Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

telheiras.jpg

 

 

O Festival de Telheiras está de volta para a sua sétima edição. De 2 a 8 de Maio, as ruas vão encher-se de vida e movimento num evento de aproximação entre pessoas e instituições, de reconhecimento mútuo e de celebração da identidade do bairro.


Depois do sucesso dos anos anteriores, o Festival continua a apresentar uma programação ecléctica e dedicada a todos os públicos com o objectivo de promover a aproximação entre os moradores e os serviços e instituições do bairro. Assim, as actividades são promovidas pelo comércio local, pessoas do bairro e instituições interessadas em participar e dar mais vida e cultura a Telheiras. E ainda, por grupos de fora que querem participar nesta Festa, já que é um evento que, sendo centrado em Telheiras, é pensado para toda a cidade.

Durante a semana as actividades programadas disseminam-se pelos diferentes espaços públicos e espaços culturais do bairro que acolhem workshops de gastronomia e saúde, debates temáticos, oficinas de pintura para crianças e pais, Teatro, jogos de tabuleiro, rastreios de saúde e actividades desportivas. No cinema, destaca-se na noite de Quarta-feira a exibição do filme Jonh From com a presença do realizador João Nicolau, recentemente em exibição nas salas de cinema, cujas rodagens tiveram lugar em Telheiras, sendo o próprio realizador um residente do bairro.
 
No fim-de-semana, dias 7 e 8 de Maio, a festa concentra-se no mais icónico jardim de telheiras, junto à saída do Metro. Os dias são dedicados ao convívio e lazer com a Feira da Tralha (venda de artesanato e coisas em segunda mão), actividades holísticas e de desporto e um espaço dedicado às crianças com insufláveis e muitas surpresas. Pela noite usufrui-se dos comes e bebes acompanhados de concertos que começam pelas 20h00. A noite de sexta é dedicada a músicos residentes da freguesia como Katya Spencer Neon Sun. E no sábado ao Jazz, o rock dos Dona Elvira e ao trad folk dos Charanga.
 
O Festival é organizado pela Parceria Local de Telheiras, uma rede de grupos formais e informais com quase 30 membros e conta com o apoio da Junta de Freguesia do Lumiar e Câmara Municipal de Lisboa. Surgiu em 2007 e cresceu do empenho e dinamismo de dois jovens moradores que assumiram o compromisso de alavancar este movimento de aproximação de realidades, de pessoas e de serviços.
 
O Festival apresenta-se como uma forma de impulsionar a participação activa da comunidade, estimulando um sentimento de pertença e de identidade, refortalecendo os laços de vizinhança.
 
Telheiras é Festival e muito mais. Venha desvendar um bairro plural, onde há sempre algo mais a descobrir.

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.