Domingo, 11.10.15

 

brigada vitor jara.php

 


40 anos de Brigada Victor Jara, ao vivo!

Uma das maiores referências da música tradicional portuguesa nas últimas décadas - a Brigada num momento maduro da sua existência criativa, com a frescura contemporânea dos arranjos e o grande talento dos actuais músicos. Os seus concertos e a sua discografia, integralmente reeditada em 2015, na caixa - Ó BRIGADA, reflectem a diversidade regional do cancioneiro português e o contributo inigualável que o grupo de Coimbra tem dado à memória da música em Portugal.

Brigada Victor Jara ao vivo:

  • Porto, Casa da Música, 17 de Outubro, 21h30
  • Lisboa, Teatro S. Luiz, 21 de Outubro, 21h00
  • Coimbra, Teatro Gil Vicente, 23 de Outubro, 21h30

Retirado de Antena 1



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

Sábado, 04.07.15

brigadavictorjara.png

O Festim festeja a efeméride. É que a nossa música também é do mundo!

Brigada Victor Jara em concerto especial, este sábado no Festim!

SÁB 4 JULHO, 22:00 – SEVER DO VOUGA
Parque Urbano (entrada livre)

http://www.festim.pt/
http://www.facebook.com/dorfeu.festim


40 anos de Brigada Victor Jara. Este é um concerto único e especial, por uma das maiores referências da música tradicional portuguesa nas últimas décadas. A efeméride encontra a Brigada num momento maduro da sua existência criativa, com a frescura contemporânea dos arranjos e o grande talento dos actuais músicos. Os seus concertos e a sua discografia, integralmente reeditada neste ano de 2015, reflectem a diversidade regional do cancioneiro português e o contributo inigualável que o colectivo coimbrão tem dado à memória da música em Portugal.      


13 Junho a 25 Julho 2015  |  7ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA
OVAR * ESTARREJA * OLIVEIRA DO BAIRRO

Kepa Junkera & Sorginak (País Basco, Espanha)
Jacky Molard Quartet (Bretanha, França)
Noreum Machi (Coreia do Sul)
Hamilton de Holanda e Diogo Nogueira (Brasil)
Brigada Victor Jara (Portugal)
Richard Bona (Camarões)
Orquesta Típica Fernández Fierro (Argentina)
Ferro Gaita (Cabo Verde)

http://www.festim.pt/
http://www.facebook.com/dorfeu.festim

http://www.dorfeu.pt/
http://dorfeu.blogspot.com/
http://www.facebook.com/dOrfeuAC



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Segunda-feira, 26.01.15

Brigada_Victor_Jara.jpg

 

 

A Brigada Victor Jara, fundada em 1975, lança em finais de março a discografia completa em CD para comemorar 40 anos de carreira “a divulgar e a reinventar a música tradicional portuguesa”.

Para a edição da caixa comemorativa, que vai contar com os dez álbuns do grupo e um livro, foi criada uma campanha de recolha de fundos (disponível em ppl.com.pt/pt/prj/brigada-vitor-jara-40-anos), a 21 de janeiro, por uma "questão financeira, devido aos custos elevados da edição", mas também como uma forma de fazer "mexer as pessoas", explicou à agência Lusa Arnaldo Carvalho, membro da Brigada desde 1977, ano da edição do primeiro álbum, "Eito fora".

No sítio da campanha, quem apoiar com 40 euros recebe como oferta a edição comemorativa, a inclusão do nome como apoiante na edição, um poster autografado pelo grupo e uma garrafa de vinho do Porto, sendo que a oferta varia dependendo do contributo, que pode ir de 10 a 250 euros.

Com esta campanha, o grupo pretende angariar até 2 de março 7.500 euros, metade do orçamento para o lançamento da caixa comemorativa.

A edição comemorativa vai contar com um livro onde vão estar depoimentos de nomes como Manuel Freire, Janita Salomé, Vitorino ou Carlos do Carmo, um historial da Brigada e dos álbuns que lançou e ainda todas as letras das músicas que foram editadas.

A Brigada Victor Jara começou em 1975, na Lousã, quando jovens ligados à União dos Estudantes Comunistas (UEC) participavam na abertura de uma estrada, no âmbito das Campanhas de Dinamização Cultural do MFA.

Segundo Arnaldo Carvalho, o grupo fez "uma nova abordagem à música tradicional", retirando-lhe a imagem criada pelo Estado Novo de "um povo pobre, mas feliz" e recuperando formas "mergulhadas na ignorância", dando-lhe "uma roupagem urbana".

Com essa alteração na forma de apresentar a música tradicional, a Brigada Victor Jara "conseguiu desmistificar junto da juventude que o canto tradicional era foleiro".

Em 40 anos, a cooperativa, com sede em Coimbra, viu "mais de 40 músicos" passarem pelo grupo, que, tendo a sua "génese na política" e "intervenção na sua atitude", explorou a variedade da música tradicional, em que as vivências dos artistas que por lá passaram se refletem no caminho seguido, explanou Luís Garção, membro que entrou em 1981.

"Num país tão pequeno, há diferenças rítmicas, vocais e instrumentais" que foram exploradas pelo grupo, que acabou por criar "uma miscelânea" dos diferentes registos tocados e cantados de norte ao sul do país, incluindo também instrumentos não tradicionais, contou.

De 1977 a 2006, editaram "Eito fora", "Tamborileiro", "Quem sai aos seus", "Marcha dos foliões", "Contraluz", "10 anos a cantar Portugal", "Monte Formoso", "15 anos", "Danças e folias", "Por sendas, montes e vales" e "Ceia louca".

Para além da caixa comemorativa, o grupo pretende ainda fazer uma série de espetáculos pelo país e lançar uma fotobiografia no fim de 2015.

 

retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:25 | link do post | comentar

Segunda-feira, 04.03.13

Letra
Não encontrei a letra desta música


publicado por olhar para o mundo às 08:26 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

40 anos de Brigada Victor...

Brigada Victor Jara em co...

Brigada Victor Jara assin...

Brigada Victor Jara - EM...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds