Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

banner_ERodrigues_BVoutchkova_RPinheiro.jpg

 

 

16 e 17 de Jun. de 2017 21:30

O'culto da Ajuda
Lisboa, Portugal

 Percussão Extraordinária

Ciclo de Percussão no O’culto da Ajuda integrado nas Festas de Lisboa 2017

16-Junho / 21h30 

Colectivo

Colectivo (grupo de percussão):António Machado, Cristiano Rios, Francisco Cipriano, Inês Barracho, João Diogo Castro, Pedro Tavares

Teresa Simas - gestão artística

 

17-Junho / 21h30 

Nuno Aroso

Nuno Aroso . percussão

 METAL

"Entre nós e as palavras há metal fundente…” (Mário Cesariny in You are welcome to Elsinore)

Tenho, desde há muito tempo, um interesse particular por instrumentos de percussão feitos de metal. Encontro neles a poética própria do que é contraditoriamente frágil e rude, sensível e áspero, despojado, adornado, múltiplo e simultaneamente único. Serão, porventura,  os mais “alquímicos” de todos os instrumentos musicais. Metal, para percussão solo é um recital que põe em evidência um conjunto de peças que me foram sendo dedicadas, com a excepção de Huber e Liang, por compositores da minha admiração, com a particularidade de apenas serem usados instrumentos feitos de metal e dispositivos de electrónica. A narrativa desenrola-se a partir da monumental obra para 30 pratos de Luís Antunes Pena e segue, por entre discos de travão de automóvel, vibrafone, triângulos, lâminas de alumínio, ferros de vários tamanhos, latas coloridas,  taças de cobre,  sinos de culturas distantes, divagando entre a complexidade e a simplicidade de meios até à última obra, que reúne um conjunto multi-instrumental  e que convida o público presente a participar num diálogo musical comigo, que nesse momento estarei na condição de maestro/percussionista.

Nuno Aroso

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.