Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

Divino_Sospiro_lowres.jpg

 

 

 

De 1 a 29 de outubro no Palácio Nacional de Queluz

 

Ciclo “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” abre com estreia mundial moderna da serenata “L’Endimione”

 

- 3ª edição das “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” decorre de 1 a 29 de outubro

- Ciclo conta com a participação de muitos dos mais conceituados intérpretes europeus especializados em música setecentista

- Honras de abertura para a estreia mundial moderna da serenata “L’Endimione”

 

Sintra, 26 de setembro de 2016 – O ciclo “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” está de volta ao Palácio Nacional de Queluz para a terceira edição. De 1 a 29 de outubro, ao longo de nove concertos, as “Noites de Queluz” propõem uma viagem pela música erudita que se ouviu na Europa entre o Barroco e o Romantismo.

 

Organizado em parceria com o Divino Sospiro - Centro de Estudos Musicais Setecentistas de Portugal, o ciclo tem a direção artística de Massimo Mazzeo e conta com a participação de muitos dos mais conceituados intérpretes europeus especializados na música desta época.

 

“Este ciclo de música, na terceira edição, é uma pequena contribuição, uma luz aparentemente escondida que atravessa a cortina, onde a interpretação de grandes obras da cultura ocidental é complementada com a apresentação moderna de mais uma obra recuperada do património musical associado ao Palácio de Queluz: a serenata “L’Endimione” de N. Jommelli”, sublinha Massimo Mazzeo.

 

O concerto de abertura, “Uma serenata redesperta para a vida”, tem lugar a 1 de outubro, às 21h30, na Sala do Trono, e celebra o Dia Internacional da Música precisamente com a estreia moderna mundial da serenata “L’Endimione”, de Niccolò Jommelli, sobre libreto de Pietro Metastasio. A obra, ouvida em Queluz em 1780, regressa agora ao Palácio com Lucia Napoli (mezzosoprano), Milena Georgieva (soprano), Bárbara Barradas (soprano), Margarida Pinheiro (soprano) e o Divino Sospiro, sob a direção musical de Massimo Mazzeo.

 

Já no dia 8 de outubro, Vittorio Ghielmi, um dos maiores intérpretes atuais de viola da gamba, e Florian Birsak (pianoforte) apresentam o concerto “O crepúsculo da viola da gamba”, às 21h30, na Sala da Música, com a interpretação de obras de Carl Friedrich Abel, Johann Christian Bach, Andreas Lidl, Muzio Clementi e Carl Philipp Emanuel Bach.

 

No dia 14 de outubro, às 21h30, na Sala da Música, tem lugar o concerto “Dois grandes e um pequeno mestre”, pelo agrupamento alemão Compagnia di Puntoque interpreta obras de Antonio Rosetti, Franz Joseph Haydn e Wolfgang Amadeus Mozart.

 

Rogério Rodrigues, um jovem português radicado na Holanda, especialista em pianos históricos, apresenta a 15 de outubro, às 21h30, na Sala da Música, o recital “Dois virtuoses do pianoforte e um lusitano em Paris”, com obras de Mozart, Muzio Clementi e João Domingos Bomtempo.

 

O italiano Giuliano Carmignola, um dos grandes violinistas da atualidade, é o protagonista do fim de semana que se inicia a 20 de outubro, pelas 21h30, na Sala do Trono. Com a Accademia dell’Annunciata (orquestra) e Riccardo Doni (cravo e direção musical), Carmignola apresenta o concerto “Um virtuose italiano na Inglaterra georgiana”, com obras de Johann Christian Bach, Carl Philipp Emanuel Bach, Felice Giardini e Carl Friedrich Abel.

 

No dia 22, o violinista regressa à Sala do Trono, às 21h30, para “Um serão com Beethoven”, acompanhado pela Accademia dell’Annunciata e pelo Divino Sospiro e sob a direção musical de Massimo Mazzeo. Como o nome do concerto sugere, o programa é preenchido com obras de Beethoven.

 

A 21 de outubro, às 21h30, na Sala do Trono, Gabriela Canavilhas (piano) e o Concerto Moderno (orquestra), com direção de César Viana, apresentam o concerto-palestra extraordinário “Um compositor português no tempo de Napoleão”, dedicado a João Domingos Bomtempo.

 

“Um passeio pelo Classicismo europeu” é a proposta para o concerto da noite de 28 de outubro, na Sala da Música, pelas 21h30. O Helianthus Ensemble – composto por Laura Pontecorvo (flauta), Iskrena Yordanova (violino), Marco Ceccato (violoncelo) e Guido Morini (cravo) - interpretará obras de Tommaso Giordani, Giovanni Battista Costanzi, Joseph Haydn, Franz Danzi e Mozart.

