Sexta-feira, 01.05.15

wack.png

 

 

WACK atuam no Belém Art Fest 2015

 

Os WACK vão marcar presença na edição deste ano do Belém Art Fest, com um concerto no Palco Mini (Museu Coleção Berardo), por volta das 22h00. O grupo lisboeta dá assim continuidade à  apresentação do EP “Sem Pés Nem Cabeça”, editado em janeiro pela Music In My Soul.

 

WACK, palavra “hiphopiana” para algo mau ou sem qualidade, é um projeto musical que surgiu de improvisos e discussões sobre preocupações sérias entre irmãos, criados por concertos e festas Hip Hop underground na zona de Lisboa.

 

Esta fusão de música Rap com Funk, Soul e Jazz nasceu em 2012, após a edição do álbum “Dia e Noite” por TANB e João Paiva “Dikas” (vocalista). A dupla juntou-se a David Neves (DJ Ketzal) e ao produtor/beatmaker Rui Colaço “Raw Muzik” e editou, em 2013, o EP “Contra Fracos Não Há Argumentos”. Este trabalho, misturado e masterizado por Michael Ferreira (MIC) na Sine Factory, simboliza a busca do som WACK e introduziu este projeto nos espetáculos ao vivo.

 

César Correia (baixista) foi convidado a juntar-se à família em 2014, levando consigo Pedro Rodrigues “Mosca” (baterista) para completar a secção rítmica do projeto.

 

Fruto desta junção, em janeiro de 2015 nasceu o EP “Sem Pés Nem Cabeça”, produzido apenas pela banda e editado pela Music In My Soul. A gravação dos temas teve lugar na LXPRO por Orlando Costa, no Headstart Studio por David Neves e no Dubai por TANB. Misturado por Zé Caeiro (DJ X-Acto), este trabalho fala sobre "ser WACK" – que, para os próprios, simboliza o fugir das expectativas, o quebrar de conceitos e o assumir de individualidades. O single de apresentação, “Carta de Amor”, fala sobre uma relação amorosa, cheia de paixão e drama, através de rimas diretas e de um groove entre o romantismo e a desilusão. A sonoridade vem da mistura de gostos pessoais. Os ambientes Jazz, Funk e Rock presentes não fazem com que se perca a verdadeira essência do grupo. Neste EP, pode-se ainda ouvir a voz já indispensável de Joana Campelo.

 

De palco em palco, a Família WACK tem vindo a multiplicar-se, provando que estes músicos não são os únicos a não respeitar os critérios de "bem parecer" impostos pela sociedade. 



publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

Quinta-feira, 27.02.14

Belém Art Fest regressa com espetáculos em três museus e nos Jerónimos

A 3.ª edição do Belém Art Fest vai regressar a Lisboa nos dias 4 e 5 de abril com três museus e o Mosteiro dos Jerónimos como palco para Rita Redshoes, a Orquestra Metropolitana de Lisboa e a fadista Ana Sofia Varela.

 

A iniciativa, cuja terceira edição foi hoje divulgada, em Lisboa, é da responsabilidade da produtora Amazing Adventure (AA), em parceria com a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), o Museu Coleção Berardo, a Câmara Municipal de Lisboa e a Junta de Freguesia de Belém.

 

O objetivo, de acordo com a organização do festival, que tem como diretora artística Selma Uamusse, a voz do grupo Wraygunn, é "promover novos artistas e projetos inovadores em espaços privilegiados de Lisboa".

 

Durante duas noites, os visitantes poderão assistir a concertos, workshops, exibições de dança, cinema, atuações de Djs e visitar todos os espaços e respetivas exposições, mediante a capacidade das salas.

 

De acordo com Pedro Pais, da organização, a grande novidade deste ano em relação aos espaços dos espetáculos e outros eventos é a inclusão do claustro do Mosteiro dos Jerónimos.

 

A organização estima que aquele espaço do monumento quinhentista deverá receber cerca de 800 participantes nos concertos mais concorridos, como o de Rita Redshoes, que apresenta o seu último trabalho, e dos Gospel Collective e convidados. Com esta área, é aumentada a capacidade total do festival para acolher cerca de 5.000 visitantes.

 

Relativamente aos números de participantes nas edições anteriores, a organização indicou que ascenderam a 3.000, na edição de 2013, e 800, em setembro de 2012.

 

O Museu Nacional dos Coches irá acolher concertos de fado e música clássica, com a Orquestra Metropolitana de Lisboa e Ana Sofia Varela.

 

No Museu Nacional de Arqueologia, os visitantes poderão visitar as exposições temporárias, participar em workshops de fotografia ou maquilhagem e assistir a concertos de Noiserv, Minta & the brook trout, Walter Benjamin e Cais do Sodré Funk Connection.

