Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

11 Ago, 2017

D Phragma - Monstro

  Letra   Quem nos vai purgar o monstro sobre nós Olha quem, que com os seus tentáculos nos corta o ar. Vai, não deixes que essa sarna te consuma. Ela cai, nem que tenhamos que deixá-la de fome a babar. Quem nos vai purgar o monstro sobre (entre) nós. Não vais mais sugar.  Eu já não te temo. Agora és tu quem vai penar por toda esta amargura. A fonte aqui fechou amor. Agora quem vai ser monstro de quem? Quem nos vai purgar o monstro sobre (entre) nós.  
10 Ago, 2017

D Phragma - Bordel

  Letra   No bordel da dor há cintas e ligas a romper. E o sr. doutor que exige um corpo para se sorver. Lá fora está tão frio... Dá-me calor! Lá em casa não há cio... murchou a flor Suba meu amor - diz a meretriz com sedução. Coma-me por favor que tenho rebentos em ascensão. Lá fora está tão frio... Dá-me calor! Lá em casa não há cio... murchou a flor. No bordel da dor há cheiro a bafio e cerveja morta. E o senhor doutor que já não tem ponta para lhe pegar. L (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email