Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

    Letra   Madre, anoche en las trincheras Entre el fuego y la metralla Vi un enemigo correr La noche estaba cerada, La apunté con mi fusil Y al tiempo que disparaba Una luz iluminó El rostro que yo mataba Clavó su mirada en mi Con sus ojos ya vacios  Madre, sabes quien maté? Aquél soldado enemigo Era mi amigo José Compañero de la escuela Con quien tanto yo jugué De soldados y trincheras Hoy el fuego era verdad Y mi amigo ya se entierra Madre, yo quiero morir Estoy (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email