Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

baterista.png

 

 

O músico Fernando Fonseca, de 48 anos, ex-baterista da banda Sitiados, morreu na segunda-feira passada, em Carcavelos, no concelho de Cascais, foi hoje divulgado.

 

A acordeonista Sandra Barata, que tocou com Fernando Fonseca nos Sitiados, disse à agência Lusa que o baterista faleceu na segunda-feira, vítima de um linfoma, em Carcavelos, e a cerimónia fúnebre realizou-se na terça-feira, naquela localidade.

 

Fernando Fonseca foi baterista e fundador, em 1987, dos Sitiados, com Sandra Barata, José Resende (guitarra) e João Aguardela (voz), músico falecido há cinco anos.

 

O baterista gravou o primeiro álbum homónimo da banda, que atingiu o disco de platina, com vendas superiores a 50.000 exemplares. Anteriormente, tinha gravado a canção "A noite", que foi popularizada pelos Resistência. 

 

A bateria de Fernando Fonseca foi ainda gravada em 1993, para o álbum "E agora?!", o segundo dos Sitiados, dos quais saiu, por motivos pessoais, como afirmou na época à comunicação social.

 

O músico fez ainda parte dos HuaHine, projecto cujo single foi lançado na revista Super Jovem, em 1995.

 

Entre propostas e projectos musicais, recusou um convite para fazer parte dos Rádio Macau e, mais tarde, fez parte dos Matarruanos, criando posteriormente um projecto a solo, com temas de intervenção, intitulado "Manguito".

 

SetePontoQuatro é a última banda em que Fernando Fonseca tocou e gravou. A última vez que tocou em palco foi em 2013.

 

Retirado do SOL

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.