Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   Há quanto tempo não canto na muda voz de sentir e tenho sofrido tanto que chorar fora sorrir Há quanto tempo não sinto de maneira a o descrever nem em ritmos vivos minto o que não quero dizer... Há quanto tempo me fecho à chave dentro de mim e é porque já não me queixo que as queixas não têm fim Há tanto tempo assim duro sem vontade de falar! já estou amigo do escuro não quero o sol nem o ar.  
  Letra   A tua voz fala amorosa...  Tão meiga fala que me esquece  Que é falsa a sua branda prosa.  Meu coração desentristece.  Sim, como a música sugere  O que na música não stá,  Meu coração nada mais quer  Que a melodia que em ti há...  Amar-me? Quem o crera? Fala  Na mesma voz que nada diz  Se és uma música que embala.  Eu ouço, ignoro, e sou feliz.  Nem há felicidade falsa,  Enquanto dura é verdadeira.  Que importa o que a verdade exalça  Se (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email