Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Guarda o cheiro para mim
(Maria Ermelinda Morgado / Rogério Charraz)

Canto para ti esta canção
Feita de flores de jasmim
Se a fechares no teu coração
Guarda o cheiro para mim

Rosa vermelha cor da paixão
Que eu colhi do teu jardim
Deixa-a voar numa ilusão
Mas guarda o cheiro para mim

Água da fonte, fresca e pura
Corre sempre a teus pés
E se no caminho te procura
Faz-se rio outra vez

Vida pintada em verdes trigais
Terra sangrenta sem fim
Dás o teu fruto a todos, iguais
Mas guarda o cheiro para mim

Água da fonte, fresca e pura
Corre sempre a teus pés
E se no caminho te procura
Faz-se rio outra vez

Semente, raiz, flor e fruto
Ciclo de vida feito assim
Ventre sofrido, rasgado enxuto
Guardo o teu cheiro em mim!

 

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email