Sexta-feira, 17.02.17

 

Letra

 

Não encontrei a letra desta música

 



publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 29.09.15

 

Letra

 

Puedo decir que está vacia

cada una de estas calles

 

puedo decir que veo gente

y sin embargo no veo a nadie

 

puede decir que solo los coches  me duermen

puedo demostrar que no respiro

el aire que todos respiran

 

puedo deicr que soy el ultimo testigo de un jardin perdido

que nadie habita

y ahora que mi tiempo ya se acaba

no puedo explicar porque te has ido

no puedo deicr tu nombre sin escalofrios

 

alma

me duele ser el alma

te busco como un loco cada noche en mi ventana

no puedo dormir sin el latido de tu voz

me miro en tu mirada y no veo nada

 

alma

me duele ser el alma

te busco como un loco cada noche en mi ventana

no puedo dormir sin el latido de tu voz

me miro en tu mirada y no veo nada

no veo nada

 

puedo subirme a los tejados

donde solo vive el viento

puedo describirte en el colmado de mim miente de um descaro

en tonos viejos

 

y ahora que mi tiempo ya se acaba

puedo explicar porque te has ido

no puedo decir tu nombre sin escalofrios

 

alma

me duele ser el alma

te busco como un loco cada noche en mi ventana

no puedo dormir sin el latido de tu voz

me miro en tu mirada y no veo nada

no veo nada

 

alma

me duele ser el alma

te busco como un loco cada noche en mi ventana

no puedo dormir sin el latido de tu voz

me miro en tu mirada y no veo nada

no veo nada

 

alma

me duele ser el alma

te busco como un loco cada noche en mi ventana

no puedo dormir sin el latido de tu voz

me miro en tu mirada y no veo nada

no veo nada

 

 



publicado por olhar para o mundo às 20:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 07.11.13

Carminho vence Prémio Carlos Paredes com Alma

Fadista recebe o prémio atribuído pela Câmara Municipal de Vila Franca de Xira por um álbum de originais e versões de clássicos

 

O segundo disco de Carminho, Alma, valeu à fadista o Prémio Carlos Paredes, atribuído pela Câmara Municipal de Vila Franca de Xira. O prémio, no valor de 2500 euros, é entregue no dia 12 de Novembro, numa cerimónia no Museu do Neo-Realismo.

 

Editado em Março do ano passado, Alma reúne 15 fados, entre originais e versões de fados clássicos (de Amália, Maria Amélia Proença ou Fernanda Maria). Carminho chegou até a gravar uma edição brasileira deste disco, à qual acrescentou três novos temas gravados com Chico Buarque, Milton Nascimento e Nana Caymmi.

 

Em Portugal, o sucessor de Fado (2009) foi dupla platina, tendo estado durante várias semanas no top de vendas nacional.  

 

O Prémio Carlos Paredes, atribuído anualmente, visa contribuir para o reforço da identidade cultural nacional, através da música, nomeadamente a de raiz popular portuguesa, procurando homenagear os maiores criadores e intérpretes musicais portugueses do século XX e incentivar a criação e a difusão de música de qualidade feita por portugueses.

 

Em edições anteriores, premiou André Carvalho e Rosa Negra (2012), El Fad (2011), Ricardo Rocha (2010), Um (2009), Pedro Jóia (2008), Mário Laginha (2007), Mandrágora e Bernardo Sassetti (2006), TGB (2005), Ricardo Rocha e Carlos Barretto (2004) e Bernardo Sassetti (2003).

 

MIGUEL MADEIRA

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 19:28 | link do post | comentar

Domingo, 28.10.12

Coliseus recebem Carminho em concerto pela primeira vez

Carminho atua ao vivo nos Coliseus de Lisboa e do Porto nos dias 3 e 9 de novembro, respetivamente, tratando-se da primeira vez que a fadista se apresenta nestas salas de espetáculos.


Ambos os concertos estão integrados na digressão mundial de apresentação do disco “Alma”, editado a 5 de março deste ano, a qual passará, até ao final do ano, pela Polónia, Reino Unido, França, Alemanha, Áustria, Suécia, Dinamarca e Espanha.

 

Em palco, Carminho vai ser acompanhada pela guitarra portuguesa dedilhada por Luís Guerreiro, pela viola de fado de Diogo Clemente e pela viola baixo de Marino de Freitas.

 

Recorde-se de que, recentemente, Carminho gravou três temas no Brasil com Chico Buarque, Milton Nascimento e Nana Caymmi, canções que, de acordo com a promotora dos espetáculos nos Coliseus, irão integrar uma nova edição do álbum “Alma”.

Noticia do Sapo Música


publicado por olhar para o mundo às 12:02 | link do post | comentar

Domingo, 08.07.12

Novo álbum de Carminho nos tops de Espanha, Finlândia e Suécia

O álbum, que entrou diretamente para o primeiro lugar do Top Nacional de Vendas, conquistou, também na semana em que foi editado, o 32º lugar no top de vendas de álbuns da Suécia e a 27ª posição no top de vendas de álbuns da Finlândia.

 

Esta semana ocupa o 21º lugar do top de vendas de álbuns em Espanha, sendo que na semana passada Carminho viu o seu álbum atingir o 5º lugar do top de vendas de álbuns na loja iTunes do país vizinho.

 

O registo, sucessor de “Fado”, reúne 15 faixas, entre temas originais e versões de artistas como Amália Rodrigues (Cabeça de Vento), Chico Buarque (Meu Namorado) e Vinicius de Moraes (Saudades do Brasil em Portugal). Vitorino e Vasco Graça Moura assinam dois temas – Fado Adeus Talvez, respetivamente. A produção do álbum ficou, mais uma vez, a cargo de Diogo Clemente.

 

Sara Novais

 

Noticia do Sapo Música



publicado por olhar para o mundo às 21:15 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.03.12

 

O álbum, que entrou diretamente para o primeiro lugar do Top Nacional de Vendas, conquistou, também na semana em que foi editado, o 32º lugar no top de vendas de álbuns da Suécia e a 27ª posição no top de vendas de álbuns da Finlândia.

 

Esta semana ocupa o 21º lugar do top de vendas de álbuns em Espanha, sendo que na semana passada Carminho viu o seu álbum atingir o 5º lugar do top de vendas de álbuns na loja iTunes do país vizinho.

 

O registo, sucessor de “Fado”, reúne 15 faixas, entre temas originais e versões de artistas como Amália Rodrigues (Cabeça de Vento), Chico Buarque (Meu Namorado) e Vinicius de Moraes (Saudades do Brasil em Portugal). Vitorino e Vasco Graça Moura assinam dois temas – Fado Adeus Talvez, respetivamente. A produção do álbum ficou, mais uma vez, a cargo de Diogo Clemente.

 

Via Sapo Música

 



publicado por olhar para o mundo às 21:24 | link do post | comentar

Sábado, 10.03.12

 

Letra

 

TALVEZ
VASCO GRAÇA MOURA / MÁRIO PACHECO

TALVEZ DIGAS UM DIA O QUE ME QUERES,
TALVEZ NÃO QUEIRAS AFINAL DIZÊ-LO,
TALVEZ PASSES A MÃO NO MEU CABELO,
TALVEZ NÃO PENSE EM TI TALVEZ ME ESPERES.

TALVEZ, SENDO ISTO ASSIM, FOSSE MELHOR
FALHAR-SE O NOSSO ENCONTRO POR UM TRIZ,
TALVEZ NÃO ME AFAGASSES COMO EU QUIS,
TALVEZ NÃO NOS SOUBÉSSEMOS DE COR.

MAS NÃO SEI BEM, RESPOSTAS NÃO MAS DÊS.
VIVO SÓ DE MURMÚRIOS REPETIDOS,
DE ENGANOS DE ALMA E FOME DOS SENTIDOS,
TALVEZ SEJA CRUEL, TALVEZ, TALVEZ.