 

O concerto de encerramento do ciclo de Queluz, “Três trios da trindade vienense”, tem lugar a 29 de outubro, às 21h30, na Sala da Música. Federica Valli (pianoforte), Stefano Barneschi (violino) e Paolo Beschi (violoncelo) formam o trio La Gaia Scienza, que apresenta obras de Joseph Haydn, Mozart e Beethoven.

 

Informações úteis

Bilhetes à venda nas bilheteiras da Parques de Sintra, online, e na FNAC, Worten, El Corte Inglés, MEO Arena, Media Markt, Turismo do Aeroporto, ABEP (Agência de bilhetes para espetáculos) e Turismo de Sintra.

 

O projeto “Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” conta com o apoio da Direção Geral das Artes e da Antena 2 como media partner.

 

 


“Noites de Queluz – Tempestade e Galanterie” – Palácio Nacional de Queluz

 

Uma serenata redesperta para a vida

Sábado, 1 de outubro, 21h30, Sala do Trono

Lucia Napoli (mezzosoprano), Milena Georgieva (soprano), Bárbara Barradas (soprano), Margarida Pinheiro (soprano), Divino Sospiro (orquestra), Massimo Mazzeo (direção musical)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

O crepúsculo da viola da gamba
Sábado, 8 de outubro, 21h30, Sala da Música

Vittorio Ghielmi (viola da gamba), Florian Birsak (pianoforte)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Dois grandes e um pequeno mestre

Sexta-feira, 14 de outubro, 21h30, Sala da Música

Compagnia di Punto/ Christian Binde (trompa e direção)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Dois virtuoses do pianoforte e um lusitano em Paris

Sábado, 15 de outubro, 21h30, Sala da Música

Rogério Rodrigues (pianoforte)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Um virtuose italiano na Inglaterra georgiana

Quinta-feira, 20 de outubro, 21h30, Sala do Trono

Giuliano Carmignola (violino), Accademia dell’Annunciata (orquestra), Riccardo Doni (cravo e direção musical)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Um compositor português no tempo de Napoleão

Sexta-feira, 21 de outubro, 21h30, Sala do Trono

Gabriela Canavilhas (piano), Concerto Moderno (ensemble de cordas), César Viana (direção)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Um serão com Beethoven

Sábado, 22 de outubro, 21h30, Sala do Trono

Giuliano Carmignola (violino), Accademia dell’Annunciata + Divino Sospiro (orquestra), solista), Massimo Mazzeo (direção musical)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Um passeio pelo Classicismo europeu

Sexta-feira, 28 de outubro, 21h30, Sala da Música

Helianthus Ensemble/ Guido Morini (cravo e direção)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

Três trios da trindade vienense

Sábado, 29 de outubro, 21h30, Sala da Música

La Gaia Scienza (trio com piano)

Bilhetes à venda nos locais habituais ou online

 

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

BILHETES:

10 Euros por concerto

À venda nas bilheteiras da Parques de Sintra, online, e na FNAC, Worten, El Corte Inglés, MEO Arena, Media Markt, Turismo do Aeroporto, ABEP (Agência de bilhetes para espetáculos) e Turismo de Sintra.

M/6 anos

 

INFORMAÇÕES (PÚBLICO):

Email: info@parquesdesintra.pt

Website: www.parquesdesintra.pt

Facebook: www.facebook.com/parquesdesintra

Telefone: +351 21 923 73 00

 



publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Quer ver a sua banda ou espectáculo divulgados aqui?,
envie um email para: olharparaomundo (arroba) sapo.pt
Se tem alguma letra que eu não tenha encontrado, pode enviar para o mesmo email
mais sobre mim
posts recentes

O Blog Mudou de casa

Fado Insulano - José Mede...

Cantiga da terra - Zeca M...

"Aprendiz de Feiticeiro -...

Milhafre das Ilhas - Luis...

Sara Tavares - Ter Peito ...

Banho Maria - Não Há Amor...

Sara Tavares - Fitxadu ft...

JUNGLE EVA - TT SYNDICATE

João Granola estreia vide...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

links
comentários recentes
"Estou cheio de arrependimento, cheio de dorese tu...
E é "Não dizem duas quando estão ao pé de ti"...
com o soquete p'lo artelho, um soquete é uma meia.
Pena estes rapazes não terem mais popularidade. A ...
Nome do autor da letra?Não se escreve?Falta de res...
A LETRA É ASSIM!!!E NÃO ASSADO!!!!MaMãe, tu estás ...
As partes que não consegui perceber estão com reti...
https://www.google.pt/amp/s/www.musixmatch.com/pt/...
Vou adicionar nos meus favoritos, sou brasileira, ...
" Para que o tremoço o almoço e o alvoroço demorem...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds