Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

 

 

Single do Album "Virus" 2015 (Brevemente)

Letra:

1º Verso

Não vim provar nada a ninguém, Joker foi só um aquecimento
Desde 2010 parado quase a cair no esquecimento
Tive de dar a dica ao Last, Khapote no processamento
Rápidamente de volta ao rap capta o Kappa mais consistente
Raramente sóbrio mensagem é consciente
Não tentes ignorar o óbvio é lógico cuidado com as serpentes
Não lhe chames mania muito menos conversa e arrogância
Começa a fazer mais e a falar menos conserva a tua ignorância
Isto vai criar faísca ri te das coroas dos reis
O império tá perder créditos tou tipo o Kendrick nos States
Subir ao stage sem backs Last dobra-me os décibeis
Kappa a vir do fundo mais 60 segundos á Nicholas Cage
És precoce espera um coche o mano tosse e até te vens
Queres ser o boss sim sem teres simbiose vim para pôr a saltar fakes
E mesmo que eu não goste ou que eu não deixe
os dreads estão a consumir para fazer breakdance com o queixo
É o que eu vejo eles querem combustível falta o fuzivel do mic eu passo
Desliga o rádio se tu tás sensível faço o impossível do nível subir com mais classe
Tu olha se a paca compra se postura
Ponho a minha vida no compasso tortura
E olha que o prazo nem sempre dura
Amor em cada frase agora censura
Joker, foi uma amostra do que ficou pa trás
Fuck joker, tou a correr pa frente tás a ficar pa trás
Fuck joker, não tas a ver do que é que eu estou capaz
Kappa esquece fodasse agora eu vou trazer o Ás!

Refrão:

Yeah, isto é hardkore shit
Tu nem tentes entrar sem convite
No convivio entre mim e o meu beat eu e a minha click
So fuck you fagget ass biath
(2x)

2º Verso:

Boy eu não mudo eu continuo o mesmo pula
Não fico mudo rap é pa quem sente e não só pa quem pula
...Yo Dj pull up,
Ainda há sócios a ouvir o mesmo rapper que lhes chula
Que se julga, Pega busca
Se te sentis te atacado então serviu-te a carapuça
Pega a fusca, dá um tiro nos cornos
Pode ser que assim agites um pouco os neurónios
Tu não queiras ouvir flows não é esse o suporte
A mensagem tá na viragem para quem a absorve
Sê real na abordagem eu vou ter de ser directo
Se tu és assim tão underground então vai pedir esmola po metro
Os dreads estão a formar um ciclo
É ridículo a quantidade de rapper's a concorrer ao circo
Vaga é palhaço de serviço
Só diz merda só faz merda tem a boca ligada ao intestino
Aumenta o ringue são muitos a querer andar ao estalo
Já não querem ver quem rap mais só conta quem canta mais de galo quem tem mais moral
Mais swag mais bitches po publico formar um ideal
Errado sobre o rap nacional
Voçês estão a decapita-lo
Anda-me a dar sensação que não há nada de sensacional
Portanto vou ter que ser racional
Claro que eu penso no capital
Não quero ficar o resto da vida a passar mal

Refrão:

Yeah, isto é hardcore shit
Tu nem tentes entrar sem convite
No convivio entre mim e o meu beat eu e a minha click
So fuck you faggot ass bitch

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.