Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

A Música Portuguesa

Em terras Em todas as fronteiras Seja bem vindo quem vier por bem Se alguém houver que não queira Trá-lo contigo também

solnado.jpg

 

 

“Daisy Chains” o segundo disco de Mikkel Solnado é editado dia 10 de Novembro.

O Sucessor de “It’s only love, give it away”, é nas palavras de Mikkel, bastante diferente – “Sonoramente é mais “escuro”, mas também mais alternativo e pessoal, emocional e melancólico.”

 

“E Agora?”,  primeiro single  em dueto com Joana Alegre, arrisca Mikkel a cantar e compor em Português – “já tinha um tema, “Como um fado”, no primeiro disco e esta vai ser cada vez mais a minha realidade, é bem possível que o próximo disco seja cantado 100 % em Português”.

 

Para além do dueto com Joana Alegre, e de uma incrível versão acústica do tema de dança do ano “Get Up”, “Daisy Chains” tem ainda a participação de Ana Free, Elisa Wagner e de Davide Rossi, habitual colaborador dos Coldplay.

 

Mikkel Solnado, nasceu na Dinamarca, mas a infância e a adolescência foram passadas em Portugal. Aos 20 anos regressou a Copenhaga, onde criou uma banda que funcionou também como empresa criadora de jingles. Em 2010 o músico deixou a produtora e começou a escrever canções para si mesmo.

 

Nos dias de hoje, Mikkel divide o seu tempo, entre a sua própria carreira e a produção e composição para outros artistas.

 

“DAISY CHAINS” está nas lojas dias 10 de Novembro.

        

 

 

 

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.