Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

E todo este tempo nunca não foi em vão
Sentiste-te levado pela emoção
Mãe eu consegui tantos anos após
Só depende de mim e do poder da minha voz
Levado ao colo, só mesmo pelos meus avós
Eu e este micro chegamos aqui a sós
Esta garganta já deu nós, no sufoco em silencio
O que não tinha em dinheiro é com amor que compenso
Gerações são iludidas pelo culto da imagem
Na escala mais 10 de aspecto menos 20 de mensagem
Coragem, é o que penso quando me olho ao espelho
Um espírito mais forte, só o físico mais velho
Nunca deixei que tendências apagassem referencias
No fundo, só quero distancia de más influencias
Se pensas que sabes tudo, tas enganado
Acabaste de aprender algo que não te tinham ensinado
O teu envio para o espaço, amigo espaço devolve
A solução dos problemas que só o tempo resolve

E todo este tempo nunca foi em vão
Cada queda que dei tirei uma lição
Sentiste-te levado pela emoção
Quando te abri as portas do meu coração (x2)

Pai eu consegui tantos anos após
Só depende de mim e do poder da minha voz
Graças a ti eu vi que o tempo era escasso e veloz
E desde então cruzo a voz como um albatross
Atrás de barras eu sou livre somos faraós
Sofri quedas em sequências como dominos
Vê-mo no frio como lobo a puxar trenós
Reduzi a distancia localizada entre nós
Eu tenho amor para dar, outros tem para vender
Tu viste me a ganhar, só eu me vi a perder
Vamos fazer um brinde a essa cede de vencer
Que nos mantém focados em ser não no ter
Porque a sorte procura-se sucesso no trabalho
Muitos no fundo não revelam no aquilo que valho
A forma como tratas quem não te pode servir
A maior prova de carácter que podes possuir

E todo este tempo nunca foi em vão
Cada queda que dei tirei uma lição
Sentiste-te levado pela emoção
Quando te abri as portas do meu coração (x5)

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email