 

O Museu Coleção Berardo, aberto até às 04:00 da madrugada, vai ter atuações de Thomas Anahory, Da Chick e Carolina Deslandes, os Djs Ricardo Guerra, da Revolta do Vinyl e Dj Kamala.

 

Do cartaz do festival fazem ainda parte Andycode, Beatriz Pessoa, Sérgio Silva, Piano Batuque, Mila Dores, Wack e Projeto Melodium, e uma parceria estabelecida com a Jazzy Dance Studios, que traz ao festival, este ano, a vertente da dança.

 

Os bilhetes têm o preço de 12 euros para entrada em todos os espaços num dia, e de 16 euros para todos os espaços nos dois dias, e o horário do festival, no Museu Berardo, vai das 19:30 às 04:00, e, nos restantes espaços, das 19:30 à 01:00 da madrugada.

 

retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:44 | link do post | comentar

Domingo, 24.03.13

Fado, blues, jazz e rock nos museus no Belém Art Fest

Frankie Chavez, Legendary Tigerman, Pedro Moutinho e Mariana Norton são alguns dos artistas que integram o Belém Art Fest, um festival que decorrerá em abril em três museus e no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, foi hoje anunciado.

À segunda edição, o festival alarga-se a dois dias - 5 e 6 de abril - em mais espaços e com mais artistas, explicou à agência Lusa um dos organizadores, Pedro Pais.

O Belém Art Fest consiste na apresentação de concertos, cinema e workshops em espaços museológicos, onde habitualmente não existe uma programação desta natureza, com exceção do Centro Cultural de Belém.

 

Além do CCB, o festival acontecerá nos museus nacionais dos Coches e Arqueologia - repetentes este ano - e o Museu da Presidência, no Palácio de Belém.

 

A ideia é que o espetador circule entre estes quatro espaços para assistir aos concertos e desfrutar das exposições de cada um dos museus, que estarão parcialmente abertas ao público em horário noturno.

 

"É uma fusão cultural, há vários tipos de arte expostas - música, fotografia, arquitetura, cinema - nesta zona nobre, no património nacional, que há noite não tem muitas atividades", explicou Pedro Pais.

 

O cartaz, que não está ainda fechado, contará, por exemplo, com o Gospel Collective e o fadista Pedro Moutinho no Museu dos Coches, com o músico Frankie Chavez e a cantora Márcia Santos no Museu Nacional de Arqueologia, a fadista Helena Sarmento no Museu da Presidência os Loafing Heroes e Legendary Tigerman (em versão DJ set) no CCB.

 

Está prevista ainda uma intervenção artística de Sara Maia no Museu da Presidência e também a exibição de curtas-metragens de terror e ficção científica no CCB.

 

"Este ano acreditamos que temos capacidade para chamar mais público, para receber melhor os nossos convidados, temos uma viatura oficial que poderá transportar os visitantes de uns museus para os outros", defendeu Pedro Pais.

 

Os bilhetes custarão entre os oito euros, para um espetáculo, e os 14 euros se for um passe para os dois dias e todos os eventos.

 

Descrevendo o Belém Art Fest como um evento de pequenas dimensões que espera ter um "crescimento sustentado", a organização espera receber cerca de quatro mil espetadores.

 

Retirado do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 12:55 | link do post | comentar

Domingo, 26.08.12

 

 

 

 

Esta primeira edição irá passar-se em três museus de Belém: Museu Nacional de ArqueologiaMuseu Nacional dos Coches e Museu de Arte Popular, sendo cada um deles palco de um género musical distinto.

 

E é de palco em palco que os participantes poderão assistir a concertos de FADOJAZZ e ROCK envolvidos em alma e em história, pela voz de artistas portugueses.

 

No Museu Nacional dos Coches, serão apresentadas “três abordagens diferentes à canção urbana”, com Pedro MoutinhoMaria Ana Bobone e Teresa Lopes Alves.

 

Já no Museu Nacional de Arqueologia, as vozes, melodias e ritmos de Elisa Rodrigues e Júlio Resende, dos The Soaked Lamb e de Selma Uamusse levam os convidados a um território sonoro retro, entre o Jazz e o Blues.

 

No Museu de Arte Popular, a festa começa com muita energia e boa-disposição com as atuações dos grupos Nice Weather for DucksThe Doups e Youthless, terminando com DJ set às 04h00.

 

Video promocionalhttp://www.youtube.com/watch?v=0r8u5dFtktY&feature=plcp

Websitewww.belem-art-fest.pt | Facebook: www.facebook.com/belemartfest

 



publicado por olhar para o mundo às 21:05 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

WACK atuam no Belém Art F...

Belém Art Fest regressa c...

Fado, blues, jazz e rock ...

Belém Art Fest.

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds