DIA 18 DE NOVEMBRO

ÁLBUM AO VIVO RECORDA NOITE INESQUECÍVEL VIVIDA NO COLISEU DOS RECREIOS

 

ESTREIA NA MÍTICA SALA LISBOETA CELEBROU O SUCESSO DE «QUINTO», QUE JÁ É DISCO DE PLATINA


«Foi bonita a festa» – Lia Pereira (Blitz)

«Não há desperdício em António Zambujo, antes peças que se encaixam num tronco cada vez mais robusto» – Gonçalo Frota (Ipsilon, Público)

 

Depois de uma caminhada triunfal, em Dezembro de 2012, António Zambujo festejou o percurso emblemático de «Quinto» da melhor forma: com uma aplaudida estreia num dos mais importantes palcos nacionais, o Coliseu dos Recreios. «Lisboa 22:38» inscreve para a posteridade essa noite de consagração.


O novo registo vai estar disponível em dois formatos – CD e CD+DVD –, a partir de dia 18 de Novembro. Com edição da Universal Music Portugal, «Lisboa 22:38» já está em pré-venda no iTunes, onde é possível ouvir 90 segundos de cada uma das canções desta imensa festa em formato concerto. A pré-compra de «Lisboa 22:38»resulta no download, imediato, de «Readers Digest». 


Elogiado no mundo inteiro, com apoiantes tão ilustres quanto Caetano Veloso ou Jô Soares, «Quinto» – que foi eleito pela revista Blitz o melhor álbum nacional de 2012 e que contou com rasgados aplausos do incontornável The New York Times – chegou à marca de Disco de Platina e foi o ponto de partida para o debute de António Zambujo no Coliseu dos Recreios.


Mas o concerto não se limitou ao mais recente disco do alentejano: acompanhado por Bernardo Couto (guitarra portuguesa), José Miguel Conde (clarinetes), Ricardo Cruz (contrabaixo) e Jon Luz (cavaquinho),  António Zambujo recordou vários momentos da sua carreira. Uma caminhada inolvidável, celebrada de forma ímpar e, agora, registada para sempre, em «Lisboa 22:38»



publicado por olhar para o mundo às 21:12 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

António Zambujo lidera to...

ANTÓNIO ZAMBUJO DESVENDA ...

ANTÓNIO ZAMBUJO EDITA «LI...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds