Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

misia_delikatessen_260.jpg

 

Mísia apresenta o álbum “Delikatessen Café Concerto”, acompanhada apenas pelo maestro e pianista Fabrizio Romano, no dia 6 de março, no Theatro Circo, em Braga, no dia 7, no Teatro Municipal da Guarda e, no dia seguinte, no Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima.

O álbum “Delikatessen Café Concerto” foi editado no final de 2013, em Portugal, Espanha, França e Argentina.

A cantora, natural do Porto, já apresentou este disco em Lisboa, Faro e em várias cidades de Espanha, Chile, Brasil, Argentina e, segundo a sua produtora, tem agendadas apresentações em Berlim, nos dias 14 e 15 de março, e em Paris, em abril.

"Rasto do infinito", de Tiago Torres da Silva e Miguel Ramos, é o único tema inédito deste álbum que inclui ainda canções em espanhol e francês, como "Agua que nos has de beber", que Sara Montiel interpretou no filme "La Violetera" (1958), e "Chanson d'Hélene", originalmente interpretada por Romy Schneider e Michel Piccoli, no filme "Les choses de la vie" (1970).

O alinhamento inclui "Estación de Rossio", canção que Juanita Cuenca interpretou como "atração internacional" na revista "Agora é que são elas", que esteve em cena no Teatro Capitólio, em Lisboa, em 1953.

 

Retirado do Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.