Sábado, 09.04.16

anabela.JPG

 

 
Quarta, 13/Abril - 22;30h
GRANDE HOMENAGEM A ANABELA
Cantora e Actriz de sucesso em Musicais
Bar-Concerto Inda a Noite é uma Criança
Praça das Flores, 8 - Lisboa
Reservas: 937 724 384 


publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 07.07.15

 

 

Letra

 

Não ecnontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.02.15

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

Domingo, 01.09.13

 

Letra

 

Se ainda não esqueceste
As manhãs em que a sorrir
Nos levantámos depois
De uma noite sem dormir
Se ainda não esqueceste
O acordar da tristeza
Ao ver as horas passar
E o jantar frio na mesa
Se ainda não esqueceste
Cartas que então te escrevi
Se ainda abres por vezes
Os livros que te ofereci
Se ainda sabes de cor
As cores que sempre vesti
Canções que sempre cantei
E as cores que sempre escolhi

Sabes,
Eu ainda passo
muitas noites sem dormir
Mas de manhã, ao levantar
Sinto frio e já não sei sorrir
E as cartas que te escrevo, humm...
Mas que acabo por rasgar
São sempre iguais
Só falam de amor
Pedem-te para voltar...

Se ainda não esqueceste
Os momentos de prazer
Que uma criança nos deu
Desde que a vimos nascer
Ao fim de um dia de Verão
Passeios à beira-mar
Deixando atrás pela areia
Os pés marcados a par
Se ainda não esqueceste
Os silêncios que quebrei
Para dizer-te a chorar:
"Foste o único que amei!"
Se ainda não esqueceste
O dia em que nasci
A nossa primeira noite
O pouco que te pedi

Sabes,
Eu ainda passo
muitas noites sem dormir
Mas de manhã, ao levantar
Sinto frio e já não sei sorrir
E as cartas que te escrevo
Mas que acabo por rasgar
São sempre iguais
Só falam de amor
Pedem-te para voltar...

Sabes,
Eu ainda passo
muitas noites sem dormir
Mas de manhã, ao levantar
Sinto frio e já não sei sorrir
E as cartas que te escrevo
Mas que acabo por rasgar
São sempre iguais
Só falam de amor
Pedem-te para voltar...



publicado por olhar para o mundo às 17:09 | link do post | comentar

Domingo, 13.01.13

 

 

Letra

 

há muito muito tempo, eras tu uma criança
que brincava num baloiço e ao pião
tinhas tranças pretas e caçavas borboletas
como quem corria atrás de uma ilusão

há muito, muito tempo era eu outra criança
que te amava ternamente sem saber
vínhamos da escola e oferecia-te uma flor
que tu punhas no cabelo a sorrir

Refrão:
Vem viver a vida amor
que o tempo que passou não volta não
sonhos que o tempo apagou
mas para nós ficou esta canção

vinte anos mais tarde, encontrei-te por acaso
numa rua da cidade onde moravas
ficámos parados e olhámo-nos sorrindo
como quem se vê ao espelho p'la manhã

dei-te o meu telefone, convidei-te p'ra jantar
adoraste ver a minha colecção
pelo tempo fora continuámos unidos
e cantámos tantas vezes a canção

Vem viver a vida amor
que o tempo que passou não volta não
sonhos que o tempo apagou
mas para nós ficou esta canção


daqui a vinte anos, quando tu já fores velhinha
talvez eu já não exista p'ra te ver
ficas à lareira a fazer a tua renda
mas que importa pois, se recordar é viver

há muito muito tempo, tu e eu duas crianças
que brincavam num baloiço e ao pião
vínhamos da escola e oferecia-te uma flor
que desponta agora no teu coração

Vem viver a vida amor
que o tempo que passou não volta não
sonhos que o tempo apagou
mas para nós ficou esta canção

Vem viver a vida amor
que o tempo que passou não volta não
sonhos que o tempo apagou
mas para nós ficou esta canção.



publicado por olhar para o mundo às 08:38 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sábado, 12.01.13

 

 

letra

 

Ontem eras a menina mais alegre e 
mais bonita que eu já conheci. 
Laçarote no cabelo e um fato à 
marujo feito de cetim. 
Fazias-me as contas de multiplicar 
e no fim das contas, 
íamos brincar às casinhas, aos cowboys, 
aos polícias e ladrões, 
já eu te amava sem saber. 

Ontem, hoje e amanhã. 

Hoje dormes a meu lado mas eu 
fico acordado vendo-te a dormir. 
Chego tarde e cansado do trabalho da 
cidade mas esperas-me a sorrir. 
E vejo-te abraçar a mim com tal calor, 
fazes-me esquecer o dia que passou. 
Numa tarde de aluguer, 
lado a lado para viver. 

Ontem, hoje e amanhã. 
Ontem, hoje e amanhã. 

Ontem, hoje e amanhã. 
Ontem, hoje e amanhã. 

Amanhã no fim da vida, hás-de ser a 
minha querida, o meu grande amor, 
partiremos de avião pró Egipto, 
pró Japão ou pró Equador. 
Temos pouco tempo para recordar. 
Sabes, nunca é tarde para começar. 

Ontem, hoje e amanhã, revivendo um grande amor. 

Ontem, hoje e amanhã. 
Ontem, hoje e amanhã. 

Ontem, hoje e amanhã. 
Ontem, hoje e amanhã. Amanhã.



publicado por olhar para o mundo às 17:36 | link do post | comentar

Sexta-feira, 04.03.11

Anabela e Simone juntas

 

A Sala Azul do Teatro Aberto vai acolher dois concertos, dias 4 e 11 de Março pelas 22h.

O primeiro concerto, da cantora Anabela, presta homenagem às grandes músicas portuguesas das décadas de 50, 60 e 70 recordadas nas peças de dramaturgia portuguesa.

A comemorar 25 anos de carreira, Anabela faz um espectáculo dentro da "Tour Nós 2011". Simone de Oliveira será a grande convidada deste concerto. Juntas ao vivo, vão cantar em dueto um dos temas que celebrizou a carreira de Simone de Oliveira.

No dia 11 de Março o Teatro Aberto recebe Mazgani. Depois de ter composto a música interpretada ao vivo na peça "O Senhor Puntila e o Seu Criado Matti", o artista aparece agora num concerto em nome próprio enquadrado na sua digressão internacional.

 

Via DN



publicado por olhar para o mundo às 10:17 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Homenagem a Anabela

Anabela - O Pecado Mora a...

Casa Alegre - Anabela

Anabela - Pensando em ti

Anabela - Vinte Anos

Anabela - Ontem, Hoje e A...

Anabela e Simone em dueto

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds