Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

AzevedoSilva.jpg

 

 

“Instante”, de Azevedo Silva, estreia dia 16 de abril

 

“Instante” é o segundo single de Azevedo Silva e estreia já no próximo dia 16 de abril. Daquele que é o quinto álbum de originais do músico e compositor, “V”, editado em novembro de 2014 pela Music In My Soul, “Instante” sucede a “Idiotas”, o single de apresentação. Este trabalho vai poder ser ouvido no dia 26 de abril, no Café das Artes da Casa da Cultura de Setúbal, a partir das 18h00.

 

Depois do EP “Clarabóia” (2006), dos discos “Tartaruga” (2007), “Autista” (2008), “Ao Vivo na Sociedade” (2009), “Carrossel” (2010) e “Monja Mihara” (2012), e de quase duas centenas de concertos e muitos quilómetros percorridos pela Europa e pela América do Sul,  torna-se cada vez mais difícil escrever uma história sobre canções em português sem referir Azevedo Silva.  De espírito introspectivo, revelando preocupações sociais e políticas, o compositor apresenta em cada música uma reflexão sincera e pessoal sobre temas que se enquadram nas canções de intervenção.  A mensagem, sempre lúcida, ainda que subtil, deslinda-se ao som daquilo a que os brasileiros um dia chamaram de “Fado Indie”.

 

A portugalidade é uma natural expressão de Azevedo Silva, presente tanto na voz como no vocabulário, nas letras e na guitarra. Zeca Afonso, tendo sido único naquilo que fez, não partiu sem deixar um legado, no qual Azevedo Silva cultiva muita da sua inspiração — dele herdou a sua sagacidade, agora adaptada a uma realidade contemporânea, urbana, precária.

 

Nascido em Lisboa a 21 de setembro de 1982, Luís Azevedo Silva iniciou a sua carreira musical em 2000, com o projeto Madcab, tendo optado mais tarde, em 2006, por um percurso a solo.

 

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email