SE NADA DÁS, PORÉM, NADA TE DOU
NESTE VAIVÉM QUE SEMPRE NOS SUSTENTA,
E SE A PRÓPRIA SAUDADE NOS INVENTA,
NÃO SEI TALVEZ QUEM ÉS MAS SEI QUEM SOU.



publicado por olhar para o mundo às 09:49 | link do post | comentar

Sábado, 03.03.12

O Auditório Jorge Sampaio, do Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, já se revelou pequeno para receber Carminho a 02 de Março pelo que já está agendado um novo espectáculo para o dia 03. 


A fadista irá apresentar o seu segundo disco, “Alma”, um trabalho que será lançado a 05 de Março.

 

Além da edição tradicional em CD, com 15 temas, o álbum terá ainda uma edição digital e uma outra edição especial que contará com 17 temas.


Incluirá também um DVD com o registo do concerto 'Carminho no Lux', realizado pelo cineasta João Botelho. 


De acrescentar que o álbum foi produzido por Diogo Clemente e sucede ao primeiro trabalho discográfico da fadista, 'Fado', lançado em 2009.

 

Os bilhetes para os concertos em Sintra custam entre 15 e 20 euros e a sua venda será nos locais habituais.

 

Via HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 00:01 | link do post | comentar

Quinta-feira, 16.02.12

Carminho apresenta

 

Nasceu Carmo Rebelo de Andrade, em Lisboa, filha da fadista Teresa Siqueira. Os seus pais organizavam tertúlias de fado e em casa ouvia discos de Lucília do Carmo, de Fernando Maurício, de Amália Rodrigues...


Em Lisboa, estreou-se a cantar em público aos doze anos, no Coliseu. Começou então a cantar regularmente na Taverna do Embuçado, em Alfama, onde teve como mestres, para além da sua mãe, Beatriz da Conceição, Fernanda Maria, Alcindo Carvalho, Paquito, Fontes Rocha, memórias vivas da verdadeira essência do fado.

Concluído o curso universitário e começando a perceber que boa parte da sua vida teria de passar pelo fado, viaja pelo mundo durante um ano, participando em missões humanitárias na Índia, Camboja, Peru e Timor.


Regressada a Lisboa, começa a cantar regularmente no restaurante Mesa de Frades. Rapidamente começa a receber solicitações para os grandes palcos nacionais (Casa da Música) e internacionais (Expo Saragoça, Argentina, Suíça, Malta e Tailândia), destacando-se ainda a sua participação no multigalardoado filme «Fados» de Carlos Saura.

Em 2009 editou o seu primeiro álbum «Fado» considerado «a maior revelação do fado da última década» (Time Out, 27 de maio de 2009), alcançando rapidamente o galardão de ouro e dando início a uma digressão que cumpriu sessenta datas em palcos nacionais e espanhóis, sendo nomeado pela conceituada revista britânica Songlines como um dos dez «Best Album 2011».

Vista como um símbolo da sua geração, tornou-se, em 2011, a Embaixadora portuguesa do programa «Youth on the Move», a convite da Comissão Europeia.

2011 é também o ano de um arranque seguro de uma carreira internacional que a leva ao palco principal da Womex (World Music Expo), na Dinamarca, e a vários espetáculos no Reino Unido, França (Théâtre de la Ville), Holanda, Moçambique e Espanha.

Com «Perdoname», com Pablo Alborán, Carminho torna-se na primeira artista portuguesa a atingir o número 1 do top espanhol.

É com grande expectativa que aguardamos o lançamento do seu segundo álbum “Alma” a 5 de Março.

 

Retirado de Lisboa Menina e Moça



publicado por olhar para o mundo às 12:17 | link do post | comentar

Quinta-feira, 02.02.12

“Alma”, o novo álbum da fadista Carminho, é apresentado no dia 02 de Março em Sintra, no Centro Olga Cadaval e chega ao mercado três dias depois, informou a editora discográfica.

 

Além da edição tradicional em CD, o álbum, com a chancela da EMI Music Portugal, será publicado em edição digital e numa edição especial com 17 temas que inclui um DVD com o registo do concerto “Carminho no Lux”, realizado por João Botelho.

