Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

    Letra   Ainda agora aqui chegado  meu cavalo já cansado  trago o peito enamorado  e a armadura em desalinho  minha espada, eu embainho  dai-me carne e dai-me vinho  sou guerreiro por quimera  era uma vez um rapaz  é vê-lo avançar  entre a guerra e a paz  Dai-me carne e dai-me vinho  dai-me uma mesa de pinho  estendei toalha de linho  onde estenderei meus dedos  lede neles os enredos  das conquistas, dos degredos  assim eu contar pudera  era uma vez um rapaz  (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email