Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

letra   Vou caminhar por ai, esta noite, pelas ruas, é natal vejo o mundo a sorrir não consigo deixar de ficar feliz vou, vou sair, vou poder sentir, dar e entender o natal és so tu meia noite eu sei que a promessa de amor aquela que eu guardei o natal és so tu meia noite eu sei que a promessa de amor aquela que eu guardei vejo as crianças brincar com um brilho vivo no olhar é natal vejo o mundo a sorrir não consigo deixar de ficar feliz vou, vou sair vou poder sentir, dar (...)
Letra   Segredos Ez Special Eu procuro um amor Que ainda não encontrei Diferente de todos que amei Nos seu olhos quero descobrir  Uma razão para viver E as feridas desta vida  Eu quero esquecer Pode ser que eu a encontre Numa fila de cinema Numa esquina Ou numa mesa de um bar Procuro um amor que seja bom para mim Vou procurar  Eu vou até ao fim E eu vou trata-la bem Para que ela não tenha medo quando começar  A conhecer os meus segredos Eu procuro um amor Uma razão (...)
Letra Quando eu te vejo  Sinto saudade  Dos teus dias quentes  E de tempestade.  Para conseguir  Fazer-te feliz  Fico longe contigo.  Segunda, passa o dia a correr  Chego a Terça-feira sem a conseguir ver  Quarta, há tanto para dizer  Acordo e ainda posso ver o dia nascer  Quinta, paro para pensar,  Como seria se vivesse noutro lugar?  Menina bonita, é sexta  e vamos *vadiar*  Não vai levar muito  Para seres capaz  De veres em mim  Mais do que um rapaz  Espero que (...)
  Letra   Eu já não sei quem sou e nem tenho a certeza  se é hoje que tu vais despir-me desta tristeza Tu deixas ir estas história assim sem princípio, meio ou fim sem uma saída tu e os teus olhos infantis e os sapatos pretos de verniz tens tudo a belo prazer. não me tentes evitar de mãos atadas à cintura sem vires abaixo do teu vestido de alta costura Tu deixas ir estas história assim sem princípio, meio ou fim sem uma saída tu e os teus olhos infantis e os sapatos (...)
    Letra   Sei que sabes que sim E que para mim És o mundo lá fora Não há nada a fazer Nem nada a dizer Aqui e agora Deixa à volta o mundo Vai ser o que o tempo entender Nem tu tens de o dizer Só tens de o sentir Se Sabes que Sim e que para mim És o mundo lá fora Olha para mim Se estiveres a fim Falamos depois A qualquer hora Olha para mim Tudo tem um fim Vemo-nos depois Sei que és parte de mim Estarás sempre aqui Sei que não demoras Não há nada a fazer Nem nada (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email