Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

 

O DIA IMPOSSÍVEL QUE NUNCA CHEGARÁ

Passaram mil anos e eu parado no inverno,
gelado por dentro, a esperar pelo que não vem,
a memória mente, repete a tua pele a arder na minha,
gelado por dentro, ainda espero pelo que não vem,
pelo que nunca virá.
Parado no inverno, entre miragens da tua voz,
até o cinzento tem a forma da tua sombra,
No centro do inverno, na idade longa em que nada cresce,
espero por ti e sei que nunca virás.
Espero pelo dia impossível que não chegará
Dia impossível que não chegará.
Que nunca chegará
Nunca chegará. 
O dia impossível.
E esperarei por mais mil anos.

José Luis Peixoto

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email