Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

 

Letra

 

Mais um dia em que o tempo não passou
Cada dia estou mais longe do céu
Só queria emendar o que falhou
Por magia voltar a tu e eu
Pois tu és a minha vida, o ar que eu respiro
Só tu és meu santuário, meu abrigo

(Refrão)
Se eu acreditar que não te perdi,
Se eu imaginar, que ainda estás aqui
E seu eu desejar, como quem ama faz
Será que o tempo volta para trás

Mais um dia sem a luz do teu olhar
Cada dia tou mais longe de ti
Só queria o teu corpo abraçar
Por magia abrir os olhos e ter-te aqui
Pois tu és a minha vida, o ar que eu respiro
Só tu és meu santuário, meu abrigo

(Refrão)
Se eu acreditar que não te perdi,
Se eu imaginar, que ainda estás aqui
E seu eu desejar, como quem ama faz
Será que o tempo volta para trás

Vou imaginando onde tu estarás
Vou pedindo ao tempo para voltar para trás
Mas não sou capaz...

(Refrão)
Se eu acreditar que não te perdi,
Se eu imaginar, que ainda estás aqui
E seu eu desejar, como quem ama faz
Será que o tempo volta para trás


Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email