Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

Um dia eu te conto
sobre o que eu vi no Douro
coisas estranhas na água
que sabem onde vivo e demoro

3 dias já não te lembras
o que te disse na noite
os gigantes da montanha
eles sabem onde tu vives

Eu sei, que mais ninguém
Eu sei, e mais ninguém

Não estranhes se eu já festejo
por saber do teu leito
O quanto essa cor te assenta
aquela de quem não se levanta

6 dias conto cabeças
como se fosse dinheiro
coisas estranhas na água
e sabem onde tu vives

Eu sei, que mais ninguém
Eu sei, e mais ninguém

Foi composto, tocado, gravado, misturado, masterizado pelo Rapaz entre Setembro 2015 e Janeiro 2016.

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.