Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

telheiras.png

 

 

Melech Mechaya e Minta & The Brook Trout no Festival de Telheiras

O Festival de Telheiras já é um marco na comunidade. Comemora 10 anos desde a sua criação, embora seja esta a sua 8ª edição, que se realiza de 10 a 21 de Maio pelos diversos espaços públicos e culturais do bairro.

Numa iniciativa que continua a ser única em Lisboa, pela forma comunitária da organização, pelo número de entidades e actores locais envolvidos e pela filosofia de reforço do sentimento de bairro e da sua identidade, o Festival volta a marcar a diferença pelo equilíbrio e pluralidade das actividades que oferece.
 
A organização, optou este ano por estender as datas do Festival para que a comunidade possa usufruir mais calmamente das mais de 40 actividades promovidas pelo comércio local, pessoas do bairro, grupos de fora e instituições interessadas em participar e dar mais vida e cultura a Telheiras.
 
O Festival, não obstante de ser centrado em Telheiras, é pensado para toda a cidade e continua a apresentar uma programação eclética e dedicada a todos os públicos.

 

A música estará em destaque este ano, com a apresentação de projetos que vão desde as bandas do bairro, até a nomes mais consagrados no panorama nacional. Em destaque, a fusão de vários sons e culturas do mundo dos Melech Mechaya, que prometem fazer a festa com a apresentação do seu novo disco "Aurora" (20/05 - 22:00); o carácter indie de Minta & The Brook Trout, que apresenta o seu novo EP ROW  (19/05 - 21:00); a exploração sonora de Produtos Biológicos Grátis e de Nuno Sanches (13/05); o hip hop do bairro de Estraca (19/05 - 19:00) ; o jazz do Hot Clube; o rock clássico dos Waste & The Candyman (17/05 - 21:30), até à música tradicional dos Torga (18/05 - 21:30). O percurso musical do Festival promete tocar em vários estilos e agradar a muitos ouvidos.
 
Durante a semana as actividades programadas disseminam-se pelos diferentes espaços públicos e espaços culturais do bairro que acolhem workshops de gastronomia e saúde, debates temáticos, Hora do Conto para crianças e pais, Teatro, iniciativas de rastreios de saúde e atividades desportivas e muito mais. No cinema, destaca-se a exibição do filme Dheepan sobre a integração de refugiados que foi Palma de Ouro em 2015.
 
No fim-de-semana, dias 19, 20 e 21 de Maio, a festa concentra-se no jardim de Telheiras, junto à saída do Metro. Os dias são dedicados ao convívio e lazer com a Feira da Tralha (venda de artesanto e coisas em 2ª mão) e do Comércio Local, actividades holísticas e de desporto e um espaço dedicado às crianças com insufláveis e muitas surpresas. Pela noite usufrui-se dos petiscos acompanhados de concertos que começam pelas 19h00.
 
O Festival é organizado pela Parceria Local de Telheiras e pela Junta de Freguesia do Lumiar, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa. Surgiu em 2007 e cresceu do empenho e dinamismo de um grupo de jovens moradores que assumiram o compromisso de alavancar este movimento de aproximação de realidades, de pessoas e de serviços.
 
O Festival apresenta-se como uma forma de impulsionar a participação ativa da comunidade, estimulando um sentimento de pertença e de identidade, refortalecendo os laços de vizinhança.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email