Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

rodrigoleão.jpg

 


RODRIGO LEÃO

Novo álbum de Rodrigo Leão em pré-venda a partir de hoje



"O Retiro" é editado sob o selo da prestigiada editora Deutsche Grammophon

Depois de recentemente ter passado uma temporada em Berlim a misturar o seu novo álbum de estúdio, Rodrigo Leão revela que o seu novo álbum recebe o selo da prestigiada editora Deutsche Grammophon e que está disponivel em pré-venda noiTunes já a partir de hoje. Esta versão foi especialmente masterizada para o iTunes e será disponibilizada em áudio de alta qualidade (24 bits). Quem reservar já o disco receberá imediatamente o primeiro tema a ser apresentado deste novo trabalho, "Melancolia", que conta com a voz de Selma Uamusse. Depois, a dia 23 será disponibilizado como um download imediato o tema "O Peregrino".
 
O álbum será lançado em novembro e resulta de um projeto muito especial no percurso de Rodrigo Leão, tendo este projeto resultado de uma colaboração estreita com o Coro e Orquestra da Gulbenkian, que recebe o selo da prestigiada editora -Deutsche Grammophon.
 
O novo trabalho de Rodrigo Leão é mais um passo num longo e riquíssimo percurso de 30 anos, que lhe permitiu apostar em grandes desafios artísticos e levá-los ao encontro do público pelo mundo fora. o retiro é um projeto de longa data do compositor: uma colaboração ansiada com a Orquestra e o Coro Gulbenkian, referências da música erudita em Portugal, acompanhada pelo seu quarteto de cordas habitual (Viviena Tupikova, Bruno Silva, Carlos Tony Gomes e Denys Stetsenko) e por cúmplices regulares como Celina da Piedade e Selma Uamusse.
 
Com a colaboração nos arranjos orquestrais de Steve Bartek (ex-Oingo Boingo e braço direito do compositor de Tim Burton, Danny Elfman) e do violoncelista Carlos Tony Gomes, Rodrigo Leão assina com o retiro um disco de pensamento, de reflexão, de contemplação.
 
Composto entre Lisboa e Avis ao longo de seis meses, gravado por Tobias Lehmann (responsável por muitos registos da lendária editora Deutsche Grammophon) no Grande Auditório Gulbenkian aproveitando a acústica extraordinária do recinto, é um passo importante para o compositor, que o resume como um trabalho que “carrego há muito no meu pensamento”. Não é por acaso que o seu título é o retiro: é um momento de paz e pausa no meio do bulício contemporâneo, onde a presença da Orquestra Gulbenkian amplia a uma dimensão quase mística.
 
Entretanto o músico já tem concertos importantes marcados para o próximo mês de novembro. No dia 18 atuará no Coliseu do Porto e nos dias 20 e 21 no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, concertos estes que servem de apresentação do novo álbum e nos quais Rodrigo Leão contará com a presença dos mesmos músicos que colaboraram nas gravações do álbum. Os bilhetes para estes espetáculos já se encontram à venda.
 

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.