Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

  Letra   nasci no ano errado, na parte errada da cidade, a avó e a doença dela são gritos no quarto ao lado. e eu quero dormir, mas nestas carcaças não cabem pássaros, é a fugir ou a tremer que as mãos dela agarram maços. ... e ela sopra a morte aos poucos, naquele fumo branco que invade o mundo e me deixa rouco. os gestos são dos loucos. e os lábios seda gasta. o pouco na mesa não basta: a pobreza que chega e te afasta, e te mata... e há pontes sobre Tejo, pontos do (...)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email