Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

conversas_com_versos_260.jpg

 

A cantora Eugénia Melo e Castro edita este mês um álbum com canções para crianças, no qual interpreta poemas do livro "Conversas com versos", escritos pela mãe, a autora Maria Alberta Menéres.

"Conversas com versos", que reúne pequenos poemas para os mais novos, foi publicado originalmente em 1968 - quando Eugénia Melo e Castro era criança -, foi tendo sucessivas edições e está recomendando pelo Plano Nacional de Leitura.

Surge agora uma nova edição, pela Porto Editora, com um livro/CD com canções de Eugénia Melo e Castro e em que os poemas são ilustrados por Mariana Melo, filha da cantora e neta de Maria Alberta Menéres.

As canções foram gravadas no ano passado em São Paulo, Brasil, com produção de Eduardo Queiróz, e contam com a participação dos músicos brasileiros Ney Matogrosso e Lino Krizz.

Descrito pela editora como "uma obra clássica e pioneira da poesia infantil", "Conversas com versos" vai ser apresentado no domingo na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, com uma atuação de Eugénia Melo e Castro.

Em 2010, Eugénia Melo e Castro editou "Camufilda", o primeiro livro para crianças, que contou com ilustrações de Mariana Melo.

Filha de escritores, Eugénia Melo e Castro estudou artes gráficas e cinema, passou pelo grupo de teatro A Barraca, fez cinema, criou o programa de televisão "Atlântico" e gravou vários álbuns, tendo quase sempre um pé em Portugal e outro no Brasil, onde colaborou com artistas como Chico Buarque, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Ney Matogrosso e Jaques Morelenbaum.

Em 2015, Eugénia Melo e Castro celebrará 35 anos de carreira na música.

Maria Alberta Menéres, atualmente com 84 anos, tem cerca de 70 obras publicadas para a infância e juventude.

Nascida em Vila Nova de Gaia, foi professora de História e Língua Portuguesa, dirigiu durante mais de uma década o departamento de programas infantis e juvenis da RTP e em 1986 recebeu o Grande Prémio Calouste Gulbenkian de Literatura para Crianças.

"O retrato em escadinha", "O que é que aconteceu na terra dos procópios?" e "Camões, o super-herói da língua portuguesa" são alguns dos títulos publicados pela autora.

Na semana passada foi homenageada na Casa das Artes, no Porto.

 

Retirado do Sapo Música

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email