Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Desculpa

Desculpa se eu não sou quem tu pensavas,
Eu nunca disse nada sem sentir
Eu sei que raramente acreditavas,
Para ti eu estava sempre a mentir

Há coisas que não dão para evitar,
Há outras que nem devem começar.

O erro foi dos dois,
Deixámos p'ra depois,
Tentámos acreditar.
Eu quis dar-te a mão,
Parti o coração,
Mas eu não me arrependi,
Eu quis assim.

O tempo passa e não consigo esquecer,
O sentimento teima em ficar.
Não sei se me odeio por estar a sofrer,
Ou se sofro por me odiar.

Há coisas que não dão para explicar,
Há outras que tento não me lembrar.

Estou farto de baladas
Que só me fazem relembrar,
Decisões erradas,
Que não me deixam avançar.

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email