Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

ailha.jpg

 

 

A Ilha regressa aos palcos

 

Depois do primeiro grande sucesso, com duas sessões esgotadas, muitos elogios e pedidos de repetição, a associação Gambozinos volta a apresentar A Ilha, uma megaprodução em cena no dia 1 de fevereiro, às 15 horas, no auditório do Colégio São João de Brito.

 

O que fazer quando uma catástrofe natural destrói a terra natal de um povo e o atira para uma ilha selvagem? Como lidar com os desconhecidos que são a sua única hipótese de reconstruir a vida neste novo lugar? E como ultrapassar os obstáculos e desafios que surgem pelo caminho?

 

É com estas questões que se deparam Sofia, Pedro e Paulinho, três amigos muito diferentes que protagonizam A Ilha e que nos conduzem numa aventura de recomeços e descobertas, em que as coisas nem sempre são tão óbvias como parecem, e onde descobrem que afinal importa menos o que nos acontece do que as atitudes que temos perante aquilo que nos acontece.

 

A Ilha é um teatro musical inteiramente produzido pelos Gambozinos, que alia à magia de uma fantástica aventura uma proposta para os dias de hoje, baseada nos ideais dos Gambozinos. É uma peça original, escrita, produzida, encenada e tocada ao vivo por um grupo de animadores e amigos dos Gambozinos, que não deixa ninguém indiferente. A primeira edição, no auditório do Museu do Oriente, em Lisboa, repartiu-se em duas sessões, que foram um sucesso – os bilhetes esgotaram e as duas sessões tiveram casa cheia. É por isso que os Gambozinos voltam a apresentar A Ilha, desta vez no auditório do Colégio São João de Brito e a convite da instituição.

 

Os Gambozinos são uma associação juvenil católica sem fins lucrativos com o objetivo de ajudar crianças, jovens e famílias provenientes de meios sociais, económicos e afetivos completamente distintos. Para que essa ajuda se torne possível, são realizadas ao longo do ano atividades de formação e acompanhamento em grupos e campos de férias com os fundos que se vão angariando, procurando construir pontes entre crianças de meios sociais muito diferentes e construir, desde a infância, um mundo diferente e melhor. Este espetáculo será mais um grande contributo para os Gambozinos. Os bilhetes podem ser comprados através do email ilha.gambozinos@gmail.com (€12).

 

Sobre os Gambozinos

O “sonho” dos Gambozinos é, através do desenvolvimento humano e social, unir jovens e famílias de meios económicos e culturais diferentes. Todos ficam mais ricos quando mundos diferentes se conhecem e se relacionam. Trabalham a diferença social para que esta se torne riqueza e não motivo de exclusão. Quebram barreiras, promovem a amizade entre pessoas de realidades sociais diferentes e crescem na relação com Deus, no respeito pela natureza e no serviço aos outros. Os Gambozinos são uma associação católica sem fins lucrativos. Têm como missão fomentar a coesão social entre mais de 350 crianças, com enfoque nas regiões de Braga-Porto, Peniche-Lisboa e Pragal-Lisboa. A formação pessoal/social das crianças é assegurada por um grupo de 100 voluntários entre os 18 e os 30 anos que promovem, ao longo de todo o ano, atividades pedagógicas, criativas e lúdicas (visitas às famílias, explicações, campos de férias, fins de semana formativos e criativos, etc.). Os frutos da ação dos Gambozinos confirmam a sua aposta na construção de um mundo mais justo, humano e sustentável.

Mais informações em www.gambozinos.org ou www.facebook.com/associacaogambozinos 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email