Segunda-feira, 31.12.12

 

 

letra

 

Não encontrei a letra desta música



publicado por olhar para o mundo às 08:27 | link do post | comentar

Quinta-feira, 24.11.11

Letra

 

Às vezes é tarde demais, para seguir em frente.
Às vezes é cedo demais, para voltar atrás.
O tempo também é inverso, à nossa vontade.
E às tantas o que nos atrai, já não é verdade.


Porque é fácil não estar no lugar marcado,
E é tão fácil seguir o caminho errado.

Às vezes eu não salto com medo de voar,
Às vezes eu não sonho, com medo de acordar.


Às vezes eu não canto, com medo de me ouvir,
Às vezes eu entendo, que é apenas um momento, e o melhor há-de vir.

Às vezes eu não salto com medo de voar,
Às vezes eu não sonho, com medo de acordar.


Às vezes eu não canto, com medo de me ouvir,
Às vezes eu entendo, que é apenas um momento, e o melhor há-de vir.



publicado por olhar para o mundo às 17:27 | link do post | comentar

Sábado, 24.09.11
Letra
Ela Era Só Mais Uma Classificados
Ela era só mais uma
Como tantas outras mais
Tinha dois palmos d cintura, reais
Ela era de mil cores
Era de todos os lugares
Era presa inevitável, de olhares

Tinha a luz da madrugada
E a sombra do dia
Trazia fogo na pele macia
Dança na luz da espada fria
Dá mais um sinal de ti
Do teu espaço vazio
Da tua imensidão
Do teu desejo frio
A tua mão... 

Tinha medo do silêncio
E a mania de cantar
Tinha na voz um segredo, por revelar
Tinha um olhar provocante 
E um andar colegial
Era pedra preciosa, de sal

Tinha a luz da madrugada
E a sombra do dia
Trazia fogo na pele macia
Dança na luz da espada fria
Dá mais um sinal de ti
Do teu espaço vacio
Da tua imensidão
Do teu desejo frio
A tua mão...



publicado por olhar para o mundo às 08:26 | link do post | comentar

Sexta-feira, 23.09.11
Letra
"Agora não quero saber,
O que me fez chegar aqui.
Apostei para ganhar,
E acabei perdido em ti.
Agora não quero dizer,
Que só em ti me reconheço,
Mas por um abraço teu,
Pagava qualquer preço.
Porque eu não sei ficar,
Longe de ti,
Eu já não sei,
O que há para além de ti.
Se te inventei,
Ou descobri.
Desarmaste-me num golpe,
Já rendido baixei armas.
Atiraste à queima-roupa,
Quis voar nas tuas asas.
E se eu ficar,
Viciado em ti,
É só...
Porque eu não sei ficar,
Longe de ti.
Eu já não sei,
O que há para além de ti.
Se te inventei,
Ou descobri."


publicado por olhar para o mundo às 17:21 | link do post | comentar

Quinta-feira, 24.03.11

 

 

Letra

 

Escrevi o teu nome na linha férrea para que o pudesses ler
Mas tu passaste a 100h e sem tempo para o ver
Fiz outra tentativa e escrevi no alcatrão
Mas nessa tosca avenida não passou teu avião

Tens um nome delicado
Não se pode escrever
É preciso entrar em ti, para te poder conhecer
Não é nome que se diga
Não é nome de mulher
É da cor do teu vestido
É do teu... jeito de ser

Em poucos dias toda a cidade estava pintada de rosa
E por todos os lugares lia-se o teu nome em prosa
Mas de ti nem um sinal nem sequer uma notícia
A tua ausência prolongada era já caso de polícia

Tens um nome delicado
Não se pode escrever
É preciso entrar em ti, para te poder conhecer
Não é nome que se diga
Não é nome de mulher
É da cor do teu vestido
É do teu... jeito de ser

Tentei só mais uma vez escrever-te na terra molhada
E da noite para o dia eras uma semente germinada

Tens um nome delicado
Não se pode escrever
É preciso entrar em ti, para te poder conhecer
Não é nome que se diga
Não é nome de mulher
É da cor do teu vestido
É do teu... jeito de ser

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 08:36 | link do post | comentar

Quarta-feira, 23.03.11

 

 

 

Letra

 

Longe daqui,
Tens um segredo guardado,
Para abrir,
Num lugar mais desejado,
Num lugar onde possas saber,
Que por ser segredo não podes dizer;

Serás tu a sombra que olhas no chão,
Serás a promessa que trazes na mão,
De que serve o teu disfrace e o teu secreto olhar,
Se não tens ninguém a quem te revelar,
Serás o silêncio ou um sonho desfeito,
Será teu o grito que arrancas do peito,
De que vale teres a Lua e o Céu inteiro para voar,
Se não tens ninguém a quem te puder dar;

Longe daqui,
Tens um desejo fechado,
Para abrir
Num lugar mais arejado,
Num lugar onde possas saber,
O que há já muito tempo ficou por dizer;

Serás tu a sombra que olhas no chão,
Serás a promessa que trazes na mão,
De que serve o teu disfrace e o teu secreto olhar,
Se não tens ninguém a quem te revelar,
Serás o silêncio ou um sonho desfeito,
Será teu o grito que arrancas do peito,
De que vale teres a Lua e o Céu inteiro para voar,
Se não tens ninguém a quem te puder dar;

Fixaste o teu olhar no meu,
Ficaste longe daqui,
Tu estás longe de ti,
Tão longe de nós,
Podes parar de saltar,
Noutro lugar;

Serás tu a sombra que olhas no chão,
Serás a promessa que trazes na mão,
De que serve o teu disfrace e o teu secreto olhar,
Se não tens ninguém a quem te revelar,
Serás o silêncio ou um sonho desfeito,
Será teu o grito que arrancas do peito,
De que vale teres a Lua e o Céu inteiro para voar,
Se não tens ninguém a quem te puder dar;

 



publicado por olhar para o mundo às 17:18 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Se Um Anjo na Noite - Cla...

Classificados - Com medo ...

Classificados - Ela era s...

Classificados - Só Em Ti ...

Classificados - Rosa (do ...

Classificados - Um segred...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds