Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

mickael.jpg

Mickael Carreira está de volta com "Instinto", o novo álbum, hoje nas lojas

Cantor atua hoje no Coliseu do Porto onde apresentará as suas novas canções

Chega finalmente hoje às lojas o muito aguardado novo álbum de estúdio de Mickael Carreira, o primeiro que edita pela Universal Music Portugal e com o qual acaba por assinalar 10 anos de carreira. O disco intitula-se "Instinto" e será apresentado pela primeira vez esta noite no Coliseu do Porto, concerto que conclui a atual digressão e durante o qual serão reveladas muitas surpresas.

"Todas as canções acabam por ter em comum o facto de terem sido as primeiras escolhas. Pode-se dizer que as senti como um primeiro instinto”, diz Mickael Carreira, que justifica o título deste novo álbum. 'Instinto’ porque o instinto é fundamental em tudo na vida: no amor, na vida pessoal e profissional."

São vários os músicos que foram desafiados a colaborar neste "Instinto", desde o amigo Diogo Piçarra, ao grupo de produção Infinity Music (que já trabalharam com artistas como J. Balvin e Nicky Jam), com quem Mickael Carreira trabalhou durante duas semanas na Colômbia, sem esquecer Nellson Klasszik, que já tinha colaborado no seu último disco, entre outros artistas.

"Foram tantas as pessoas envolvidas, aprendi tanto, mas posso dizer que ao trabalhar com cada uma delas o denominador comum foi sempre a paixão pela música. Conhecer e trabalhar com pessoas que partilham da nossa paixão é enriquecedor", afirma.

Para Mickael Carreira, este novo álbum é o seu "trabalho mais pessoal": "A maturidade traz-nos a capacidade de falar mais abertamente sobre o que já nos incomodou, sobre a nossa história. Tenho canções muito pessoais e acredito que muitas pessoas vão sentir que estou a cantar para elas. Mas também tenho temas que são pura diversão."

"Instinto" foi apresentado pelo single "Fácil", que acaba, de forma humorística, por abordar experiências pessoais. "É um tema que acaba por relatar de uma forma mais engraçada aquilo por que passei na adolescência. Queria contar a história da minha maneira e passar a mensagem de que o que importa é a forma como tu te vês. Diverti-me imenso no papel de cromo cheio de confiança. E o feedback foi muito positivo. Tive miúdos que me abordaram a dizer que se sentiam mais confiantes", conta o cantor.

Mickael Carreira assinala agora 10 anos de carreira, uma década de música que "passou num instante". "Sei que a paixão e a entrega são as mesmas de quando comecei esta carreira. Continua a ser um sonho, não há dia em que não agradeça a sorte de poder fazer o que amo, sempre com o apoio do público."

"Instinto" é o álbum que vem marcar esta fase fulgurante do percurso de Mickael Carreira e para ficar a par das surpresas que aí vêm é marcar na agenda: concerto hoje no Coliseu do Porto, imperdível.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email