Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

Letra

 

É quase teu mesmo que teu seja perverso
Tiraste a senha
Pagaste ingresso
Dança para ti enquanto tens o mundo às costas
Paga-lhe um copo
diz-lhe o que gostas
É quase, é quase teu
É presa ou predador?
Ficas à montra só pra ver parar a moda
Sair a meio é meia foda
Não será de homem fingir que doi a cabeça
Finge-te calmo, não mostres pressa

É presa ou predador?
A zebra veste de leão
E talvez fique para jantar

É quase, é quase teu
É quase

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.