 

Os dois temas extra da edição especial são “Poema Original”, letra e música de Diogo Clemente, e “Praia Nua”, letra de António Calém e música de Helena Moreira Viana (Fado Lenitivo).

 

Tal como no álbum de estreia, “Fado”, Carminho assina um tema, “Folha” que interpreta na melodia do Fado Proença, de Júlio Proença.

 

O álbum, produzido por Diogo Clemente, que produziu o mais recente álbum de Mariza, “Fado Tradicional”, integra um total de 15 temas, alguns de repertórios de outros intérpretes, nomeadamente Vinicius de Moraes, Chico Buarque, Amália Rodrigues, Maria Amélia Proença e Fernanda Maria.

 

Entre as composições inéditas conta-se uma de Diogo Clemente, “Bom Dia, Amor (carta Maria José)", sobre Fernando Pessoa, uma outra de Mário Pacheco, para “Talvez”, letra de Vasco Graça Moura, e Vitorino assina a letra e música do “Fado Adeus”.

 

Diogo Clemente assina ainda a letra de “Ruas”, que a fadista gravou no Fado dos Sonhos, de Joaquim Frederico de Brito.

 

“Impressão Digital”, de António Gedeão, no Fado Helena, de Miguel Ramos, e “Disse-te adeus”, de Manuela de Freitas, na Marcha do Raul Pinto, são outros temas incluídos no CD.

 

Neste álbum a fadista, distinguida já com um Prémio Amália Revelação, em 2005, é acompanha por uma panóplia de músicos, nomeadamente Bernardo Couto, José Manuel Neto, Ângelo Freire, Luís Guerreiro e Mário Pacheco, na guitarra portuguesa, Diogo Clemente na viola e guitarra nylon, Marino de Freitas, no baixo acústico, Mário Franco, no contrabaixo, Ruben Alves, ao piano, e Quiné, na percussão.

 

A fadista, que gravou o “Fado das Queixas”, de Joaquim Frederico de Brito e Carlos Rocha, conta também com um ensemble de cordas constituído por Antonio Figueiredo e Katarina Majewska (violinos), Cecile Pays (viola de arco) e Daniela Gonçalves (violoncelo).

 

O álbum abre com “Lágrimas do céu”, de Carlos Conde na melodia do Fado Cravo de Alfredo Marceneiro. 


Outro “poeta popular” do fado que marcou a escrita fadista nas décadas de 1940 a 1960, escolhido por Carminho, é João Linhares Barbosa, falecido há 44 anos, de quem canta “Malva Rosa” e “Cabeça de vento”.

 

Entre outros temas repescados de repertórios de fadistas, cite-se “À beira do cais”, de Maria Amélia Proença, um tema assinado por António José e Manuel Viegas, “Saudades do Brasil em Portugal”, de Vinicius de Moraes que Amália Rodrigues também gravou, “As pedras da minha rua”, da dupla Eduardo Damas/Manuel Paião, uma criação de Fernanda Maria, e ainda "Meu namorado", de Chico Buarque e Edu Lobo.

 

“Alma” é o segundo álbum da carreira de Carminho, sucedendo a “Fado”, de 2009, e depois de ter gravado um dueto com Pablo Alborán que alcançou o primerio lugar no top de vendas espanhol e também no nacional.

 

Via HardMúsica



publicado por olhar para o mundo às 09:32 | link do post | comentar


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

Gapura - Alma

Mariza - Alma

Carminho vence Prémio Car...

Coliseus recebem Carminho...

Novo álbum de Carminho no...

Alma”, o mais recente dis...

Carminho - Talvez (Alma)

Carminho com “Alma” e lot...

Carminho apresenta "Alma"...

"Alma" o novo álbum de Ca...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Letra e música do SiulProdução do Siul Sotnas e Mi...
que puta de letra fdx
Epá, o que é isto?Borrei-me todo com este "Mal des...
blogs SAPO
subscrever feeds