Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra


Sempre que o amor
Te bater de novo à porta
Solta-se a dor
E tudo se conforta
É o mar que fica mais brilhante
É o passo que fica mais dançante
O futuro que nunca mais se esquece
Sempre que o amor nos acontece...

Canto a magia
De um novo amanhecer
Em tons de alegria
Só por estar a renascer
É o tempo confuso, excitado
O céu que nos cobre por todo o lado
O sorriso que em nós se agiganta
Sempre que a magia assim se canta

Amor é em mim canção
Seja de que forma for
Cantarei esta emoção
Só por ser assim... amor!

Por isso na vida
Já não há hesitação
E em cada batida
Deste meu coração
É o mundo que agarro a toda a hora
A saudade que vem e se demora
É a plenitude da existência
Sempre que assim a vida se faz essência!

Amor é em mim canção...

Arranjo: Rogério Charraz e Rui Carvalho

Voz: Rogério Charraz
Contrabaixo: Nuno Oliveira
Piano: Paulo Loureiro e Rui Carvalho
Guitarra Acústica: Guilha Marinho
Percussões: Ruca Rebordão
Guitarra Portuguesa: Luis Guerreiro

Convidada Especial: Luanda Cozetti | voz

 

Tema do disco "Espelho" (2014).

Música: Rogério Charraz
Letra: Pedro Branco

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.