Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

paulacristina.jpg

 

 

Paula Cristina, fadista, regressa a Portugal em 2011, para reiniciar a sua carreira artística no fado.

 

Desde cedo que canta fado. Passou por alguns dos mais emblemáticos espaços da canção nacional em Lisboa, e decidiu editar o seu segundo trabalho. Era um projeto que ambicionava há muito, e que lhe era solicitado nos espetáculos. Esta edição permite ao público continuar a ouvir a artista para além das apresentações ao vivo.

 

Senhora de uma voz carismática, e uma presença agradável, é uma comunicadora por excelência. Entrega-se de corpo e alma ao fado.

 

Neste trabalho reuniu as letras que mais ‘lhe tocam’. Com os seus músicos, entrou em estúdio com a mesma garra que interpreta em público. Dos 12 temas, 5 são originais, fazendo jus à tradição de cada fadista ter o seu repertório.

 

Resultado: um trabalho genuíno, uma voz inconfundível, os fados tradicionais, num registo muito seu de sentir o fado, mas onde podemos ouvir um tema acompanhado por un cajón.

 

Com músicos de excelência: Sérgio Costa - guitarra portuguesa; Carlos Fonseca - viola de fado; Filipe Larsen - viola baixo, este trabalho reflete a essência e a alma do fado.

 

Paula Cristina será mais um dos nomes que se vão afirmar no fado tradicional.

 

Quando o Fado Acontece, alinhamento:

 

  1. Fado Da Ilusão (Poema: Nuno Figueira, Música: Miguel Ramos (Fado Margarida)
  2. E Só Na Praia (Poema: José Maria de Oliveira, Música: Acácio Gomes da Silva (Fado Acácio)
  3. Sonho Lindo (Poema: José Manuel Machado, Música: Carlos Heitor da Fonseca)
  4. Meu Portugal, Meu Amor (Poema: José Luís Gordo, Música: Fontes Rocha)
  5. Sexta, Sábado e Domingo (Poema e Música: José Maria de Oliveira)
  6. A Vida Foge-me Tanto (Poema: João Dias, Música: J. Franklin Gomes Rodrigues Godinho (Fado Franklin Quadras)
  7. Minha Mãe de Ninguém (Poema: Popular, Adaptação: Paula Cristina, Mýsica: Joaquim Campos (Fado Tango)
  8. Deixa de Olhar (Poema: José Maria de Oliveira, Música: Carlos Heitor da Fonseca)
  9. Porque Te Amo, Lisboa (Poema: Maria de Lurdes Brás, Música: Martinho d’Assunção (Bom Dia Amor)
  10. Fado dos Desejos (Poema: José Manuel Machado, Música: Francisco Viana (Fado Vianinha)
  11. Fado Independente (Poema: José Manuel Machado, Música: Carlos Heitor da Fonseca)
  12. Eu Nasci Amanhã (Poema: Artur Ribeiro, Música: Carlos Heitor Fonseca)
Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email