Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

    Letra   Ela não entra no café sozinha Tem um bloqueio um modo de ser Ela tem um receio do que possam dizer Que alguém lhe passou quando era menina E como coisas boas nunca ninguém ensina Ela cora por tudo e por nada Conceição Olhos nos olhos olhos no chão Qualquer coisa a embaraça Essa conceição Não sei que lhe faça E é uma pena que aquele corpo É todo lume lenha de arder Mesmo a pedir mão de mexer ... O amor enviou-me, sou seu missionário Vim mudar a tua sina Arej (...)
    Letra   CONCEIÇÃO ELA NÃO ENTRA NO CAFÉ SOZINHA  TEM UM BLOQUEIO UM MODO DE SER  ELA TEM UM RECEIO DO QUE POSSAM DIZER  QUE ALGUÉM LHE PASSOU QUANDO ERA MENINA  E COMO COISAS BOAS NUNCA NINGUÉM ENSINA  ELA CORA POR TUDO E POR NADA   CONCEIÇÃO   OLHOS NOS OLHOS OLHOS NO CHÃO  QUALQUER COISA A EMBARAÇA  ESSA CONCEIÇÃO  NÃO SEI QUE LHE FAÇA  E É UMA PENA QUE AQUELE CORPO  É TODO LUME LENHA DE ARDER  MESMO A PEDIR MÃO DE MEXER ...  O AMOR (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email